Ruta del Cares – Picos de Europa

6
555
ruta del cares

A Ruta del Cares está situada no Parque Nacional de Picos de Europa, mais precisamente entre a localidade asturiana de Poncebos e a localidade leonesa de Caín.

Para quem gosta de caminhadas, visitar os Picos de Europa e não percorrer este trilho, de cerca de 24km, é quase pecado. O trilho em si é de 12km, mas como é linear, ida e volta implicam dobrar a distância.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-1

Apesar da sua extensão a Ruta del Cares é, ainda assim, um dos trilhos mais fáceis de calcorrear nos Picos de Europa. O desnível acumulado de toda a caminhada não ultrapassa os 700 metros, e tirando os primeiros dois quilómetros, em que se tem de superar uma rasgada e pedregosa subida (que se torna numa cansativa descida no regresso), é basicamente plano.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-2

A Ruta del Cares acompanha o rio Cares entre as duas localidades, seguindo sempre ao longo de um magnífico desfiladeiro, conhecido pelo nome de “Garganta Divina”. As vistas são de facto divinais!

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-3Antigamente o acesso, pelo desfiladeiro, entre as duas localidades era praticamente impossível, mas entre os anos de 1916 e 1921 a companhia eléctrica Viesgo construiu um canal de água entre Caín e Poncebos, para alimentar a Central Hidroeléctrica de Poncebos.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-4Mais tarde, entre 1944 e 1950, construiu paralelamente ao canal um trilho para facilitar a manutenção e a limpeza do canal, ainda hoje em atividade.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-5É precisamente esse trilho que milhares de pessoas percorrem nos dias de hoje, e que transformaram a Ruta del Cares, no trilho mais famoso dos Picos de Europa, e um dos mais belos de toda a Europa.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-1

Dicas e relato da nossa caminhada pela Ruta del Cares

Pode-se iniciar a Ruta del Cares em ambas as localidades, mas o acesso de automóvel a Poncebos é bem mais fácil do que o acesso a Caín. Arenas de Cabrales, que é um dos melhores locais para pernoitar na parte asturiana dos Picos, fica a somente três quilómetros de distância. Por isso mesmo nós optamos por iniciar a nossa caminhada em Poncebos.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-2Como já mencionamos, os primeiros dois quilómetros da Ruta del Cares são sempre a subir, ao que se lhes segue uma pequena, mas sinuosa descida. Mas pior que os desníveis é o terreno. As pedras soltas são aos milhares e basta um pequeno descuido para uma queda se tornar inevitável… sobretudo se estiver a chover. E também convém ter o olho aberto para a queda de pedras, que infelizmente são mais frequentes que o desejado, ao longo de praticamente todo o trilho.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-3Nós tivemos sorte e não só não partimos a cabeça, como apanhamos ainda um esplendoroso dia de sol. Contudo convém sempre ir prevenido para a intempérie, pois se há algo que é certo nos Picos de Europa, é a incerteza meteorológica.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-4Após a descida o trilho torna-se plano, e serpenteia as imponentes montanhas ao longo do desfiladeiro. A paisagem é simplesmente soberba, de cortar a respiração! O rio Cares corre lá tão ao fundo, que mais parece um pequeno ribeiro, do que propriamente um rio.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-5

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-6

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-7

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-8Mais um par de horas e chegamos finalmente a Caín, agora com o rio Cares já mesmo ao nosso lado. Até dá para ir molhar os pés!

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-9

Depois de comermos umas sandes, iniciámos o percurso de volta. Apesar do trilho ser o mesmo a perspetiva é outra e como tal está longe de se tornar monótono. O pior do regresso é mesmo os últimos dois quilómetros a descer. Depois de mais de cinco horas a caminhar a sinuosa descida torna-se algo tortuosa para os joelhos.

ruta-del-cares-picos-da-europa-spain-trekking-vagamundos-10Chegamos a Poncebos cansados mas felizes… afinal de contas havíamos percorrido um dos trilhos mais bonitos do Velho Continente!

6 COMENTÁRIOS

  1. Ainda bem que voltaram com a cabeça intacta. As paisagens são, de facto, maravilhosas.
    Acho que toda a gente devia ir a um sítio assim, de vez em quando, ficar um pouco isolado na Natureza, para relaxar, respirar ar puro e relativizar os problemas!
    Abraço
    Ruthia d'O Berço do Mundo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here