Roteiro Algarve: o que visitar e onde ficar no sul de Portugal

Roteiro Algarve: o que visitar

O Algarve é uma das regiões mais bonitas de Portugal, sendo o destino de praia de eleição da maioria dos portugueses. A prová-lo está a romaria que, todos os verões, leva à região mais a sul de Portugal largas centenas de milhares de pessoas. Mas se pensa que visitar o Algarve se restringe a ir conhecer as suas praias paradisíacas, está muito enganado.
Roteiro Algarve: o que visitarPara além das maravilhosas praias e paisagens costeiras de cortar a respiração, que figuram entre as melhores da Europa, o Algarve tem um sem número de aldeias perdidas no tempo, cidades onde se respira a história de Portugal, extraordinários parques naturais, surpreendentes serras, trilhos fenomenais e até mesmo idílicas cascatas.

Roteiro Algarve: o que visitarPor isso, ao desenharmos este roteiro para visitar o Algarve em 7 dias, tivemos como principal premissa incluir um vasto leque de experiências distintas, misturando de forma relativamente equitativa a visita às praias do Algarve com a visita às suas principais cidades e ao arrebatador interior algarvio, do qual somos fervorosos adeptos.

Roteiro Algarve: o que visitarClaro que não tem de visitar todo o Algarve de uma assentada só. Pode perfeitamente dividir este roteiro em várias partes e fazer duas ou três escapadinhas distintas.

Por último queremos salientar que o roteiro para visitar o Algarve que aqui partilhamos está longe de esgotar o destino. Mas acreditamos que é um excelente ponto de partida para partir à descoberta das várias faces do Algarve e desmistificar a ideia de que o Algarve se resume a um destino de férias de verão.

Roteiro Algarve: o que visitar

Nota importante: é importante ter em conta que este roteiro de 7 dias para visitar o Algarve não contempla dias inteiros passados na praia. Se visitar o Algarve no verão, recomendamos vivamente que acrescente uns dias (ou, até mesmo, marque um par de semanas) para desfrutar das deslumbrantes praias do Algarve e das suas muitas atividades balneares. Descubra a praia algarvia ideal para si lendo o nosso artigo sobre as Melhores Praias do Algarve. Não temos dúvidas que vai encontrar uma que tem mesmo a sua cara!

Quando visitar o Algarve?

Roteiro Algarve: o que visitarSendo um dos destinos balneares mais populares de Portugal não é de estranhar que a maioria das pessoas opte por visitar o Algarve no verão.

Até porque não encontra em Portugal águas mais quentes do que no Algarve (porém, não vá à espera das águas do Mediterrâneo ou do Caribe, ainda estão longe de ser assim quentinhas).

Se optar por visitar no verão, prepare-se para multidões e preços mais altos na hotelaria e restauração.

Se não tiver interesse em fazer praia, recomendamos que viaje em abril-junho e setembro-outubro. O tempo é por norma bom, há menos multidões e os preços são bem mais em conta. Nós adoramos visitar o Algarve nestes meses do ano!

Onde ficar no Algarve? Sugestões de Alojamento

Tendo em conta que este roteiro atravessa praticamente todo o Algarve (ou uma considerável área geográfica para ser mais exato), recomendamos vivamente que divida as noites de hospedagem por várias localidades. Claro que, se dividir o nosso roteiro em várias escapadinhas, pode montar base numa só localidade e fazer os seus passeios a partir daí.

Independentemente da sua opção, é importante referir que na maioria das localidades do Algarve encontra excelentes soluções de alojamento, que vão desde o alojamento local às grandes unidades hoteleiras, passando por charmosos boutique hotéis e casas de turismo rural.

Após ler este roteiro do Algarve até ao fim, clique nos links abaixo para procurar hospedagem nas localidades que se destacam neste artigo e opte sempre por reservar alojamento que permita o cancelamento, não vá ter algum imprevisto.

Alojamento nas principais cidades e localidades do Algarve

Albufeira | Alvor | Carvoeiro | Faro | Lagos | Loulé | Monchique | Monte Gordo | Olhão | Praia da Rocha | Portimão | Sagres | Silves | Tavira | Vilamoura | Vila Real de Santo António

Por último, queremos salientar que ao longo do roteiro vamos sugerir-lhe os nossos alojamentos favoritos para cada um dos dias – testados e aprovados por nós – que apresentam a melhor relação qualidade-preço.

O Melhor do Algarve num Roteiro de 7 dias (1 semana) – o que ver e fazer

O nosso roteiro para visitar o Algarve tem início em Vila Real de Santo António e termina no Cabo de São Vicente  – Sagres, ou seja, atravessa todo o Algarve no sentido este-oeste. Mas pode fazê-lo na ordem inversa sem qualquer problema. Pode até mesmo começar em qualquer um dos pontos de interesse sugeridos e a partir daí desenhar o seu próprio roteiro.

Roteiro Algarve: o que visitarÉ importante referir que o número de dias que sugerimos para este roteiro do Algarve pressupõe que a viagem seja feita com viatura própria e não inclui os dias de viagem do local de origem para o Algarve. Se pretender fazer este roteiro recorrendo a transportes públicos vai precisar de, no mínimo, mais um par de dias.

