Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua

Na região de Coimbra, onde a Beira Alta abraça a Beira Litoral, esconde-se um dos trilhos mais encantadores de Portugal. Estamos a falar-lhe do Trilho dos Gaios, um percurso pedestre do concelho de Tábua reinaugurado em junho de 2023 com novos passadiços, que permitem conhecer em total segurança o surpreendente rio Cavalos, a estrela maior do frondoso Vale de Gaios. Nós já o fomos percorrer e podemos afiançar que, o que já era bom, está ainda melhor. Agora contamos-lhe tudo o que precisa de saber para partir à aventura!

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua

O Trilho dos Gaios (PR4 de Tábua) é um trilho linear com 17 km de extensão com partida no centro histórico de Tábua e término na aldeia de Vila Nova de Oliveirinha. Devido à distância e ao desnível acumulado é um trilho bastante exigente fisicamente não sendo recomendável para quem esteja a dar os primeiros passos no mundo das caminhadas.

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de TábuaMas não se assuste que o troço mais bonito do trilho, a secção dos multicoloridos Passadiços do Trilho dos Gaios que se desenvolvem ao longo das margens do rio Cavalos, só tem 6 km de extensão (ida e volta) e não apresenta qualquer tipo de dificuldade, sendo por isso uma excelente opção de caminhada para fazer em família, mesmo com crianças pequenas.

A secção dos Passadiços do Trilho dos Gaios arranca na praia fluvial da aldeia de Vale de Gaios e termina junto à milenar Ponte Romana de Sumes. Contudo nós recomendamos a que continue a caminhada até à altaneira aldeia de São Geraldo. A subida é rasgadinha mas as vistas sobre o Vale de Gaios compensam o esforço e, pelo caminho, ainda terá a possibilidade de visitar a sui generis Bica das Águas Sulfurosas.

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua

Ao longo do percurso irá caminhar por várias mãos cheias de coloridos passadiços que serpenteiam as margens do sinuoso rio Cavalos, o selvagem afluente do Mondego, que corre escondido num frondoso e verdejante bosque pejado de pedras musgadas, digno de ilustrar um conto de fadas. Por vezes esconde-se tanto que até desaparece por entre os colossais penedos de granito. Só mesmo o murmurejar da água a correr o denúncia.

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de TábuaOutras vezes vence a timidez e brinda o caminhante com uma miríade de cascatas e lagoas de águas cristalinas e levadas que outrora alimentavam as azenhas, cujas ruínas nós trazem à memória um ofício em vias de extinção. Não faltam também bons spots para fazer um aprazível picnic rodeado de natureza e, se for percorrer o Trilho dos Gaios no verão, pode ainda ir a banhos na aprazível Praia Fluvial de Vale de Gaios.

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua

Não vá é à espera de encontrar passadiços contínuos ao longo de todo o trilho. Os Passadiços do Trilho dos Gaios só foram construídos em pontos fulcrais do percurso, de forma a tornar viável a passagem por zonas do trilho mais exigentes. Nós, pessoalmente, aplaudimos a decisão. Desta forma, o impacto paisagístico dos passadiços foi consideravelmente reduzido.

Na secção seguinte deste artigo encontrará um guia completo para @ ajudar a preparar a sua visita aos Passadiços do Trilho dos Gaios, com imensas dicas práticas e toda a informação que precisa para ir conhecer este surpreendente percurso pedestre de Tábua.

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua

Clique para conhecer os Melhores Trilhos de Portugal

Guia completo para visitar os Passadiços do Trilho dos Gaios | PR4 Tábua

Onde ficam e onde começar os Passadiços do Trilho dos Gaios?

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de TábuaOs Passadiços do Trilho dos Gaios situam-se na freguesia de Midões, no concelho de Tábua, mais concretamente junto à recôndita aldeia de Vale de Gaios. A entrada para os passadiços está localizada na praia fluvial da aldeia.

