NYC – Um passeio pela Brooklyn Bridge

11
18

Sábado, 26 de Fevereiro

O dia acordou solarengo. Desculpa mais do que perfeita para um passeio pela histórica Brooklyn Bridge.

Por isso apanhamos a linha verde do metro e em cerca de 10 minutos lá estávamos nós no City Hall Park, onde se inicia a Brooklyn Bridge Promenade.

Claro que aproveitamos e demos uma vista de olhos no parque e na “velhinha” New York City Hall (construída entre 1803 e 1812). Infelizmente a dita estava em restauros e como tal não foi possível tirar melhores fotografias.

Câmara vista, iniciamos a nossa lenta travessia pela Ponte de Brooklyn, que liga os distritos de Manhattan e Brooklyn naturalmente separados pelo rio East.

De referir que esta emblemática ponte de Nova Iorque é uma das mais antigas pontes de suspensão dos Estados Unidos (com uma extensão de quase 2 kms), e quando foi inaugurada (em 1883, após 14 longos anos de construção) era a maior ponte de suspensão do mundo.


Yellow Cab na Brooklyn Bridge

A caminhada por esta impressionante ponte é extremamente agradável (também é possível atravessar de bicicleta pois tem uma ciclovia) e as vistas da ponte sobre Manhattan são simplesmente soberbas como podem confirmar pelas fotografias.


Financial District visto da ponte


Manhattan Bridge – a irmã mais nova


Empire State Building, Chrysler Building, Met life Tower, Rockefeller Center e muitos outros

Next Stop: Battery Park

COMPARTILHAR
Artigo anteriorNYC – Give My Regards to Broadway
Próximo artigoNYC – Battery Park
Anabela e Alexandre (linguista e economista), apaixonados um pelo outro e pelas viagens. Juntaram as letras e os números e criaram Vagamundos - Blog de Viagens onde partilham as suas errâncias pelo mundo e motivam todos a viajar. Autores independentes dos livros Caminho do Amor e Rostos do Oriente. Aproveitam qualquer desculpa para vaguear pelo mundo. Viveram na Alemanha, Dinamarca e EUA. Praticam trekking e lounging, alternadamente. Gostam de sujar cozinhas e conversar até altas horas. Uma vez por ano fingem que tocam djambé.

11 COMENTÁRIOS

  1. Olá Vitor. Estão no forno 🙂
    Abraço

    Olá Marta. Um spot a rever quando lá voltarmos.
    Bjs

    Olá Claudia. Obrigada! Tivemos sorte 🙂 Sabe bem viajar com muita luz dum sol brilhante.
    Bjs

    Olá Xag. Bienvenido! Vuelve siempre!
    Saludos

    Hello Aledys. A beautiful and very welcome clear blue sky 🙂 We are so fed up with the cold and the cloudy sky… But Spring is right at the door 🙂
    Besos

    Olá Valentim. É uma infrastrutura fascinante sobretudo se tivermos em conta a altura em que foi construida.
    Abraço

  2. Nova Iorque me fascina, claro, mas teria muito nervoso, muuuita tensao de ir la! Nao relaxaria um minuto sequer e as seis da tarde ja iria para o hotel. Acho que vi muito filme de crime e mafia, so pode ser…

  3. Olá Anita. É como diz o ditado: "é preciso estar com um olho no burro e outro no cigano".
    Mas felizmente nao tivemos nenhum problema e andamos inclusive de metro há noite. Mas nas grandes cidades a cautela é imprescindivel e um pouco de sorte também 🙂
    Bjs

  4. @Anita… os Vagamundos podem confirmar… Manhattan deve ser dos sítios com mais polícias por m2 à face da terra, especialmente depois do 9/11. As coisas acontecem e um olhinho extra dá sempre jeito, por isso à noite é melhor andar apenas pelas ruas principais e evitar os dark alleys.

    O mesmo já não se pode dizer da periferia, onde à noite é mais complicado.

  5. Confirmamos sim! Manhattan está cheai de policias sobretudo nas zonas turisticas. Naturalmente que de noite é melhor tomar cautelas adicionais como bem diz o Vitor. Nós felizmente nao tivemos problemas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here