Roteiro Algarve: o que visitarSe é nosso leitor assíduo, já sabe que nos nossos roteiros o número de dias é meramente indicativo. Se abdicar de fazer algumas das atividades que sugerimos ou cortar alguns pontos de interesse, pode fazer este roteiro em menos dias (avisamos, desde já, que vai ter de fazer cortes mesmo muito “dolorosos”).

Roteiro Algarve: o que visitar

Caso queira fazer mais algumas atividades de natureza, como:

acrescente mais uns dias e alargue este roteiro do Algarve para 15 dias (2 semanas). Ao longo do roteiro vamos dar-lhe algumas sugestões nesse sentido.

Dica VagaMundos: antes de iniciar a sua roadtrip pelo Algarve, dê um pulinho até Espanha para abastecer a sua viatura. Do centro de Vila Real de Santo António são apenas 12 quilómetros até à primeira bomba de combustível do lado espanhol (após atravessar a ponte sobre o Rio Guadiana). A poupança bem que compensa o desvio!

Roteiro visitar Algarve: 1º dia

Vila Real de Santo António – Castro Marim – Cacela Velha – Tavira

Começamos o nosso roteiro do Algarve com uma visita à cidade raiana de Vila Real de Santo António, que fica situada na margem direita do rio Guadiana, mesmo em frente da cidade espanhola de Ayamonte.

Vila Real de Santo António

Passear pelo seu centro histórico é capaz de lhe dar alguma sensação de déjà vu. A razão é simples. Foi o Marquês de Pombal que a mandou construir, como tal, o estilo de construção é semelhante ao que foi aplicado na reconstrução da Baixa de Lisboa após o terramoto de 1755.

Os locais de visita obrigatória e as experiências a não perder em Vila Real de Santo António são as seguintes:

  • Praça Marquês de Pombal
  • Igreja Matriz de Nossa Senhora da Encarnação
  • Centro Cultural António Aleixo (antigo edifício do mercado)
  • Passeio pela marginal do rio Guadiana
  • Foz do Guadiana
  • Praia de Montegordo
  • Reserva Natural do Sapal de Castro Marim e Vila Rela de Santo António

Vila Real de Santo António visitada, continue o seu roteiro do Algarve rumando até Castro Marim, uma das vilas mais genuínas do Algarve.

Roteiro Algarve: o que visitar
Castro Marim

A principal estrela de Castro Marim é o seu altaneiro castelo medieval, que todos os anos ganha vida no último fim-de-semana de agosto, quando se torna o epicentro do famoso Festival Medieval de Castro Marim. As vistas do castelo, com os sapais, o Guadiana e a Espanha no horizonte, são simplesmente fenomenais!

Fora das muralhas os destaques vão para a Igreja Matriz da Nossa Senhora dos Mártires, o Forte de São Sebastião, o Revelim de Santo António e o antigo Mercado Municipal (presentemente dedicado à divulgação do artesanato e produtos locais).

Alcoutim
Dica VagaMundos: gosta de caminhadas e tem um dia extra para alocar ao seu roteiro do Algarve? Então dê um saltinho até Alcoutim e percorra a etapa da Grande Rota do Guadiana que liga a Ribeira do Vascão, onde acaba o Alentejo e começa o Algarve, à vila de Alcoutim. É um dos mais belos trilhos beira-rio que conhecemos! Clique para ler mais sobre Alcoutim.

De Castro Marim siga viagem até Cacela Velha, um dos segredos mais bem guardados da costa algarvia. A pequena aldeia de Cacela Velha fica localizada no topo de uma arriba fóssil e, em nossa opinião, possui a melhor vista do Sotavento Algarvio.

Roteiro Algarve: o que visitar
Cacela Velha

Em mais nenhum ponto da costa algarvia é tão definida a linha oceânica, o complexo dunar das ilhas-barreira e a Ria Formosa beijando as vilas e cidades costeiras. E tudo isto ao alcance da vista a partir do imponente Forte de Cacela. Desça à praia e atreva-se a enterrar os pés na areia.

É praticamente aqui que nasce o fenómeno da Ria Formosa: uma enorme língua de fina areia que resguarda a costa algarvia do Oceano Atlântico. Vire-se para sul e terá um cheirinho da bravura das ondas oceânicas. Vire-se para norte e terá a placidez das águas rasas e cálidas da Ria.

Tavira

O primeiro dia do nosso roteiro do Algarve termina na histórica cidade de Tavira, uma das cidades mais autênticas do Algarve. Deixe-se seduzir pelos seus recantos, das margens do rio Gilão às muralhas do seu castelo altaneiro com vistas encantadas sobre o casario, o rio, as salinas e o mar no horizonte.

Entre os muitos pontos de interesse de Tavira destacamos os seguintes:

  • Ponte Romana
  • Castelo de Tavira
  • Praça da República
  • Igreja da Misericórdia
  • Igreja de Santiago
  • Jardim do Coreto
  • Passeio pelas margens do Rio Gilão
  • Salinas de Tavira
  • Ilha de Tavira
Quer mais dicas sobre a cidade de Tavira? Então não deixe de ler o nosso roteiro com o que ver e fazer em Tavira.
Cascata do Pego do Inferno
Dica VagaMundos: a somente 10 km de Tavira, “esconde-se” o Pego do Inferno, a cascata mais bonita do Algarve. Se gosta de natureza em estado puro, não deixe de ir visitar. Clique para saber como ir até ao Pego do Inferno partindo de Tavira.

