Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais

Visitar Arganil é sinónimo de partir à descoberta dos encantos da Serra do Açor, onde se escondem idílicas cascatas, apaixonantes aldeias de xisto e praias fluviais simplesmente divinais. Sendo verdade que muitos dos pontos de interesse mais procurados e famosos da Serra do Açor, como sejam a Aldeia Histórica de Piódão, a Cascata da Fraga da Pena e a Praia Fluvial de Foz de Égua, estão no território do município de Arganil, este concelho tem tanto mais para oferecer.

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Foz de Égua – Roteiro para visitar Arganil

A somar às suas bucólicas aldeias, que nos fazem recuar no tempo, e às suas maravilhas naturais, Arganil é guardiã de um riquíssimo património histórico, de tradições seculares e de uma gastronomia serrana de babar. Estamos convictos que quando acabar de ler este nosso artigo de Arganil vai imediatamente colocar este concelho histórico do distrito de Coimbra, no topo da sua lista de destinos a visitar em Portugal.

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Cascata da Fraga da Pena – Roteiro para visitar Arganil

Para que não perca pitada do muito que Arganil tem para lhe oferecer partilhamos consigo um roteiro com o que ver e fazer em Arganil, vila e concelho. E, claro, encontra também as nossas habituais dicas VagaMundos, sugestões de alojamentos e restaurantes, e um mapa orientador com os principais pontos de interesse a visitar em Arganil. Só lhe fica mesmo a faltar desafiar a sua cara-metade, família ou amigos, fazer a mala e partir à descoberta!

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Capela de São Pedro – Roteiro para visitar Arganil
 Na preparação da sua viagem para visitar Arganil, sugerimos que leia também os seguintes artigos:

Onde fica Arganil?

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias FluviaisArganil é uma vila do distrito de Coimbra, na antiga província da Beira Litoral, idilicamente aninhada num lindo vale, onde corre o rio Alva, e emoldurada pela Serra da Lousã e a Serra do Açor.

Sede de município, a vila de Arganil dista de sensivelmente 60 km de Coimbra, 160 km do Porto e 255 km de Lisboa. Tem como concelhos vizinhos Covilhã, Góis, Lousã, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Seia, Tábua e Vila Nova de Poiares.

Quando visitar Arganil?

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Torre do Relógio – Roteiro para visitar Arganil

Na verdade, todas as estações são boas para uma escapadinha a Arganil. A escolha da melhor época do ano para visitar Arganil depende acima de tudo dos seus interesses e do tipo de atividades que pretende realizar.

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Uma das muitas cascatas de Arganil que poderá encontrar percorrendo o Trilho do Xisto de Benfeita

Por exemplo, a primavera e o outono são estações perfeitas para os adeptos de caminhadas na natureza e para a observação da vida animal (entre os quais nos incluímos). Para mais, são duas estações muito coloridas. Na primavera tem ainda a vantagem de poder ver as ribeiras, rios e cascatas de Arganil em todo o seu esplendor.

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Praia Fluvial da Cascalheira, uma das melhores praias fluviais de Arganil

Contudo, nada bate o verão se o principal objetivo da sua visita é dar uns mergulhos nas fantásticas praias fluviais de Arganil (e acredite que são muitas), ou desfrutar das cascatas. Saiba que a região é caracterizada por ter verões quentes, o que torna as águas ainda mais apelativas.

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Piodão – Roteiro para visitar Arganil

O inverno pode parecer, à partida, uma estação pouco convidativa para visitar Arganil. Mas não se deixe enganar. As Aldeias de Xisto de Arganil localizadas em plena Serra do Açor ganham todo um novo élan com o típico frio serrano. Imagine-se no interior reconfortante duma das casas típicas da região com o aconchego duma manta e o calor duma lareira com o fogo a crepitar. O melhor de tudo é que raramente encontra outros turistas, ou seja, tem os encantos de Arganil (quase) só para si!

