Chegaram as chouriças lusitanas

17
20

O movimento “Só a mim ninguém me manda um chouriço” já deu os seus frutos.

Chegaram finalmente a Copenhaga as tão desejadas iguarias portuguesas, uma prenda literalmente deliciosa dos queridos papás do Cartaxo. Obviamente que não conseguimos conter a nossa alegria ao ver as belas das chouriças, das morcelas e das “gulosas” farinheiras. E que cheirinho tão lusitano tem agora a nossa cozinha!

Dificilmente o fim-de-semana poderia começar de melhor maneira.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorHamburgo – da Hauptbahnhof à Rathaus
Próximo artigoHamburgo – dos Santos aos Pecadores
Anabela e Alexandre (linguista e economista), apaixonados um pelo outro e pelas viagens. Juntaram as letras e os números e criaram Vagamundos - Blog de Viagens onde partilham as suas errâncias pelo mundo e motivam todos a viajar. Autores independentes dos livros Caminho do Amor e Rostos do Oriente. Aproveitam qualquer desculpa para vaguear pelo mundo. Viveram na Alemanha, Dinamarca e EUA. Praticam trekking e lounging, alternadamente. Gostam de sujar cozinhas e conversar até altas horas. Uma vez por ano fingem que tocam djambé.

17 COMENTÁRIOS

  1. Se for preciso eu mando por DHL salpicão e presunto para fazer um bom cozido porque o resto devem conseguir arranjar aí, não?
    Beijão e bom fim de semana.

  2. lol lol
    Perdoa-se o mal que faz pelo bem que sabe.
    Ai o CASTROL GTX 1
    lol lol lol
    Mas como uma vez não faz mal, que vos faça muito bom proveito.
    E têm cá um aspecto…vai lá vai!
    Quantas das vezes vamos ao hipermercado e não ligamos nenhuma às prateleiras que estão a abarrotar de determinados produtos? depois, quando estamos longe, essas imagens martirizam-nos, martelam-nos a cabeça e parecem dizer: eu quero1eu quero!
    POr isso convém alguém familiar ou amigo que saiba os nossos gostos.
    Já agora…………só falta um bom cozido à portuguesa.Querem as couves?
    beijinhos.Bom fim de semana enchouriçado.
    lol lol

  3. Olá Eumesma. A esta distância de Portugal sabe que nem ginjas 🙂
    Bjs

    Olá Lu. Nos aceitamos toda a generosidade 🙂 Presunto ainda se arranja, só que às fatias, o que não é muito bom para fazer cozido. Também dava jeito era uma orelha de porco e um chispe 🙂
    Bjs

    Olá Lucy. Há algo igualmente bom para mandar a uns tugas "perdidos" na escandinavia: um bacalhau 🙂 Dentro em breve daremos inicio ao movimento "Só a mim ninguem me manda uma posta de bacalhau" 🙂
    Bjs

    Olá Greece. Com iguarias destas parece que ficamos, por momentos, mais perto de casa. É um bom sentimento!
    Bjs

    Olá Turbolenta. De facto quando estamos em Portugal, e temos tudo a que estamos habituados à volta, por vezes não lhe damos o devido valor. Uma vez longe, aquelas pequenas coisas que são dado adquirido, passam a ser quase impossiveis de arranjar. Mas cá chegou um miminho lusitano 🙂 A vaquinha para o cozido é de grande valor 🙂
    Bjs

  4. Wow, quite a treat! What a nice present! Among of the things I miss the most from my country and my province in particular (Córdoba)are the salames made by the Italian immgrants and the "morcillas".
    I didn't know that you could send these things over the post?
    Did you enjoy them? :o)
    Have a good week!!

  5. Se o ciume é verde, de que cor é a dor-de-cotovelo?? lol
    Aproveitem bem e mandem o Castrol á fava.
    E os papás do Cartaxo não te enviaram um tinto da zona??? Vergonha, eu rifava-los já. lol
    Rui e Susana, dois tugas de Almada e Cascais a viver em Wageningen, Holanda.

  6. Hello Aledys. They are… were really tasty 🙂
    You can send the morcillas and salamis by post, but we think that if they come from outside the EU you have to pay some costums duty fee.
    Wishes of a nice week.

    Olá Tia Maria. De facto sabia bem beber aqui um tintol do Cartaxo, "provavelmente" o melhor do mundo e arredores 🙂 Mas acho que por correio era algo dificil de mandar um garrafão!
    Abraços

  7. O meu tio Zé Rato tinha umas vinhas na zona de Pontével, quando era miudo, ia para lá aos fins de semana com os meus pais.
    O vinho morangueiro que ele fazia era muito bom. Pena os meus primos terem dado cabo das vinhas.
    Rui e Susana, dois tugas de Almada e Cascais a viver em Wageningen, Holanda.

  8. Olá Ti Manel. É pena terem dado cabo das vinhas. Sempre podias ir lá roubar uns cachos e fazer um "home-made" morangueiro 🙂
    E Pontével tem uns bons tascos e restaurantes!
    Abraços

    Olá Marshmallow. O movimento "só a mim ninguém me manda um chouriço" nasceu depois de lermos um post teu sobre as belas iguarias com que te andavas a deliciar depois da visita da família. Portanto, temos que te agradecer 🙂
    Bjs

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here