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua
Praia Fluvial de Vale de Gaios, o ponto de partida dos Passadiços do Trilho dos Gaios

À entrada da aldeia existem alguns lugares de estacionamento, pelo que não deverá ter grandes problemas em estacionar a sua viatura. A única exceção poderá ser nos fins-de-semana dos meses de verão.

É preciso pagar para visitar os Passadiços do Trilho dos Gaios? Qual o preço dos bilhetes?

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de TábuaNão é preciso pagar bilhete para aceder aos Passadiços do Trilho dos Gaios e, pelo que apuramos, essa opção não está sequer a ser equacionada. Caso venha a mudar, atualizaremos a informação neste artigo.

Quando ir percorrer o Trilho dos Gaios?

Os Passadiços do Trilho dos Gaios podem ser percorridos em todas as estações, pelo que a melhor época para os visitar depende acima de tudo dos seus interesses.

Trilho dos Gaios: Guia para visitar os Passadiços de Tábua
Lagoa do rio Cavalos – Passadiços do Trilho dos Gaios | Tábua

Se o seu objetivo é combinar a caminhada com uns mergulhos na praia fluvial de Vale de Gaios e nas lagoas do rio Cavalos, a melhor aposta é mesmo o verão. Contudo, vá à espera de encontrar um número mais elevado de pessoas ao longo do percurso, sobretudo ao fim de semana.

Caso os mergulhos não sejam a sua prioridade, as melhores estações são, sem dúvida, a primavera e o outono, altura em que o clima é mais ameno, como tal, mais propício a caminhadas. Na primavera irá encontrar as quedas de água do rio Cavalos em todo o seu esplendor. Já no outono, e porque ao longo do percurso abunda o carvalho, o bosque fica pincelada de inúmeros tons de amarelo, laranja e vermelho.

Antigo Moinho de Água – Passadiços do Trilho dos Gaios | Tábua

Já no inverno, é preciso ter em conta as condições climatéricas mais adversas e ir preparado para chuva e frio. Se for nesta estação, tenha em especial atenção de que o piso irá estar muito escorregadio e que alguns dos troços do percurso podem estar alagados pelo rio Cavalos, logo, intransitáveis. Informe-se antecipadamente sobre as condições do percurso junto às autoridades responsáveis.

O que levar?

  • Mochila leve e confortável.
  • Calçado adequado a caminhadas.
  • Comida e bebida para fazer um belo dum picnic.
  • Protetor solar, óculos de sol e chapéu.
  • Não esquecer o fato de banho nos dias quentes para poder dar uns mergulhos na Praia Fluvial de Vale de Gaios.
  • Uma máquina fotográfica ou um smartphone para registar os melhores momentos da caminhada.
  • Um saco para trazer o seu lixo consigo.

Passadiços do Trilho dos Gaios | Tábua: informações do percurso pedestre

O Trilho dos Gaios encontra-se muito bem sinalizado mas, pelo sim pelo não, pode sempre descarregar o track GPS que disponibilizamos abaixo e levá-lo consigo no seu smartphone. É completamente grátis e assim tem a certeza que não se engana no caminho.

  • Distância: 3 km (6 km ida e volta)
  • Circular: não
  • Dificuldade Técnica: Fácil
  • Local de Partida/Chegada: Praia Fluvial de Vale de Gaios / Ponte Romana de Sumes ou aldeia de São Geraldo

Mapa dos Passadiços do Trilho dos Gaios (PR4 Tábua) e track GPS para download (GPX e KLM)


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa dos Passadiços do Trilho dos Gaios.

Download de ficheiro em formato KML para Google Earth

Download de ficheiro em formato GPX para GPS e Smartphones

O que visitar perto dos Passadiços do Trilho dos Gaios?

