Trondheim – lendo a História em Munkegata

Trondheim é a terceira maior cidade da Noruega com cerca de 170 mil habitantes. Na Idade Média foi a capital deste país escandinavo até 1217, e durante séculos foi chamada de Nidaros (a boca do rio Nid). Não é por isso de espantar que Trondheim tenha tanto peso histórico. Assim, vamos nesta crónica mostrar-vos a cidade de Trondheim, como é hoje nomeada, numa perspectiva histórica. Ao longo da rua Munkegata, a artéria principal da cidade, vamos desfolhando estas páginas históricas da cidade.

Começamos no extremo norte, junto ao cais e ao mercado de peixe, o Ravnkloa Fiskehaller.

O cais é dominado pela, apesar de moderna, estátua “Den Siste Viking”, o Último Viking, uma homenagem à bravura dos pescadores noruegueses desde tempos imemoráveis.

Lá encontrámos um solitário “viking” na sua embarcação, vendendo o fruto do seu trabalho, peixe e marisco frescos acabados de chegar do mar.

Percorrendo a Munkegata, deparamo-nos com a Stiftsgården, provavelmente a maior “casa” de madeira de toda a Escandinávia com os seus 4000 metros quadrados. O seu exterior manteve-se inalterado desde a sua construção, sendo também um dos edifícios mais bem preservados da cidade tendo sobrevivido aos piores incêndios que destruíram Trondheim. Este palácio foi construído em 1774 por uma aristocrata proeminente na sociedade de Trondheim, e desde 1800 tem sido usado como residência real pelos monarcas noruegueses.

No centro desta artéria encontramos, no topo duma coluna, a estátua do rei Olav I Tryggvason, fundador de Trondheim. A coluna em si forma o “ponteiro” do relógio de sol que se desenha na calçada. A grande praça em redor estava praticamente vazia. Era dia feriado e as ruas estavam despidas de gente.

Mas no dia seguinte, foi nesta praça, no cruzamento com a Kongens gate, que encontrámos o coração da cidade a bater. Vendedores erguem as suas bancas pela manhã bem cedo, e a praça enche-se de gente vinda de todas as ruas que aqui desembocam. Para reforçar a ideia, a escultura “God’Dagen”, à porta do posto de turismo, homenageia uma dona de casa que cumprimentava afavelmente todos os que cruzava no mercado enquanto fazia as suas compras.

O visitante que percorra esta avenida, será sempre assaltado pela visão da Nidaros Domkirke no seu extremo Sul. Esta catedral é a maior catedral de toda a Escandinávia, e uma das mais belas da Europa. É ainda um local de peregrinação pois foi construída onde o rei-santo Olaf II foi sepultado em 1930.

Olaf II, o Santo, malogrado o seu curto reinado (1015-1028) não deixou de ser marcante. Convertido ao cristianismo, lutou pela unificação dos reinos da Noruega e pela cristianização do território. Este seu último objectivo gerou inimigos entre a nobreza que, descontentes com a sua aspereza e inclemência, o obrigaram ao exílio na Rússia.

Ao regressar a Trondheim, e na tentativa de recuperar o trono, foi ferido mortalmente em 1930 numa batalha pelas forças do inimigo constituídas maioritariamente por camponeses.

Foi sepultado em segredo numa das margens do rio Nidelva, onde hoje se situa a Catedral de Nidaros. Foi santificado no ano seguinte, pois ao abrirem o seu caixão o corpo foi encontrado intacto.

Na próxima crónica, revelaremos mais sobre esta magnífica catedral que nos maravilhou.

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

Faça um seguro de viagem na World Nomads ou na Iati. São ambas agências 100% especializadas em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado. Se optar pela Iati use o nosso link e terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

No GetYourGuide encontra sempre as melhores tours locais e pode ainda saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Autoeurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e por norma é onde encontramos sempre os melhores preços.

Esta página contem links afiliados. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog “VagaMundos” a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

7 COMENTÁRIOS

  1. Olá Tiago. Obrigado. De facto os Vikings estavam longe se ser apenas guerreiros. Eram não só pescadores mas também grandes comerciantes (foram encontradas moedas vikings na america do norte). Mas as facetas não guerreiras dos vikings são muito pouco divulgadas, como bem referes.
    Abraços

    olá Vitor. Têm um enorme sentido de humor 🙂 É para aproveitarem o sol da meia-noite 😉
    Abraço

    Olá amigo João. E nós ficamos muito contentes por te conseguirmos maravilhar 🙂
    Abraço

    Sai uma dose de cultura para o amigo Valentim 🙂 É de facto impressionante a capacidade de "sobrevivencia" da Stiftsgarden.
    Abraço

  2. Olá, desde já gostaria de dizer que gosto muito dos vossos posts especialmente os da Noruega. Gostaria de saber como é que sugerem ir ou de Oslo ou de Bergen para Trondheim? Obrigada

    • Olá Madalena. Obrigado pelo feedback. De Bergen ou Oslo a melhor opção para chegar a Trondheim é de comboio. A viagem é confortável e as paisagens são fenomenais. Fizemos os troços Bergen-trondheim e Trondheim-Oslo e gostamos muito. Boa viagem!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.