Onde ficar a dormir em Arganil? Sugestões de alojamento

Campus Natura

bed & breakfast Campus Natura não tem apenas uma cama (super confortável, fique já ciente) e um pequeno almoço (feito de mimo) para os hóspedes. Tem a energia da casa de aldeia da avó, o conforto da casa da tia, e as comodidades da nossa própria casa. Tem um terraço com jardim. Tem vistas soberbas. Este alojamento de turismo rural na aldeia de xisto de Alqueve é para onde se foge quando se quer paz e sossego absolutos e sentir os níveis de stress a baixar imediatamente.

Hotel de Arganil

Se não dispensa as comodidades dum hotel, o Hotel de Arganil é para si. Com vistas para a vila ou para a montanha, cada quarto dispõe de ar condicionado, casa de banho privada, TV, mobiliário prático e funcional, e é elogiado pela limpeza e conforto. Dispõe de receção 24 h, bar, estacionamento gratuito, salão e sala de jogos. Este hotel de 3 estrelas no centro da vila de Arganil serve um pequeno almoço fabuloso.

Casa da Padaria

Se preferir ficar a dormir na Aldeia Histórica de Piodão, o nosso cantinho de eleição é a Casa da Padaria. Ser aqui recebido, é como ser acolhido com a familiaridade e calor humano daquela tia que nos mima. A noite é memorável em qualquer dos quartos privados no piso cimeiro, todos com a promessa de descanso absoluto e vistas refrescantes sobre os socalcos da montanha e a aldeia. De manhã, desperte para um excecional pequeno-almoço, com sabor a aldeia e serra, que vai querer repetir. Não há alma que resista a tanto mimo da Dona Gorete!

Clique para ver mais opções de alojamento em Arganil

O que ver e fazer em Arganil? Locais a visitar e experiências a não perder

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Praça Simões Dias – Roteiro para visitar Arganil

O que visitar em Arganil? Bem, para a vila propriamente dita, não vai precisar de alocar muito mais do que uma tarde ou uma manhã. Mas não nos interprete mal! É que a riqueza patrimonial, natural e cultural de Arganil não se encontra toda concentrada na vila mas sim espalhada pelo concelho, como vai perceber ao ler este artigo.

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Igreja Matriz de Arganil

Posto isto, os locais que consideramos de visita obrigatória na vila de Arganil (e arredores) são os seguintes:

  • Praça Simões Dias, a sala de visitas de Arganil onde se encontra a Câmara Municipal e a Fonte das Freguesias.
  • Percorrer a rua Oliveira Matos, uma das principais artérias pedonais de Arganil, ao longo da qual irá encontrar a icónica Torre do Relógio.
  • Pelourinho de Arganil, que presentemente se encontra no Largo Padre Manuel da Costa Vasconcelos Delgado.
  • Visitar a Igreja Matriz de Arganil, dedicada a São Gens.
  • Passear pela surpreendente Mata da Misericórdia.
  • Visitar a Igreja da Misericórdia.
  • Visitar o Núcleo de Arqueologia de Arganil, onde poderá conhecer a história do monte da Lomba do Canho, onde se encontram vestígios das ocupações neolítica e romana.
  • Visitar a Capela de São Pedro, um templo de estilo gótico cuja construção remonta ao século XIII (fica a somente 2 km do centro histórico Arganil, na aldeia de São Pedro).
  • Subir ao Santuário da Nossa Senhora do Montalto, o principal local de peregrinação do concelho de Arganil, localizado a cerca de 4 km do centro histórico da vila, no topo de um empinado monte a 615 m de altitude. As vistas sobre a vila de Arganil e as montanhas em redor é simplesmente esmagadora. Pelo caminho pode aproveitar para visitar também a Capela do Senhor da Agonia.
Capela de São Pedro

 

O que visitar no concelho de Arganil? Passeios perto de Arganil

Agora, pegue no carro e desfie o novelo de estradas que vão conduzi-l@ por alguns dos lugares imperdíveis a visitar no concelho de Arganil. Para escapadinha de fim de semana, prolongado de preferência, terá que fazer escolhas para desenhar o seu roteiro para visitar Arganil conforme os seus gostos e a proximidade dos pontos de interesse. Damos-lhe pano para mangas, ou seja, tem aqui sugestões para visitar Arganil em uma ou duas escapadinhas, até mesmo para uma relaxante semana de férias!

