Visitar Elvas – roteiro para visitar a cidade fortificada

roteiro elvas

A cidade fortificada de Elvas foi pensada e edificada a pensar na defesa nacional aquando das guerras entre Portugal e Espanha. Dizem até ser a maior cidade fortificada da Europa. Elvas faz parte de listas nacionais e internacionais de locais imperdíveis do Alentejo. Se estas não forem razões suficientes para o levar a conhecer este recanto encantador do seu Portugal, vamos mostrar o que Elvas tem de imperdível.

elvas-vista-panoramica

Porquê visitar Elvas?

Ao percorrermos a estrada nacional, rumo a Espanha, passamos pela sobejamente conhecida Cidade de Elvas. Demos com um cartaz de turismo cujo slogan era algo semelhante a: “Seja diferente, não se limite a passar! Visite Elvas, Cidade Monumental”. Não foi para sermos diferentes, mas o certo é que parámos, resolvendo assim dar uma oportunidade à cidade, que até então apenas conhecíamos como ponto de passagem. Em boa hora o fizemos. É fácil deixarmo-nos seduzir pela história que evoca. Visitar Elvas vai certamente reservar-lhe muitas surpresas.

Elvas, o que visitar?

castelo-de-elvas

Um dos pontos de visita obrigatória é naturalmente o seu Castelo mandado reedificar em 1226 por D. Sancho II. A entrada da alcáçova faz-se por uma porta aberta na muralha entre as duas torres principais. Aproveitem também para ver as vistas das suas muralhas.

É possível ver de lá todos os fortes de Elvas, que a partir do séc. XVII se transformou na mais reputada Praça Forte de Portugal, tendo desempenhado um importante papel durante a Guerra da Restauração.

Descendo do Castelo em direcção ao centro encontrámos a mais imponente Igreja de Elvas. Falamos da Igreja de Nossa Senhora da Assunção, antiga Sé de Elvas. Na fachada principal, rasga-se um largo arco de volta redonda com base e colunas de traça primitiva. Já as fachadas laterais apresentam contrafortes, gárgulas e coroamento de merlões chanfrados. O interior merece igualmente uma visita, sendo composto por três naves de abóbodas artesoadas. De salientar a azulejaria dos séculos XVII e XVIII.

Visitas feitas, nada como sentir a cidade passeando ao longo dos seus recintos amuralhados e que são considerados como uma autêntica obra-prima da arquitectura militar. Têm a forma de um polígono irregular, com doze frentes, sete baluartes e quatro meios baluartes.

forte-de-santa-luzia-em-elvas
Ao fundo o Forte de Santa Luzia – vista do castelo

Do sistema defensivo da praça-forte, fazem parte o Forte de Santa Luzia e o Forte da Graça. Se chegarem ao forte de Santa Luzia com ele já encerrado, como foi o nosso caso, podem sempre pular as muralhas, literalmente, e sentirem um pouco na pele o que sentiam os ousados que nos tentavam invadir no passado. Para eles não devia ser muito agradável devido à artilharia, mas para nós foi. O único senão era mesmo o vento frio. Nada que o trabalho em equipa não resolva.

Mas não podíamos terminar sem mencionar o famoso Aqueduto da Amoreira, cuja construção foi iniciada em 1498 sob a alçada de Afonso Álvares e concluída em 1622 por Pêro Vaz Pereira. Tem uma extensão de cerca de 7.800 metros e é visível de quase todos os montes que rodeiam Elvas.

Onde comer em Elvas?

Bem sabemos, que toda esta “caminhada” abre naturalmente o apetite. Pois bem, em Elvas podem encontrar inúmeros bons restaurantes e casas de pasto onde podem comer autênticas iguarias alentejanas. O difícil será mesmo escolher…

Um dos preferidos é a Taberna do Adro. Ideal para almoços bem compostos e para degustar a cozinha tradicional da região. Se pretende refeições em conta, Os Elvenses é a escolha de muitos locais e, pela fama de económico, dos visitantes vindos de fora.

Onde dormir em Elvas?

A Casa do Arco da Praça, goza da localização mais central de Elvas. A casa de hóspedes Garcia de Orta é dos mais bem cotados pelos hóspedes. O Hotel Dom Luis, junto ao Aqueduto da Amoreir, é ideal quer para visitar Elvas numa viagem de lazer quer para quem se desloca em negócios. A alguns quilómetros do centro pode encontrar tranquilidade em alojamentos de turismo rural com esmerada decoração rústica. É o caso do Monte da Torre e do Hotel Rural Monte da Provença.

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

Faça um seguro de viagem na World Nomads ou na Iati. São ambas agências 100% especializadas em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado. Se optar pela Iati use o nosso link e terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Encontre os melhores tours locais e compre antecipadamente os bilhetes para os principais monumentos no Get Your Guide ou no Viator.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars.com. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e por norma é onde encontramos sempre os melhores preços.

Esta página contem links afiliados. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog “VagaMundos” a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

5 COMENTÁRIOS

  1. Ola, Vagamundos!
    Conheço um distrito aqui na Italia que também se chama Elvas, situado na regiao do Trentino Alto-Adige, na divisa com a Austria.
    A Elvas portuguesa é maior e muito mais rica em historia.
    Beijinhos e boa semana!

  2. I celebrate your idea to stop at Elvas – I had never heard of it before and it actually proved to be a quite a jewel. I love fortified cities like this one – so much history to take in.. and the views are maginificent.
    I hope you are both doing great!!

  3. Olá Juliana. Não sabiamos que existia um distrito italiano com o nome de Elvas. Vamos já investigar. Obrigado pela informação.
    Bjs

    Olá João. Muito obrigado pelas tuas palavras. Elvas merece o destaque 🙂
    Abraço

    Hola Aledys. Nice to have you back 🙂 We are doing fine in Lisbon 🙂
    Cheers

    Olá Vida de Praia. Obrigado nós por nos acompanhares 🙂
    Bjs

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.