Arouca: o que visitar, ver e fazer | Roteiro

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Para a grande maioria das pessoas, visitar Arouca é sinónimo de ir percorrer os icónicos Passadiços do Paiva e atravessar a vertiginosa Ponte Suspensa 516. E se bem que o percurso pedestre mais famoso de Portugal é razão mais do que suficiente para visitar este concelho do norte de Portugal, os encantos de Arouca estão muito longe de se resumir ao galardoado passadiço.

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Passadiços do Paiva – Roteiro para visitar Arouca

Para além dos soberbos passadiços, em Arouca tem a maravilhosa Serra da Freita e o Arouca Geopark para explorar, mais de duas mãos cheias de fabulosos trilhos para percorrer, um riquíssimo património histórico para conhecer, idílicas cascatas e lagoas para se refrescar, soberbos miradouros com paisagens de encantar, dezenas de locais de interesse geológico para ver e uma gastronomia divinal para degustar, onde brilha a famosa Posta Arouquesa, o Bife à Alvarenga e os irresistíveis doces conventuais de Arouca.

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Miradouro do Detrelo da Malhada – Roteiro para visitar Arouca

Para que não perca pitada das maravilhas de Arouca, neste artigo revelamos o que visitar em Arouca (vila e concelho) entre património histórico e natural, o que ver e fazer numa escapadinha ou semana de férias e sugestões de hotéis e restaurantes, para que possa desfrutar do melhor que Arouca tem para oferecer.

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Cascata da Frecha da Mizarela – Roteiro para visitar Arouca

Onde fica Arouca?

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerArouca é uma vila portuguesa do distrito de Aveiro, localizada entre o vale do rio Paiva e a Serra da Freita. Sede de município, a vila de Arouca fica a pouco mais de 60 quilómetros de Aveiro e do Porto e aproximadamente 300 km de Lisboa.

Toda a área do município de Arouca integra o Arouca Geopark, que em 2009 foi classificado como Geoparque Mundial da UNESCO devido às formações geológicas ímpares que se encontram no seu território. Ao todo são 41 fantásticos geossítios à espera de serem descobertos por si.

Quando visitar Arouca?

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Mosteiro de Santa Maria de Arouca

Apesar de visitar Arouca ser uma boa ideia em todas as estações, as nossas favoritas são a primavera e o outono, altura em que o tempo está mais ameno, e logo mais propício a caminhadas, algo que para nós é indispensável sempre que vamos visitar Arouca. Na primavera os montes pintam-se com flores de mil cores e rios, ribeiras e cascatas estão em todo o seu esplendor. Já no outono, e porque na serra abunda o carvalho e o castanheiro, fica pincelada de apaixonantes tons outonais.

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Serra da Freita – Roteiro para visitar Arouca

Se optar por ir no verão, tem o contratempo do calor para as caminhadas (opte por caminhar logo de manhã cedo ou ao final da tarde). Por outro lado, ganha a possibilidade de desfrutar das inúmeras praias fluviais, cascatas e poços que existem no concelho de Arouca (e arredores).

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Poços e Cascatas da Ribeira de Palhais

Já no inverno é preciso ter em conta as condições climatéricas mais adversas e ir preparado para a chuva e frio. Como costumamos dizer, não existe mau tempo, existe é equipamento inadequado para a estação. E acredite que sabe muito bem o aconchego da lareira naqueles dias frios de inverno, depois de um dia em cheio a explorar as maravilhas naturais de Arouca.

Onde ficar a dormir em Arouca? Sugestões de alojamento

Devido à fama mundial dos Passadiços do Paiva, Arouca é hoje um dos destinos mais procurados de Portugal. Logo, recomendamos vivamente que reserve o seu alojamento com o máximo de antecedência possível de forma a garantir os melhores preços. Para lhe dar uma mãozinha, apresentamos os nossos alojamentos favoritos – testados e aprovados por nós.

Quinta de Anterronde

A nossa primeira sugestão de alojamento onde ficar hospedado quando for visitar Arouca é um turismo rural que fica a dois passos da vila, mas rodeado de sossego. Restaurada, a Quinta de Anterronde alia a história duma quinta do século XV  ao conforto elegante. São 9 quartos e suites privados confortáveis, luminosos e espaçosos. A decoração conjuga comodidades modernas a peças de mobiliário clássico e gracioso. Depois duma noite bem repousante, há um excelente pequeno-almoço à sua espera. Relaxar na piscina exterior, apreciar camélias centenárias no jardim romântico ou abraçar a paisagem circundante de riachos, vales e montanhas são afazeres a que vai querer entregar-se de bom grado.

Quintãs Farm Houses

A chave do sucesso do Quintãs Farm Houses está nas pessoas que são a alma deste projeto. Se procura uma das melhores experiências para miniférias na região de Arouca, os apartamentos desta quinta são o alojamento ideal para si e para a família. Com parque infantil, piscina e jardim – e amistosos animais de quinta que são adoráveis. Modernos, espaçosos, harmoniosos, decorados com excelente bom gosto e com uma vista panorâmica incrível. E de manhã, quem resiste àquele cheirinho de pão acabado de cozer? Só abre ainda mais o apetite para um pequeno almoço com muita variedade e abundância.