Vila de Côja

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais

A histórica Vila de Côja, a Princesa do Alva, é um dos destinos imperdíveis num roteiro para visitar Arganil. A sua idílica localização, nas margens do rio Alva com as imponentes montanhas da Serra do Açor como pano de fundo, é já de si razão mais do que suficiente para o título de realeza que enverga. A somar a esse (grande) atributo paisagístico, ainda tem um riquíssimo património histórico que dá gosto explorar.

Entre os muitos locais de interesse a visitar em Coja, destacamos a Ponte Romana sobre o rio Alva, a Fonte Romana, a Casa Abrasonada da Praça Central de Coja, o Pelourinho, a Igreja Matriz, a Capela do Senhor do Sepulcro, o verdejante Parque Verde do Prado e a excelente Praia Fluvial do Caneiro (saiba mais sobre esta, na secção Melhores Praias Fluviais de Arganil adiante no artigo).

Mata da Margaraça

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias FluviaisA Mata da Margaraça é um reduto de floresta autóctone de carvalhos, castanheiros, freixo, ulmeiros e orquídeas raras na Serra do Açor. Um verdadeiro oásis de vida, de paz e de momentos de contemplação que não pode deixar de acrescentar ao seu roteiro para visitar Arganil.

A melhor maneira de a conhecer é percorrendo o trilho interpretativo da Mata da Margaraça. Este pequeno e super acessível percurso pedestre, com somente 1,5 km de extensão, vai conduzi-lo por um bosque mágico pincelado por ribeiras, quedas de água e represas. Pode ainda visitar o forno de refugo, um moinho de água e o espaço museológico agrícola da Casa da Eira. É uma delícia de percorrer e, se estiver a visitar Arganil com miúdos, eles vão adorar!

Cascata da Fraga da Pena, a cascata mais bonita de Arganil

Bem pertinho da aldeia serrana de Pardieiros encontra-se a extraordinária Cascata da Fraga da Pena, que não só é a cascata mais bonita de Arganil, como também figura entre as cascatas mais sublimes de Portugal. Para a ver de perto, só terá que andar algumas centenas de metros desde o estacionamento num percurso bem assinalado que não apresenta dificuldades de maior.

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Uma das idílicas cascatas de Arganil que irá encontrar se subir a Barroca das Degrainhas

A Cascata da Fraga da Pena é formada pela água que, rompendo o xisto, se despenha da Barroca das Degrainhas. O resultado é uma majestosa queda de água com quase 20 metros de altura. Some-lhe o idílico enquadramento paisagístico, a omnipresente serenidade e as suas lagoas naturais, e não terá dificuldades em perceber porque é que a consideramos um local imperdível num roteiro para visitar Arganil.

Dica VagaMundos: se gosta de quedas de água paradisíacas, sugerimos vivamente que não se fique apenas pela Cascata da Fraga da Pena. Se subir a Barroca das Degrainhas, vai encontrar mais 3 belas cascatas do concelho de Arganil, que apesar de serem de menor dimensão, criam também pequenas lagoas onde pode tomar banho. Para chegar lá, basta seguir as marcações do trilho Caminho do Xisto de Benfeita.
Dica VagaMundos: Quer descobrir mais cascatas paradisíacas no centro de Portugal? Então, clique para ler o nosso guia completo para visitar as Cascatas mais bonitas do Centro de Portugal.