Vila de Tábua

Quando for percorrer o Trilho dos Gaios aproveite para conhecer os principais atrativos do concelho de Tábua. Os locais de visita obrigatória e as experiências a não perder em Tábua são as seguintes:

  • Visitar a surpreendente Capela do Senhor dos Milagres, uma capela barroca de formato octogonal situada na vila de Tábua. Logo ao lado irá encontrar a Igreja Matriz dedicada a Santa Maria Maior.
  • Visitar a histórica vila de Midões, que foi outrora vila e sede de concelho. Os seus maiores pontos de interesse são a Igreja Matriz, o Palácio de Midões, o Pelourinho, a Ponte Romana, a Fonte da Caricha e os seus inúmeros solares.
  • Visitar a aldeia de Sevilha, onde irá encontrar as cascatas homónimas (também elas alimentadas pelo rio Cavalos), antigos moinhos de água e uma fotogénica ponte medieval.
  • Subir ao Miradouro Pedra da Sé e ao Miradouro do Penedo C’Abana. Em ambos será brindado com vistas sobre o rio Mondego de cortar a respiração.
  • Ir a banhos nas cristalinas águas do rio Alva, mais concretamente na Praia Fluvial da Ronqueira e na sua irmã gémea Praia Fluvial de Cascalheira. São das melhores praias fluviais do Centro de Portugal, com excelentes serviços de apoio e uma qualidade de água irrepreensível.
Miradouro do Penedo C’Abana

Onde ficar a dormir em Tábua? Sugestões de alojamento

Luna Hotel de Tábua

O Luna Hotel de Tábua combina qualidade, conforto e ambiente requintado com a região tão singular em que se situa: região vinícola do Dão. Quartos e suites com casa de banho privada, harmoniosos, espaçosos e modernos, com AC, TV de ecrã plano, minibar, cofre e chaleira elétrica para fazer um café ou chá. O hotel tem uma piscina exterior e um centro de bem-estar com piscina interior, sauna, jacuzzi e ginásio. O Restaurante Oliva dispoe dum sofisticado menu à la carte que homenageia os sabores tradicionais da região.

Quinta dos Corgos

A Quinta dos Corgos tem tudo para lhe proporcionar uma das melhores experiências de glamping em Portugal. Pode optar pelas espetaculares tendas de campo de luxo com comodidades que excedem as expetativas, ou os quartos da casa se não dispensa as comodidades urbanas. Aqui a natureza é servida de bandeja: vistas para a serra de babar. Como se não bastasse há ainda restaurante, cozinha partilhada, bar, jardim, piscina exterior aberta todo o ano, terraço, parque infantil, jacúzi, estacionamento privado e Wi-Fi gratuitos.

Clique para ver mais opções de alojamento em Tábua

Outros Passadiços em Portugal

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

6 COMENTÁRIOS

  1. Fernando Florentino Fernando Florentino

    Obrigado pelo artigo. Parece-me uma excelente proposta. Tambem dá para bicicleta?

    • Sim, também pode ser percorrido de bicicleta

  2. António José Brás António José Brás

    Olá, Anabela e Alexandre!
    Muito obrigado pela sugestão.
    Somos uma família de 5 com 3 rapazes em idade escolar e parece-nos uma excelente proposta para fazer em família.
    É possível fazer este trilho em cadeira de rodas?
    Tó Zé e Natacha

    • Olá António,
      O trilho está preparado para a circulação de bicicletas pelo que julgamos que grande parte do percurso é possível de fazer com cadeira de rodas. Contudo existem algumas escadas, zonas mais estreitas e subidas no percurso que vão dificultar a mobilidade. Boa caminhada!

  3. Olá. Eu e o meu marido vamos fazer/percorrer o Trilho dos Gaios em Tábua. A minha questão é a seguinte: podemos levar o nosso cão (yorkshire)? É que ficamos decepcionados com o trilho de Paiva, pois não é permitida a circulação de cães. Nós fazemos questão que o membro da nossa família também nos acompanhe.

    • Olá Emília.
      Honestamente não lhe sabemos responder. Sugerimos que contacte o município de Tábua para ter a certeza de que pode levar o seu amigo patudo na secção dos passadiços do Trilho dos Gaios.
      Boa caminhada!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.