Onde ficar a dormir em Tavira? Sugestões de alojamento

Vila Galé Tavira: A inspiração é árabe, na decoração e na arte de bem receber. O Vila Galé Tavira distingue-se pela decoração que recria o ambiente árabe que marcou a história do sul de Portugal. Quartos e suítes espaçosos e confortáveis, um restaurante, um bar, piscina exterior e um Spa para se mimar.

Quintinha da Foz Guest House: é uma unidade de turismo rural com detalhes 5 estrelas. Somos recebidos com um sorriso e escancaram-se as portas do conforto com requinte. Ua combinação de sucesso. Os amistosos cães da Quintinha da Foz Guest House são quase terapêuticos. Recomendamos vivamente.

Pousada Convento de Tavira: Para uma estada de luxo nada como a Pousada Convento de Tavira. Mesmo no centro de Tavira, rodeando o claustro do antigo convento, esta magnífica unidade hoteleira tem um ambiente histórico-cultural envolvente. Ao mesmo tempo respira-se calma e descontração.

Clique para ver mais opções de alojamento em Tavira

Roteiro visitar Algarve: 2º dia

Tavira – Olhão – Parque Natural da Ria Formosa – Faro

Damos início ao segundo dia do nosso roteiro do Algarve rumando até Olhão, onde fica o maior porto pesqueiro do Algarve. A joia da coroa de Olhão é o seu fantástico mercado, que diariamente (exceto aos domingos), se enche de vida e onde se pode encontrar uma imensa variedade de peixe fresquíssimo, assim como frutas, verduras e produtos regionais.

Olhão

Para além da visita ao mercado, não deixe de deambular pelas castiças ruelas dos antigos bairros de pescadores e de fazer um prazenteiro passeio matinal ao longo da sua marginal.

E é precisamente da marginal de Olhão que arrancam os passeios de barco pelo Parque Natural da Ria Formosa, um dos locais que tem mesmo de incluir no seu roteiro do Algarve.

Escusado será dizer que existe uma vasta oferta de passeios de barco em Olhão. Na escolha da excursão tenha em atenção a duração da mesma (tudo o que seja menos de 3 horas é de evitar) e que locais é que vai visitar durante o passeio. Uma boa excursão deve incluir sempre a Ilha do Farol, onde está localizado o icónico Farol de Santa Marta, uma visita à aldeia de pescadores da Ilha de Culatra e uma passagem pela baía e ilha de Armona (também conhecida por Ilha da Fuseta).

Da última vez que estivemos em Olhão, optamos por reservar este passeio de barco (clique para ver) através do Get Your Guide e gostamos bastante da relação qualidade-preço.

Faro

O segundo dia do roteiro do Algarve termina em Faro, a capital do Algarve. Grande maioria das pessoas que visita o Algarve não incluí Faro no seu roteiro mas, em nossa opinião, faz muito mal. Faro tem um dos centros históricos mais interessantes do Algarve, uma imensidão de monumentos para se visitar e uma marina e marginal estupendas onde dá (imenso) prazer passear. Como não sofre de turismo massificado, Faro consegue manter bem vincada a sua identidade.

Os principais pontos de interesse de Faro são:

  • Sé Catedral de Faro
  • Praça D. Afonso III
  • Arco da Vila
  • Arco do Repouso
  • Palácio de Estói
  • Igreja de São Pedro
  • Igreja do Carmo e Capela dos Ossos de Faro
  • Igreja de São Francisco
  • Teatro Lethes
  • Marina de Faro
  • Museu Municipal de Faro
  • Ruínas Romanas de Milreu
  • Ilha de Faro

Dica VagaMundos: também é possível fazer um passeio de barco ao Parque Natural da Ria Formosa partindo de Faro. Pode reservar o seu passeio com antecedência (sem custos adicionais e cancelamento gratuito) através do GetYourGuide.

Onde ficar a dormir em Faro? Sugestões de alojamento

Eva Senses Hotel: O hotel 4 estrelas Eva Senses Hotel promete “conforto sofisticado na capital do Algarve”. E cumpre! Luxo acessível que não descura nenhum pormenor do conforto dos hóspedes. Localização muito central, um rooftop bar com piscina exterior e vistas para a marina que são uma delícia.

Aqua Ria Boutique Hotel: tem acomodações modernas e elegantes na Rua de Santo António, a rua comercial de Faro, mas com muita tranquilidade no interior. O hotel boutique tem um ambiente confortável, com detalhes de requinte que se destacam. Aqua Ria Boutique Hotel tem quartos modernos, com produtos de higiene da Saboaria Portugueza (um toque atencioso), e um pequeno-almoço delicioso.