Capela da Rainha Santa Isabel e Pombeiro da Beira

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Capela da Rainha Santa Isabel – Roteiro para visitar Arganil

Nas imediações da aldeia de Pombeiro da Beira, mais concretamente no pequeno povoado Póvoa da Rainha Santa esconde-se um dos maiores tesouros patrimoniais de Arganil: a Capela da Rainha Santa Isabel, uma sui generis capela em formato octogonal construída em homenagem à Rainha Santa, esposa do Rei Dom Dinis.

Igreja Matriz de Pombeiro da Beira

Aproveite a viagem e visite também a Igreja Matriz de Pombeiro da Beira e o seu histórico pelourinho.

Barragem das Fronhas

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias FluviaisOutro dos locais a visitar em Arganil é a Barragem das Fronhas que, ao prender as águas do rio Alva, cria um maravilhoso espelho de água simplesmente perfeito para a prática de desportos náuticos, como seja canoagem, SUP e andar de barco à vela. Quem não quiser ir à água pode sempre fazer uma aprazível caminhada ao longo das margens da albufeira. É de uma paz incrível!

Aldeias de Xisto mais bonitas de Arganil

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Vila Cova de Alva

O concelho de Arganil tem algumas das aldeias de xisto mais bonitas do centro de Portugal, todas elas perfeitas para trocar a rotineira azáfama citadina por dias ímpares num ambiente de puro bucolismo. Abaixo listamos as aldeias de xisto que tem mesmo de visitar em Arganil.

Aldeia Histórica de Piodão

Falar de aldeias de xisto de Arganil é quase sinonimo de falar da aldeia histórica de Piódão, a grande vencedora das 7 Maravilhas de Portugal na categoria de Aldeias Remotas.

Piódão, também conhecida como Aldeia Presépio, é sem sombra de dúvidas uma das aldeias mais bonitas e idílicas de Portugal e nem pestaneje na hora de a incluir no seu roteiro para visitar Arganil. Ver o seu casario de xisto negro e telhados de ardósia, com as típicas portas e portadas pintadas de azul, a subir encosta acima, apaixona qualquer um. E então se a vir à noite, com as luzinhas a dançarem na escuridão da serra, arrisca-se a jurar-lhe amor eterno.

Chãs d’Égua

Chãs d’Égua é outra da aldeias de xisto que não pode deixar de visitar em Arganil. Fica localizada a dois passos de Piodão e as dezenas de gravuras rupestres encontradas na povoação atestam que a região teve ocupação humana desde tempos remotos, provavelmente há mais de três mil anos. Para o descobrir, nada melhor do que uma visita ao Centro Interpretativo De Arte Rupestre De Chãs d’Égua. Á semelhança do Piódão, a aldeia serrana de Chãs d’Égua, implantada na encosta, faz-se de ruelas estreitas e sinuosas, entre casas de xisto e rebocadas.

Foz de Égua

De Chãs d’Égua prossiga o seu roteiro para visitar Arganil rumando até à vizinha aldeia de xisto de Foz d’Égua, uma das aldeias mais pitorescas da Serra do Açor. Foz d’Égua parece uma aldeia de fantasia! O seu traço mais identificativo são as duas pontes de xisto, como irmãs gémeas, sobre as Ribeiras do Piódão e de Chãs d’Égua que aqui se unem e alimentam a deliciosa e fotogénica praia fluvial de Foz d’Égua. Há ainda uma ponte suspensa de madeira e um presépio no topo da aldeia feito pela população. Já lhe chamaram a aldeia Hobbit pela sugestão de cenário encantado. Este é um daqueles tesouros escondidos a que ninguém consegue resistir.

Benfeita

Benfeita, um nome que assenta que nem uma luva a esta aldeia de xisto de Arganil. Honestamente, não lhe sabemos dizer o que gostamos mais nesta aldeia branca da rede das Aldeias do Xisto: se das suas estreitas e labirínticas ruelas e passadiços, se das suas refrescantes zonas ribeirinhas (sim, Benfeita tem duas ribeiras), se da sua Torre da Paz (que todos os dias 7 de Maio celebra o fim da II Guerra Mundial com 1620 badaladas, precisamente o número de dias que durou o fatídico conflito), se de observar o seu alvo casario do alto da Fonte das Moscas. Não deixe de a adicionar ao seu roteiro para visitar Arganil.

