De Murias a Rabanal del Camino (17Km)

559km percorridos
254km para Santiago

A etapa de hoje marca o início da nossa subida ao teto do Caminho Francês de Santiago, onde esperávamos chegar na etapa seguinte. As nossas pedrinhas, que nos acompanhavam desde Lisboa, estavam quase a chegar à nova morada. Começava assim a nossa caminhada até à Cruz de Ferro!

Mas se é certo que de Murias a Rabanal é sempre a subir, a verdade é que está longe de ser uma subida muito exigente (o desnível entre as duas localidades é de 300 metros mas o esforço dilui-se ao longo dos 17kms da etapa). As subidas (e descidas) a sério esperavam por nós no dia seguinte!

O dia acordou a prometer chuva e nada como um céu bem negro para motivar as nossas pernas a andar mais depressa e assim tentarem fintar a chuva. Por isso, em pouco mais de uma hora, percorremos os primeiros cinco quilómetros do dia e chegamos à pequena localidade de Santa Catalina de Somoza onde nem sequer paramos.

Santa Catalina de Somoza
Já a caminho de El Ganzo

Cruzada a localidade retomamos o caminho de terra batida paralelo à estrada LE-CV-192 até chegarmos a El Ganzo. Já com quase 9kms nas pernas, escusado será dizer que o corpo pedia um descanso, pelo que não resistimos ao apelo da colorida Mesón Cowboy. Não se pode dizer é que tenha sido uma pausa muito tranquila pois a dita Mesón estava apinhada de gente, a degladiar-se por um lugar sentado e pela atenção do solitário cowboy leonês. Lá bebemos um café a custo e num ápice regressamos ao Caminho… neste caso com muito agrado.

 

Igreja de El Ganzo

Faltavam agora cerca de 8kms para chegarmos a Rabanal del Camino, desta feita sem qualquer localidade pelo meio. Não nos livramos de apanhar uns pinguitos de água, neste último troço do dia, mas nada de mais.

 

Trilho pedregoso que antecede o Rabanal

 

A alegria da chegada à meta do dia

E chegados ao albergue municipal tivemos a melhor receção de uma hospitaleira em todo o Caminho. Um amor de pessoa, sempre preocupada com os peregrinos, e com um enorme coração. Há anos que tem esta vida e é para continuar. São estas pessoas, na maior parte das vezes anónimas, que fazem do Caminho um lugar mágico, que fazem com que todos estes caminhos que desaguam em Santiago sejam muito mais do que umas trilhas de trekking. Eles dão amor e sentido ao Caminho! Tivemos sorte de em dois dias seguidos conhecermos dois Anjos do Caminho (ontem foi o David, lembram-se?).

Rabanal del Camino

Depois de tratarmos da logística e de descansarmos um pouco fomos dar um pequeno passeio pelas ruelas de Rabanal e gostamos muito do que vimos. A sua antiguidade, as casas de xisto e o seu ambiente sossegado conquistaram-nos. Desde a idade média que os peregrinos por aqui param, na altura para retemperar forças e reagruparem-se de forma a atravessarem em grupo o perigoso monte Irago (onde está a Cruz de Ferro), pejado de bestas selvagens e salteadores. Muitas das vezes, a única forma dos peregrinos chegarem vivos a Ponferrada era sendo escoltados pelos cavaleiros templários na altura aí sediados. Não é portanto à toa que Rabanal del Camino tem uma áurea jacobeia muito especial!

 

E para terminar o dia em beleza fomos à missa ao mosteiro. Era suposto assistirmos ás vésperas com o canto gregoriano, pela voz dos monges, mas afinal era a solenidade do Sagrado Coração de Jesus e como tal não tivemos o privilégio de os escutar. Mas foi uma celebração bonita, na qual a Anabela até participou ativamente, que nos confortou a alma e nos deu ânimo para a dura etapa do dia seguinte.

Etapa Anterior: De Villares de Orbigo a Murias de Rechivaldo
Etapa Seguinte: De Rabanal a El Acebo


Clique para ler o nosso Guia do Caminho Francês


Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide encontra sempre os melhores tours locais e pode ainda saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem da World Nomads. São rápidos e fáceis de fazer, são a 100% especializados em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog “VagaMundos” a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

3 COMENTÁRIOS

  1. Olá Clara! A cruz pode ser de ferro e o monte pode ser de pedras… mas o momento foi feito de Amor!
    Beijinhos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.