Sunlight House: Mais económico, o Sunlight House é um B&B mesmo à beirinha do centro histórico de Faro que se caracteriza pela ambiência perfeita uma escapadinha romântica. Todos os pormenores mostram cuidado e estima duma decoração de inspiração kitsch com bom gosto, sem exageros e muito harmoniosa para o objetivo: puro e santo descanso.

Clique para ver mais opções de alojamento em Faro

Roteiro visitar Algarve: 3º dia

Faro – Loulé – Querença – Fonte Benémola – Alte – Albufeira

No terceiro dia do roteiro do Algarve vai conhecer alguns dos maiores tesouros da Serra do Caldeirão e terminar o dia a assistir a um maravilhoso pôr-do-sol numa das praias mais emblemáticas do Algarve.

Loulé

A primeira paragem do dia será em Loulé. Comece a visita pela Praça da República para conhecer o Mercado Municipal, a atração turística mais emblemática de Loulé. O edifício coberto de estilo clássico com inspirações mouriscas é imperdível.

Depois parta à descoberta do seu sedutor centro histórico medieval não deixando de visitar a Torre do Relógio, o Castelo de Loulé, a Igreja de São Clemente, o Jardim dos Amuados, a Torre da Vela e os Banhos Islâmicos.

Roteiro Algarve: o que visitarFora do centro histórico o destaque vai para o Santuário de Nossa Senhora da Piedade onde ocorre a maior romaria de devoção mariana a sul de Fátima.

Quer mais dicas sobre a cidade? Então não deixe de ler o nosso roteiro de Loulé para saber o que ver e fazer.
Querença

Loulé visitada está na hora de se adentrar no barrocal algarvio, um dos destinos do Algarve mais procurado pelos amantes do turismo de natureza e das caminhadas.

A primeira paragem no barrocal algarvio será em Querença uma das aldeias mais castiças desta região. O principal monumento de Querença é a sua Igreja Matriz, que tem um belo portal manuelino. Porém, o seu maior tesouro não é obra do homem, mas sim da natureza.

Roteiro Algarve: o que visitar
Fonte Benémola

Estamos a falar da Fonte Benémola, um dos poucos locais do Algarve que consegue a proeza de ter água o ano inteiro, o que a transforma num autêntico oásis no, habitualmente, verão seco do Algarve. É simplesmente maravilhoso!

Dica VagaMundos: se gosta de caminhadas, e quiser acrescentar mais um dia ao seu roteiro do Algarve, não deixe de percorrer o fantástico percurso pedestre da Fonte Benémola. Aproveite e visite também a bonita aldeia serrana de Salir e a área protegida da Rocha da Pena. As vistas sobre o barrocal algarvio são de cortar a respiração. Clique aqui para ler mais informações sobre o percurso pedestre da Fonte Benémola e descarregar o track GPS para levar no seu smartphone.

Continue o seu roteiro pelo Algarve rumando até à aldeia de Alte, localizada no sopé da Serra do Caldeirão. Alte é uma das aldeias mais típicas do Algarve, com casas caiadas de branco, portas e janelas emolduradas por coloridos frisos e chaminés rendilhadas.

Roteiro Algarve: o que visitar
Aldeia de Alte

Perca-se pelas ruelas calcetadas do seu castiço centro histórico, visite a Igreja Matriz e a Capela de São Luís e vá conhecer as belas Fontes de Alte, alimentadas pelas cristalinas águas da ribeira de Alte. Outrora era aqui que as mulheres da aldeia vinham lavar a roupa, mas hoje o espaço conta também com uma área de lazer arborizada onde não falta uma piscina fluvial e um agradável parque de merendas. É um local perfeito para um pic-nic!

Queda do Vigário

E para fechar em grande a sua visita a Alte nada como percorrer o pequeno trilho que liga a aldeia à Queda do Vigário, a maravilhosa cascata com 24 metros de altura formada pelas águas da ribeira de Alte. Se for no verão, não deixe de dar um mergulho nas límpidas águas da lagoa da Cascata de Alte.

Feche o dia rumando até ao litoral mais concretamente até Albufeira uma das cidades mais badaladas do Algarve. Apesar das unidades hoteleiras modernas e das multidões de turistas que visitam todos os anos, Albufeira mantém a sua atmosfera mourisca e, no âmago, ainda é a vila de pescadores que sempre foi.

Roteiro Algarve: o que visitar
Albufeira

Para descobrir os seus encantos nada como calcorrear a pé a cidade velha. Os principais pontos de interesse do centro histórico de Albufeira são as antigas portas das muralhas, a Torre do Relógio, a Capela da Misericórdia, a Igreja Matriz, a Igreja de São Sebastião, o Largo Engenheiro Duarte Pacheco, os vestígios arqueológicos de casas islâmicas e a sempre animada Rua 5 de Outubro.

Cidade velha visitada, vá conhecer a icónica Praia dos Pescadores. Aproveite para dar um refrescante mergulho antes de subir as escadas rolantes até ao Miradouro do Pau da Bandeira, o nosso local favorito para assistir ao pôr-do-sol em Albufeira.