Vila Cova de Alva

Vila Cova de Alva tem um enorme património histórico para explorar, provavelmente o maior de todas as aldeias de xisto que pode visitar em Arganil. Os locais que consideramos serem de visita obrigatória em Vila Cova de Alva são a histórica Rua Quinhentista (onde irá encontrar várias casas com elementos quinhentistas, a grande maioria do século XVI), a imponente Igreja Matriz de Vila Cova de Alva, a Igreja da Misericórdia, a Fonte da Praça e a Casa da Praça (antigos Paços do Concelho), o Pelourinho, o Convento de Santo António (e a sua monumental escadaria), o Solar dos Condes da Guarda e a bela Ponte sobre o rio Alva.

Melhores Praias Fluviais de Arganil

Se visitar Arganil no verão, há verdadeiros oásis de frescura à sua espera. Falamos das praias fluviais de Arganil, a grande maioria localizadas relativamente perto da vila e onde não pode deixar de ir dar um mergulho. As nossas favoritas são as seguintes:

Praia Fluvial da Cascalheira e Praia Fluvial da Ronqueira

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias FluviaisA Praia Fluvial da Cascalheira e Praia Fluvial da Ronqueira são uma dupla difícil de igualar! Como tal, nem pestaneje na hora de as incluir no seu roteiro para visitar Arganil. Estão ambas localizadas nas margens do rio Alva, literalmente uma à frente da outra, no local onde o concelho de Arganil se encontra com o concelho de Tábua.

A Praia Fluvial da Peneda da Cascalheira fica na margem direita, como tal, pertence a Arganil. Por sua vez a Praia Fluvial da Ronqueira encontra-se na margem esquerda, ou seja já é pertença do município de Tábua. Para ir de uma para a outra basta atravessar o fotogénico açude que prende as águas do rio Alva criando um dos espaços mais paradisíacos do centro de Portugal.

Apresentam uma irrepreensível qualidade de água (a sua “sala de troféus” está bem recheada de galardões como Bandeira Azul e Qualidade de Ouro) e pode ir a contar com excelentes infraestruturas de apoio, como bares, balneários com WCs, piscina flutuante, aluguer de canoas e até mesmo chapéus com espreguiçadeiras de utilização gratuita. Ah, e ficam a somente 4 km do centro da vila de Arganil!

Praia Fluvial do Caneiro (Vila de Côja)

Junto à confluência da ribeira da Mata com o rio Alva encontra-se outra das praias fluviais que não pode perder quando visitar Arganil. Estamos a falar-lhe da Praia Fluvial do Caneiro, situada a dois passos do centro da Vila de Côja.

Aqui a construção de um açude criou duas zonas distintas para desfrutar em grande de um dia quente de verão. Na parte inferior do açude irá encontrar dois areais e um lindo espelho de água pouco profundo simplesmente perfeito para ir a banhos nas cristalinas águas do Alva cuja qualidade é merecedora de Bandeira Azul. Por sua vez, na parte superior tem à sua espera um profundo lençol de água que possibilita a prática de atividades náuticas, como canoagem ou SUP.

A nível de infraestruturas também não lhe falta nada. A praia é vigiada, tem bar/restaurante com esplanada, WC com balneários, parque de merendas e rampas de acesso/cadeira anfíbia para pessoas com mobilidade reduzida.

Praia Fluvial de Valeiro do Barco

A Praia fluvial de Valeiro do Barco fica localizada na freguesia de Sarzedo, a somente 3 km do centro da Vila de Arganil. À sua espera tem também as cristalinas águas do rio Alva, um enorme relvado arborizado onde pode estender a toalha e fazer picnics, vários chapéus de palha de utilização gratuita, uma piscina, balneários e um aprazível bar, perfeito para tomar um copo entre mergulhos.

