Deserto do Atacama – Debaixo das areias do deserto

Mas nem só de maravilhas da Natureza se faz o deserto do Atacama. Hoje partimos à descoberta da sua riqueza arqueológica, começando pela Pukara de Quitor e visitando a Aldea de Tulor. “Pukara” na língua Quechua significa fortaleza. Esta fortaleza do séc.XII foi estrategicamente construída pelo povo atacamenho sobre as rochas da encosta da colina de Quitor como resposta às investidas expansionistas de povos vizinhos.

Dois factores contribuíam para um bom nível de protecção: a visibilidade que a elevação permitia e no sopé, o rio San Pedro.

O rio era de vital importância, pois na planície encontravam-se extensas áreas de cultivo que alimentavam a população. Daí que cada casa estava munida dum pequeno silo. A fortaleza tinha uma muralha defensiva que cobria todo o perímetro. No entanto, esta só resistiu até 1540, ano em que os espanhóis a tomaram.

De seguida, dirigimo-nos à Aldea de Tulor.


entrada do aldeamento arqueológico

Em termos cronológicos a origem deste complexo arqueológico pode ter mais de 3 mil anos, embora a maioria das estruturas sejam mais recentes, entre o séc.IX e Séc.XIII.


réplicas das habitações

A particularidade desta aldeia milenar reside na sua arquitectura: as habitações em adobe são circulares e interligadas entre si, como de iglos do deserto se tratassem.

A sua descoberta pelo padre Gustave Le Paige é de 1958 pois as areias do Vale da Lua mantiveram-na coberta durante séculos, e sabe-se que mais de 90% da estrutura está ainda soterrada, podendo-se apenas especular sobre o que permanece escondido.

E por falar no padre Gustave Le Paige, tempo ainda para visitar o Museu Arqueológico que o padre belga fundou em San Pedro de Atacama em 1955.

A sua paixão pela arqueologia levou-o a conhecer profundamente a história e evolução do povo atacamenho tendo reunido uma vastíssima colecção de artefactos e peças arqueológicas que descobria nas suas explorações pelo deserto.

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide encontra sempre os melhores tours locais e pode ainda saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem da World Nomads. São rápidos e fáceis de fazer, são a 100% especializados em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog “VagaMundos” a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

8 COMENTÁRIOS

  1. Show de post!
    Amigos,fiquei preocupada com voces aí no Chile, por conta do terremoto(ou essa viagem aconteceu antes?)
    Ah, meu blog está de cara nova e tem sorteio de um layout por lá agora em Março.Participem!
    Bjos

  2. Já muito que por aqui não passava…mas cada vez vejo e aprendo mais,…parabéns pelas fotos e crónicas. Abraço.

    TERE

  3. Olá Vitor. Estas casas foram mais uma das surpresas que o Atacama nos reservava 🙂
    Abraço

    Olá Yoyo. A viagem aconteceu antes do terramoto. Obrigado pela preocupação. Vamos já espreitar o teu blog de cara lavada 🙂
    Bjs

    Olá Tere. Obrigado. Que bom ter-te de volta a viajar connosco 🙂
    Bjs

    Olá Claudia. A temperatura é bem alta durante o dia (entre os 30-40), apesar de termos ido no Outono (Abril/Maio) mas as noites conseguem ser bem fresquinhas 🙂
    Bjs

  4. Olá Yoyo. Não conseguimos comentar no teu blog pois não temos acesso ao espaço para escrever a verificação de palavras. Experimenta retirar a verificação. O novo look está muito bom!
    Bjs

  5. Olá,
    desconhecia estes sitios arqueológicos. As civilizações sul americanas ainda têm muito para mostrar.
    Abraços

  6. Estes são apenas uma amostra do que por ali se espalha. Talvez a América Latina tenha mais segredos escondidos do que supeitamos. Afinal de contas, muito do território nunca foi explorado.
    Abraço

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.