Quer mais dicas sobre a cidade e arredores? Então não deixe de ler o nosso Roteiro de Albufeira.
Roteiro Algarve: o que visitar
Gruta de Benagil
Dica VagaMundos: se tiver mais um dia para acrescentar ao seu roteiro do Algarve, não deixe de fazer um passeio de barco até à fantástica Gruta de Benagil e de visitar Vilamoura, um dos spots mais in do Algarve.

Onde ficar a dormir em Albufeira? Sugestões de alojamento

Cerro da Marina Hotel: é um dos hotéis de Albufeira com melhor relação qualidade-preço. É a equipa que conquista com a simpatia e disponibilidade, e geram aquele ambiente de “casa longe de casa” sem stress nem fadiga. Excelente localização (centro de Albufeira) e variado pequeno-almoço buffet com opções continental, inglês, americano e sem glúten. E o Cerro da Marina acolhe até o seu animal de estimação.

Hotel California Urban Beach – Adults Only: Os hóteis adults only são dos que esgotam mais rápido em Albufeira, portanto, seja rápido a reservar o Hotel California Urban Beach – Adults Only, que fica a somente dois minutos da Praia dos Pescadores.

Pine Cliffs Hotel, A Luxury Collection Resort: Se dinheiro não for problema, o Pine Cliffs Hotel, A Luxury Collection Resort é o que precisa para uma estadia principesca. Premiado como o Melhor Resort de Luxo com Vista Mar da Europa, não precisa de ir mais longe para encontrar la crème de la crème da hotelaria em Albufeira.

Clique para ver mais opções de alojamento em Albufeira

Mapa dos dias 1, 2 e 3 do Roteiro do Algarve


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa dos dias 1, 2 e 3 do Roteiro para visitar o Algarve

Roteiro visitar Algarve: 4º dia

Albufeira – Cova Redonda – Nossa Senhora da Rocha – 7 Vales Suspensos – Carvoeiro

Grande parte do quarto dia do nosso roteiro para visitar o Algarve será dedicado a percorrer o assombroso percurso pedestre dos Sete Vales Suspensos, um dos trilhos mais bonitos do Algarve, recentemente eleito como o melhor destino de caminhadas da Europa. Se gostam de uma boa caminhada e de vistas de cortar a respiração, esta é uma atividade imperdível numa visita ao Algarve.

Praia da Cova Redonda

Mas antes de começar a sua caminhada, sugerimos que faça uma paragem na Praia da Cova Redonda. Esta é daquelas praias de deixar qualquer alminha de queixo caído: areia dourada radiante, águas duma pureza cristalina estonteante e um enquadramento perfeito da enseada ao fundo da arriba.

Mesmo ali ao lado, na direção oeste, a ponta da Nossa Senhora da Rocha coroada pela encantadora ermida divide duas pequenas mas deliciosas pérolas das praias do Algarve: a leste a Praia da Senhora da Rocha e a oeste a Praia Nova, maior e mais isolada.

Nossa Senhora da Rocha

Visitas feitas, rume até à Praia da Marinha o nosso ponto de partida de eleição do Trilho dos 7 Vales Suspensos. O percurso tem sensivelmente 6 km (12 km ida e volta) e percorre a arriba costeira, entre a Praia da Marinha e a Praia Vale de Centeanes, brindando o caminhante com fantásticas paisagens do litoral algarvio.

Trilho dos 7 Vales Suspensos

Pelo caminho irá atravessar, literalmente, sete vales suspensos, que outrora estiveram associados à foz de uma linha de água que se despenhava diretamente no mar. Clique aqui para ler mais sobre o Trilho dos 7 Vales Suspensos e descarregar o track GPS para levar no seu smartphone.

Caminhada terminada, rume até ao vizinho Carvoeiro, onde o espera uma das maiores obras-primas da natureza do Algarve, o soberbo Algar Seco.

Algar Seco

Se ainda se sentir com energias para mais uma caminhada, não deixe de percorrer o passadiço que arranca da Capela da Nossa Senhora da Encarnação e termina precisamente junto à curiosa formação rochosa do Algar Seco.

Praia do Carvoeiro

Caso não esteja já para grandes andanças, fique-se pelo miradouro junto à Capela da Nossa Senhora da Encarnação e desfrute de um fantástico pôr-do-sol com a belíssima Praia do Carvoeiro como pano de fundo.

Onde ficar a dormir no Carvoeiro? Sugestões de alojamento

Tivoli Carvoeiro: Um dos nossos alojamentos de eleição no Carvoeiro é o Tivoli Carvoeiro. Fica mesmo ao lado da Praia do Vale de Centeanes, um dos pontos de partida do Trilho dos 7 Vales Suspensos (a pé, não é mais do que 15 minutos). Os quartos são muito espaçosos (escolha um com vista mar), tem duas piscinas (interior e exterior), um Spa de topo e um pequeno-almoço 5 estrelas.

Suites Alba Resort & Spa: fica localizado junto à idílica Praia de Albandeira e é possível alugar uma villa com cozinha só para nós. O Suites Alba Resort & Spa é simplesmente perfeito tanto para uma escapada a dois como para quando vamos com amigos. As villas estão super bem equipadas e a propriedade conta ainda com uma deliciosa piscina de água salgada e um spa.

