De Ponferrada a Villafranca del Bierzo (25,5km)

619,5km percorridos

193,5km para Santiago

O dia reservava-nos uma etapa nada apetecível: muito quilómetro de alcatrão, o ruído ensurdecedor dos carros em mais de metade do troço, atravessar meia dúzia de povoações, e para fechar 7,5km de sobe-e-desce. Mas não sendo ainda suficiente para dois peregrinos exaustos, pela primeira e única vez, enganámo-nos no Caminho de Santiago.

Já sabíamos que o dia seria longo, portanto saímos cedinho de Ponferrada com o compromisso de percorrer os 23km que nos separavam de Villafranca del Bierzo.

Ermida de Santa Maria de Compostilla
Capela de San Blas e San Roque em Columbrianos
Muito km de alcatrão, estradas sem bermas e razias de carros

Mais de 75% do terreno desse dia foi estrada ou passeios porque são tantas as povoações que se “colam” neste troço que não dá sequer para ter a tranquilidade do campo. Pouco conseguimos usufruir da paisagem dado o nosso estado físico e o piso ser tão adverso. É verdade que o calor desse dia também não ajudou muito, obrigando-nos a fazer mais paragens do que o habitual.

 

Camponaraya
Atravessando Cacabelos
Vista do rio Cúa à saída de Cacabelos e a chegada a Pieros

O nosso grande entrave foi, passado Pieros, termos tomado o troço alternativo que passa por Valtuille de Arriba, uma povoação pequenina com pouquíssimos serviços para peregrinos. Quando vimos a aldeia apercebemo-nos logo que nos tínhamos enganado. O problema é que não fazíamos ideia quantos quilómetros mais representava aquele desvio.

Valtuille de Arriba. Desvio mais longo do caminho, pouquíssimas sombras e muita subida e descida
 Bastou uma falta de atenção e lá fomos nós obrigados a fazer mais 2,5km do que o planeado. Pode parecer pouco, e quem faz 23 faz 25. Não é assim tão linear. Errar o troço, perder uma seta, retroceder ou seguir direções que obrigam a mais quilómetros tem um efeito psicológico muito nefasto no peregrino.

 

Igreja de Santiago e a sua famosa Porta do Perdão, Villafranca del Bierzo
 

Demos graças a Deus quando vislumbramos Villafranca del Bierzo no horizonte. Estávamos zangados com a nossa falta de atenção, tínhamos esticado demasiado a etapa e ido além dos nossos limites. O Caminho já nos tinha ensinado a não fazer asneira. Parecia que não tínhamos aprendido a lição. Ouvimos António Variações em música de fundo, “quando a cabeça não tem juízo, o corpo é que paga”. Nada podia ser tão verdade.

Nas poucas horas de descanso que nos restavam, é que nos apercebemos que tínhamos ultrapassado a marca dos 600km. Menos de 200km separavam-nos de Santiago de Compostela. Será que conseguiríamos lá chegar? Só tínhamos uma certeza, íamos tentar.

Etapa Anterior: De El Acebo a Ponferrada
Etapa Seguinte: De Villafranca del Bierzo a O Cebreiro


Clique para ler o nosso Guia do Caminho Francês


Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide encontra sempre os melhores tours locais e pode ainda saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem da World Nomads. São rápidos e fáceis de fazer, são a 100% especializados em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog “VagaMundos” a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

8 COMENTÁRIOS

  1. É preciso que a cabeça tenha juízo para fazer os restantes menos de 200 kms!
    No final, a satisfação do objectivo cumprido compensa o esforço.

    Saudações!

  2. "Nada é difícil se for dividido em pequenas partes." (Henry Ford, fundador da Ford Motor Company,1863-1947.
    Um enorme e cordial cumprimento para vocês meus amigos.Que nunca vos falte a força que vos levanta.

  3. Olá Roadrunner. A recompensa por chegar faz esquecer muitas dores! Obrigado pelas tuas palavras.
    Abraços nossos

  4. Olá José. Uma citação mesmo muito apropriada. Sábias palavras!
    Um grande abraço amigo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.