Praia Fluvial de Foz d’Égua

Como já referimos neste artigo, a Praia Fluvial de Foz d´Égua é dona duma fotogenia singular dentre as praias fluviais de Portugal. Imagine duas lindas pontes de xisto, quase irmãs gémeas, localizadas sobre as Ribeiras do Piódão e de Chãs d’Égua no preciso local onde estas se abraçam. Agora imagine que era adicionada uma represa para travar as cristalinas águas das ribeiras criando assim um enorme espelho de água.

Sabemos o quão difícil é conceber tão idílico cenário, por isso, o melhor mesmo é ir conhecê-la quando visitar Arganil e, claro está, desfrutar das suas refrescantes águas.

Praia Fluvial de Pomares

Na aldeia de Pomares, junto à histórica ponte sobre a Ribeira da Moura vai encontrar outra das praias fluviais de Arganil que nos encheu as medidas.

Águas cristalinas, vistas maravilhosas para a Serra do Açor, extenso relvado para estender a toalha, parque de merendas com muita sombra, nadador salvador, bar de apoio e parque infantil são alguns dos ingredientes que fazem da Praia Fluvial de Pomares uma excelente escolha para aproveitar os dias de calor quando for visitar Arganil. E, em jeito de bónus, pode aproveitar a viagem para conhecer também a vizinha Praia Fluvial de Agroal, visto que fica a somente 2 km de distância. Até dá para ir a pé!

Onde comer em Arganil? Melhores Restaurantes

Arganil, o que visitar | Aldeias de Xisto, Cascatas e Praias Fluviais
Chanfana, um dos pratos que não pode deixar de provar quando visitar Arganil

Visitar Arganil é também sinónimo de bons momentos à mesa. A elevada qualidade dos produtos da região e a sabedoria popular conceberam pratos tradicionais de deixar qualquer um a salivar. As iguarias mais emblemáticas são a Chanfana, o Cabrito à Serrana, o Bucho Recheado e as Tigeladas. Abaixo encontra os nossos restaurantes favoritos para saborear os pratos tradicionais da região.

A Grelha
Largo Padre Manuel Vasconcelos 17, Arganil

Príncipe do Alva
Rua Desembargador Abel Pereira Vale 147, Coja

O Fontinha
Rua Eugénio Correia, Piódão

Solar dos Pachecos
Largo Cónego Manuel Fernandes Nogueira, Piódão

 O que visitar perto de Arganil (para umas férias perfeitas)?

Penacova

Quando for visitar Arganil, aproveite para conhecer outros encantos do centro de Portugal. Até porque bem pertinho de Arganil encontra várias mãos cheias de locais de interesse para visitar. Abaixo encontra os nossos favoritos, com informação da distância face a Arganil:

Mapa com a localização dos principais pontos de interesse a visitar em Arganil


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa com a localização dos pontos de interesse a incluir num roteiro para visitar Arganil.

Outros artigos do Centro de Portugal

Abrantes | Águeda | Alcobaça | Aveiro | Aldeias Históricas de PortugalBatalha | Belmonte | Cascata da Cabreia | Cascata da Pedra da Ferida | Castelo de BodeCastelo Branco | Castelo RodrigoCastro Daire | Celorico e Linhares da Beira | Estações Náuticas Centro de Portugal | Ferreira do ZêzereFigueira da Foz | Foz do CobrãoFragas de São Simão | Góis | Gouveia | Guarda | LeiriaPassadiços do Orvalho | DornesMédio Tejo | Mata do Bussaco | Monsanto | Montemor-o-Velho | Nazaré | Óbidos | Oeste de Portugal | Ourém | PenacovaPenamacor | Penedo Furado | Peniche | Piodão | Praias Fluviais Centro de Portugal | Seia | Serras de Aire e CandeeirosSanta Comba Dão | Santarém | SeiaSerra do Açor | Serra da Estrela | Serra da LousãTomar | TrancosoVila de Rei | Viseu

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.