Rocha Brava Village Resort: As villas do Rocha Brava Village Resort ficam localizadas no pequeno povoado de Alfanzina, e apresentam uma relação qualidade-preço estupenda. É certo que as villas estão uns furos abaixo das do Suites Alba Resort & Spa, mas não deixam de ser confortáveis e de ter tudo o que se precisa para uma boa estadia.

Clique para ver mais opções de alojamento no Carvoeiro

Roteiro visitar Algarve: 5º dia

Carvoeiro – Portimão – Praia da Rocha – Alvor

O quinto dia do nosso roteiro do Algarve começa com uma visita a Portimão, a capital do barlavento algarvio. A maioria das pessoas visita unicamente as suas fantásticas praias, mas antes de as ir conhecer, recomendamos que dedique algumas horas a conhecer a cidade de Portimão.

Forte de São João de Arade
Dica VagaMundos: aproveite a viagem entre Carvoeiro e Portimão e vá conhecer o Castelo de São João de Arade, também conhecido pelo nome de Castelo de Ferragudo. É um dos castelos mais cénicos do Algarve!
Portimão

Os principais pontos de interesse turístico em Portimão são os seguintes:

  • Igreja Matriz de Portimão
  • Fortaleza de Santa Catarina
  • Colégio dos Jesuítas
  • Castelo de São João de Arade
  • Museu de Portimão (instalado no interior de uma antiga fábrica de conservas de peixe)
  • Palácio Bívar
  • Palacete Sarrea Gárfias
  • Marginal ribeirinha de Portimão (rio Arade)
Praia da Rocha

Cidade de Portimão visitada, rume até à Praia da Rocha, uma das nossas praias favoritas de todo o Algarve. É verdade que o enquadramento não é dos mais bonitos com a falésia dominada por complexos turísticos. Mas tem quase dois quilómetros de passadiço bem servido de restaurantes com esplanadas ideais para uma bela refeição de peixe e uma bebida refrescante.

Praia do Vau

Logo ao lado encontra a Praia do Vau, com uma extensão que permite agradáveis passeios no areal ou por entre formações rochosas que permitem chegar a outras pequenas praias. Caminhar pelas arribas entre a Praia da Rocha e a Praia do Vau é simplesmente delicioso!

Do Vau siga caminho até à cénica Praia dos Três Irmãos o ponto de partida dos Passadiços do Alvor, que ao longo de 6 km ligam a referida praia à maravilhosa Ria de Alvor, outro dos nossos cantinhos favoritos do barlavento algarvio. Clique para ler mais sobre os Passadiços do Alvor.

Passadiços do Alvor

Feche o dia com uma visita à aldeia piscatória de Alvor e aproveite para ir jantar uma bela sardinhada num dos seus afamados restaurantes (o nosso favorito é o Zé Morgadinho).

Onde ficar a dormir no Alvor ou Portimão? Sugestões de alojamento

Tivoli Marina Portimão: é um resort 4 estrelas que apetece estar uma e outra vez. Uma visita ao Tivoli Marina Portimão não basta e um fim-de-semana sabe sempre a pouco. As férias depressa se preenchem de lazer e diversão nos vários espaços do hotel, desde a piscina aos restaurantes e bares. Amanheça com um magnífico pequeno-almoço com vista para a marina na varada do seu estúdio ou apartamento.

Jupiter Algarve Hotel: Localizado em plena Praia da Rocha e a apenas dois passos da praia, marina, restaurantes, lojas, bares e casino, o Jupiter Algarve Hotel é a escolha perfeita para todos aqueles que procuram uma estadia memorável. Na essência que sempre buscou, o Júpiter celebra o mar ao qual foi buscar inspiração.

Pestana D. João II Beach & Golf Resort: O nosso alojamento preferido no Alvor é o Pestana D. João II. Fica localizado mesmo à frente da praia, a umas escassas dezenas de metros do areal e dos Passadiços de Alvor. Os quartos são confortáveis e têm varanda. O pequeno-almoço é muito completo e tem uma vasta oferta de serviços e comodidades para os hóspedes, dos quais destacamos o ginásio, o spa e as suas três piscinas (duas de água salgada no exterior e uma piscina interior aquecida). A relação preço-qualidade é, sem sombra de dúvidas, uma das melhores do Alvor.

Clique para ver mais opções de alojamento no Alvor

Clique para ver mais opções de alojamento em Portimão

Mapa dos dias 4 e 5 do Roteiro do Algarve


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa dos dias 4 e 5 do Roteiro para visitar o Algarve

Roteiro visitar Algarve: 6º dia

Alvor – Silves – Monchique – Lagos

O dia de hoje arranca com uma visita a Silves, uma cidade onde se respira história. Durante a ocupação islâmica do Algarve, Silves foi um importante centro governativo e após a reconquista cristã tornou-se a capital do Reino do Algarve, um título que só veio a perder no século XVI.

Silves

Posto isto, não é de admirar que Silves seja detentora de um enorme património histórico e que percorrer as suas ruas e ruelas seja uma verdadeira viagem no tempo. Os principais pontos de interesse turístico de Silves são os seguintes:

  • Castelo de Silves
  • Sé de Silves
  • Ponte sobre o rio Arade
  • Mercado Municipal
  • Praça Al-Mutamid
  • Museu Municipal de Arqueologia
  • Casa da Cultura Islâmica e Mediterrânica
  • Centro de Interpretação do Património Islâmico de Silves

Silves visitada, continue o seu roteiro pelo Algarve rumando até à Serra de Monchique, onde fica o ponto mais elevado de todo o Algarve.

