Nha Trang – Crónica e Dicas de Viagem

nha trang

Chegamos a Nha Trang ao raiar do dia, depois de uma noite mal dormida num dos famosos “sleeping buses” vietnamitas. Não tínhamos grandes expectativas sobre a maior estância balnear do Vietnam mas o que é certo é que acabamos por gostar bastante da atmosfera descontraída e animada de Nha Trang, já para não falar das suas praias de areia fina e limpas e das águas claras e quentes do Mar da China Meridional.

Também, depois de três semanas a viajar pelo interior da Indochina, onde o calor sufocante se tornou um companheiro de viagem a “full time”, aportar numa cidade costeira foi para nós como que chegar ao paraíso.

Escusado será dizer que passamos os dias a passear pela orla costeira, aproveitando a sombra dos coqueiros que “florescem” nas margens da avenida marginal Tran Phu Street, a mergulhar nas águas cálidas do mar ou a relaxar numa espreguiçadeira à beira mar apreciando a agitação diária das vendedoras de praia que vendem tudo até lagosta cozida ou grelhada.

Para esta última actividade de “dolce fare niente” recomendamos alugar uma espreguiçadeira no Louisiane Brewhouse. Custa apenas 2 USD por um dia inteiro de aluguer e podemos usufruir de todas as infraestruturas do “beach club”, que incluem piscina e vários restaurantes com comida saborosa a preços em conta. E as cervejas, home made, são cinco estrelas!

Também experimentamos o vizinho Sailing Club que é um pouco mais barato (1,75 USD pelo aluguer) mas não gostamos tanto nem do espaço nem da qualidade da comida e do serviço.

A única visita cultural de relevo que fizemos em Nha Trang foi ao templo budista Long Son Pagoda que fica no sopé da colina onde se encontra uma gigantesca estátua branca do Buda.

Recomendamos a subida à colina, não só para ver de perto a estátua do Buda mas também para usufruir de uma das melhores vistas sobre a cidade.

As noites, essas foram passadas na amena cavaqueira usufruindo da animada noite de Nha Trang, onde florescem os bares e as incontornáveis “Happy Hours”. Afinal de contas uma pessoa tem de se manter hidratada depois de um intenso dia de praia!

Seguindo Viagem

De Nha Trang seguimos para a romântica e encantadora Hoi An. Para tal recorremos mais uma vez aos famigerados “Sleeping Buses” numa longa e dolorosa viagem de 11 horas num autocarro desconjuntado. Para além de estar a cair de podre e de ter um condutor assassino (“aren’t they all in Vietnam?”) e de apenas termos tido direito a uma paragem em todo o percurso, pode-se dizer que o mesmo sofria de um pequeno problema de “overbooking” o que fez com que os corredores fossem utilizados como camas para muitos dos nossos “fellow travellers” e nativos. Puro luxo! A única coisa boa foi mesmo o preço – 11 USD – e o facto de termos chegado vivos (“kind of”) a Hoi An.


Clique para ler o nosso Guia do Sudeste Asiático


Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

Faça um seguro de viagem na World Nomads ou na Iati. São ambas agências 100% especializadas em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado. Se optar pela Iati use o nosso link e terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Encontre os melhores tours locais e compre antecipadamente os bilhetes para os principais monumentos no Get Your Guide ou no Viator.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars.com. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e por norma é onde encontramos sempre os melhores preços.

Esta página contem links afiliados. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog “VagaMundos” a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

6 COMENTÁRIOS

  1. Fui a uma praia, penso que a citada, mas as pessoas e os chapéus eram tantos, tantos, que nem deu para ir molhar os pés. Os viet e as viet, estavam todos vestidos, dos pés a cabeça debaixo dos chapéus de sol. Cada chapéu de sol devia ter, pelo menos oito pessoas…

  2. Hola Trini. Nós ficamos fãs de Nha Trang 🙂
    Bjs

    Olá Agrades. Naquelas paragens os nativos vão ao banho mas com pouca pela à mostra. Curiosamente (e ao contrário do que nos vende Hollywood) na California também se vê muito isso. A maioria dos banhistas que por lá vimos eram de origem latina e banho era com vestimenta integral 🙂 Quanto a Nha Trang também nos alertaram para as multidões mas tivemos sorte e a praia estava bem calma.
    Abraço

    Olá João. Obrigado! Já está mais uma crónica prontinha para ser publicada 🙂
    Abraço

    Olá Claudia. São de facto habitos balneares bem diferentes, como o Agrades mencionou e nós conferimos. Tens de dar um saltinho ao Sudeste Asiatico e saciar a tua curiosidade 🙂
    Bjs

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.