Caldas de Monchique

A primeira paragem na Serra de Monchique será nas Caldas de Monchique, um paraíso escondido numa pequena encosta rodeada de bosques e onde o som da água a correr é omnipresente. Este é inclusivamente o único complexo termal do Algarve, e já o é desde o tempo da ocupação romana.

Nota importante: infelizmente a Serra de Monchique foi vítima de um violento fogo em 2018. Aos poucos a natureza vai-se renovando, mas vai demorar alguns anos até que a vegetação recupere todo o esplendor de outrora.
Vila de Monchique

Das Caldas de Monchique continue viagem até à Vila de Monchique, um excelente local para degustar as iguarias da serra. Se ainda não o fez, aproveite para almoçar e de seguida, para ajudar à digestão, faça um passeio pelas empinadas ruelas da vila e vá desfrutar das fantásticas vistas do miradouro do Parque São Sebastião.

Miradouro da Fóia

Da Vila de Monchique siga até ao Miradouro da Fóia, o ponto mais alto de todo o Algarve, situado a cerca de 900 metros de altitude. A viagem é pequena em distância, mas grande em beleza. O troço da N266, que liga a vila à Fóia, é uma das estradas mais cénicas do nosso roteiro do Algarve.

Uma vez no miradouro da Fóia, é desfrutar das maravilhosas paisagens sobre a Serra de Monchique. Em dias com boa visibilidade consegue-se avistar o Cabo de São Vicente, Faro e até mesmo a Serra da Arrábida (confessamos que a última não conseguimos ver).

Cascata de Chilrão
Dica VagaMundos: se quiser acrescentar mais um dia ao seu roteiro do Algarve, tem aqui mais uma boa oportunidade para o fazer. Passe parte do dia à “caça” das encantadoras cascatas da Serra de Monchique (Barbelote, Chilrão e Penedo do Buraco), algumas exigem pequenas caminhadas, e suba até ao Picoto o segundo ponto mais alto da Serra de Monchique.

O dia de hoje termina em Lagos, cidade de visita obrigatória em todos os roteiros do Algarve que se prezem. Lagos tem uma miríade de coisas para oferecer aos seus visitantes, principalmente para quem procura um destino que alia história e veraneio na perfeição.

Lagos

Lagos preserva a arquitetura típica algarvia nas suas ruas e ruelas encantadoras que apetece calcorrear a pé. A zona pedonal do centro histórico é das mais agradáveis das cidades algarvias. E tudo isto rodeado pelas seculares muralhas e torreões, ou não tivesse Lagos sido central para os Descobrimentos Portugueses.

Praia do Camilo

Os locais de visita obrigatória e as experiências a não perder em Lagos são as seguintes:

  • Praça Infante Dom Henrique
  • Castelo dos Governadores
  • Praça Gil Eanes
  • Forte Ponta da Bandeira
  • Caravela Boa Esperança
  • Mercado Municipal de Lagos
  • Marina de Lagos
  • Igreja de Santo António
  • Avenida dos Descobrimentos – marginal ribeirinha de Lagos
  • Mercado de Escravos – Núcleo Museológico Rota da Escravatura
  • Praia Dona Ana – considerada uma das praias mais bonitas da Europa
  • Praia do Camilo e o longo areal da Meia Praia
Quer mais dicas sobre a cidade as suas maravilhosas praias? Então não deixe de ler o nosso Roteiro de Lagos.

Onde ficar a dormir em Lagos – Sugestões de alojamento

Hotel Mar Azul: tem uma localização fantástica no centro de Lagos. Quartos super limpos, com uma decoração simples mas prática, com casa de banho privada, acesso wifi gratuito e comodidades para fazer chá e café em todos os quartos. O staff atencioso e prestável do Hotel Mar Azul garante uma estada cómoda e agradável por um preço muito racional.

Casa Mãe: fique no coração de Lagos com luxo e toda a comodidade. O hotel 4 estrelas Casa Mãe está decorado com requinte e bom gosto. O pequeno-almoço é fantástico! Todos os quartos têm terraço e secretária, indicado para estadia de lazer ou trabalho. É o ambiente perfeito tanto para uma roadtrip como para um fim-de-semana.

The 17 Hostel: Para uma estada económica, ninguém bate o The 17 Hostel. É verdade, os quartos-dormitório são pequenos, mas muito limpos. Cada quarto dispõe de chaleira para fazer chá ou café, e cada cama inclui toalha e roupa de cama. O Wi-Fi é excelente. A varanda é um dos melhores espaços comuns do hostel. Dispõe duma cozinha partilhada para fazer refeições, o que é excelente para quem queira poupar mais uns euros.

Clique para ver mais opções de alojamento em Lagos

Roteiro visitar Algarve: 7º dia

Lagos – Ponta da Piedade – Sagres – Cabo de São Vicente

Provavelmente não conseguiu visitar todos os pontos de interesse de Lagos no dia anterior por isso reserve boa parte da manhã do último dia do seu roteiro pelo Algarve a explorar Lagos.

Depois de visitar a cidade dos descobrimentos siga até à Ponta da Piedade onde será brindado com algumas das paisagens costeiras mais bonitas do Algarve.

A Ponta da Piedade é um conjunto de maravilhosas falésias esculpidas pelos elementos. Grutas e arcos naturais, rochas que parecem ter sido esculpidas à mão e pequenas enseadas e praias, bordejadas por um mar de tons azul-turquesa e esmeralda, compõem este quadro pintado a preceito pela Mãe Natureza. Uma verdadeira obra de arte que o vai deixar de queixo caído!

Ponta da Piedade

Vá até ao Farol da Ponta da Piedade e passeie pelo topo das falésias e pelos passadiços da Ponta da Piedade enquanto aprecia este cartão-postal do Algarve.

Dica VagaMundos: para uma experiência completa, recomendamos vivamente que faça um passeio de barco ou caiaque pela Ponta da Piedade. Assim consegue ver este cantinho mágico de Portugal de outra perspetiva e descobrir algumas das suas grutas mais bonitas. Nós reservámos este passeio de barco (clique para ver) através do Get Your Guide e gostamos bastante da relação qualidade-preço. Se preferir um passeio de caiaque até às praias e grutas da Ponta da Piedade, espreite antes esta Excursão de Caiaque de 2 Horas.
Ponta de Sagres

Ponta da Piedade explorada está na hora de rumar até à Ponta de Sagres para conhecer in loco a imponente Fortaleza de Sagres, a fortaleza mais ocidental de Portugal e da Europa Continental. Deixe-se deslumbrar pelas imponentes paisagens e pela gigantesca Rosa dos Ventos que se encontra no seu interior.

Para além da fortaleza, visite também as ruínas do Forte da Baleeira e as praias da Mareta, Baleeira e Martinhal, internacionalmente famosas entre a comunidade mundial de surf.

Cabo de São Vicente

Para fechar o seu roteiro do Algarve com chave de ouro, vá até ao vizinho Cabo de São Vicente o ponto mais ocidental do Algarve que foi outrora o Promontorium Sacrum, cujos romanos dedicaram ao culto do deus Saturno. Assistir ao pôr-do-sol deste local mágico é o cair do pano perfeito de uma visita ao Algarve.

Onde ficar a dormir em Sagres – Sugestões de alojamento

Memmo Baleeira – Design Hotels: Com uma localização privilegiada no centro da vila de Sagres e com vista sobre o mar, o porto da Baleeira e as ilhas do Martinhal, o Memmo Baleeira é ideal para terminar o seu roteiro do Algarve em grande. Um design hotel que privilegia o conforto e bem-estar nos seus 144 quartos e suites muito bem equipados, caracterizado por uma decoração minimalista com linhas sóbrias e contemporâneas, um ambiente descontraído e uma fantástica vista sobre o mar.

Pousada de Sagres: Com vistas para o Oceano Atlântico e a 13 minutos a pé da Praia da Mareta, a elegante Pousada de Sagres, ocupando um grandioso edifício dos anos 60, tem uma localização fantástica. Usufrua do seu ambiente intimista no restaurante típico, ou no bar acolhedor. Quartos modernos e coloridos, alguns com varandas mobiladas com vistas para o oceano e para o jardim. As suites incluem áreas de estar com sofás. Pequeno-almoço de qualidade incluído na tarifa.

Sagres Sun Stay – Surf Camp & Hostel: é o surf camp & hostel para os que desejam relaxar e divertir-se enquanto surfam as ondas do Algarve. Colorido e descontraído, este hostel recém-construído disponibiliza camas em dormitório, uma piscina exterior, um bar e um salão partilhado. O Sagres Sun Stay inclui uma cozinha partilhada, um local para armazenar bagagens e acesso Wi-Fi gratuito.

Clique para ver mais opções de alojamento em Sagres

Mapa dos dias 6 e 7 do Roteiro do Algarve


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa dos dias 6 e 7 do Roteiro para visitar o Algarve

Dicas para acrescentar (ainda) mais um par de dias ao seu roteiro para visitar o Algarve

Ruínas do Forte de Vera Cruz

Se quiser esticar em mais um par de dias a sua viagem pelo Algarve, sugerimos que vá conhecer a zona de costa que liga Lagos a Sagres. Entre os muitos locais de interesse que pode visitar, destacamos a aldeia piscatória de Salema, as ruínas do Forte de Vera Cruz, a Praia do Zavial e o Menir de Padrão (sim, também existem menires no Algarve).

Costa Vicentina

Se quiser embrenhar-se na natureza, sugerimos que vá visitar o Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina. Para além de uma miríade de belezas naturais, pode fazer fantásticas caminhadas ao longo da Rota Vicentina.


Outros roteiros de carro por Portugal

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre os melhores tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na World Nomads ou na IATI Seguros. São ambas agências 100% especializadas em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado. Se optar pela IATI use o nosso link e terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog "VagaMundos" a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.