Hotel Rural da Freita

Pode ser um hotel de 3 estrelas, mas o Hotel Rural da Freita na Mizarela é cinco estrelas para quem procura a combinação perfeita entre ruralidade, natureza em estado puro e descanso em total comodidade. Ter o conforto integral duma unidade hoteleira moderna em plena Serra da Freita é um achado. Quartos super espaçosos, luminosos e aclimatizados, com decoração moderna e harmoniosa, casa de banho privativa e, alguns, com uma enorme varanda. Em dias limpos, a vista no horizonte chega até à Ria de Aveiro e ao mar. Só vai querer sair da comodidade do quarto porque o pequeno almoço continental é mesmo delicioso e muito variado.

Clique para ver mais opções de alojamento em Arouca

O que ver e fazer em Arouca? Locais a visitar e experiências a não perder

Praça Brandão de Vasconcelos – Roteiro para visitar Arouca

O que visitar em Arouca? Bem, para a vila em si, não vai precisar de alocar muito tempo. Como tal, não nos vamos alargar muito com a escrita. Mas não nos interprete mal! É que a riqueza patrimonial, natural e cultural de Arouca não se encontra concentrada na vila mas sim espalhada pelo concelho, como vai perceber depois de ler este artigo.

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Mosteiro de Santa Maria de Arouca

Posto isto, os pontos de interesse a visitar e experiências a não perder na vila de Arouca são as seguintes:

  • Visitar o Mosteiro de Santa Maria de Arouca e o contíguo Museu de Arte Sacra, onde irá encontrar um dos maiores acervos de arte sacra de Portugal. Imperdível!
  • Praça Brandão de Vasconcelos, a sala de visitas de Arouca por excelência, onde pontifica a Capela da Misericórdia e a antiga Câmara Municipal.
  • Adoçar o dente na Casa dos Doces Conventuais de Arouca. Os nossos favoritos são os charutos de amêndoa e as cascatas doces. De babar!
  • Passear pelo verdejante Parque de Arouca, onde irá encontrar a estátua da Rainha Santa Mafalda, a filha de D. Sancho I, o segundo Rei de Portugal, cujos restos mortais repousam no Mosteiro de Arouca.
  • Degustar uma bela duma Posta Arouquesa, prato incontornável para todos os apreciadores de boa carne que visitam Arouca. Leia este artigo até ao fim para ver os nossos restaurantes favoritos da região.
Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
O delicioso charuto da Casa dos Doces Conventuais

O que visitar no concelho de Arouca? Passeios pelo Arouca Geopark

Depois de visitar a vila de Arouca, pegue no carro e parta à descoberta dos encantos da Serra da Freita e do Arouca Geopark. Com as sugestões que lhe vamos apresentar abaixo, tem matéria-prima, tanto para planear uma escapadinha como para uma relaxante semana de férias a visitar Arouca.

Passadiços do Paiva

Desenhar um roteiro para visitar Arouca e não incluir os Passadiços do Paiva teria de ser considerado pecado capital. Localizados na margem esquerda do Rio Paiva estes quase nove quilómetros de passadiços tornaram-se rapidamente num dos percursos pedestres mais emblemáticos do mundo. E o que já era bom ficou ainda melhor com a abertura da vertiginosa Ponte Suspensa 516 Arouca, uma das maiores pontes pedonais suspensas do mundo.

A vertiginosa Ponte Suspensa dos Passadiços do Paiva

Os passadiços estão inseridos num autêntico santuário natural, junto a descidas de águas bravas e, ao longo de todo o percurso, será brindado com fantásticas paisagens. Entre os locais mais emblemáticos dos passadiços estão a Garganta do Paiva, a Praia Fluvial do Vau, a Gola do Salto, a Cascata das Aguieiras e a Falha de Espiunca. Se ainda não os visitou, faça a si mesmo um favor e coloque-os no topo das suas prioridades quando visitar Arouca. Garantimos que não se vai arrepender!

Aldeia de Drave e Minas de Regoufe

Encaixada entre a Serra da Freita e a Serra de S. Macário, a aldeia desabitada de Drave é um dos lugares que consideramos verdadeiramente imperdíveis num roteiro para visitar Arouca.

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerEsta aldeia mágica perdeu o seu último habitante em 2009 e para se lá chegar, só mesmo a pé, seguindo por um trilho que arranca da vizinha aldeia de Regoufe e tem aproximadamente 4 km de extensão (8 km ida e volta).

Chegar à Drave depois desta caminhada é nada menos do que mágico! É difícil de descrever o que sentimos quando observamos pela primeira vez o casario todo feito de xisto (com a exceção da pequena capela, alva como cal) e escutamos o barulho das cristalinas águas da ribeira de Palhais. Se for no verão, não se esqueça do fato de banho. As lagoas e pequenas cascatas da ribeira de Palhais são sérias candidatas aos melhores mergulhos do verão.

Minas de Volfrâmio de Regoufe

Uma vez de regresso à aldeia de Regoufe, não deixe de visitar as ruínas das Minas de Volfrâmio de Regoufe, que foram exploradas pelos ingleses durante a 2ª Guerra Mundial para delas tirarem o precioso volfrâmio, essencial para a construção de armamento e munições.

Panorâmica do Detrelo da Malhada

A Panorâmica do Detrelo da Malhada é o miradouro mais emblemático da Serra da Freita e um dos que tem lugar cativo na nossa seleção dos miradouros mais bonitos de Portugal. Dele é possível ver praticamente todo o Arouca Geopark, desde o Vale do Paiva à Serra do Montemuro, e em dias de boa visibilidade até se consegue avistar o oceano Atlântico e as montanhas do Gerês. Nem pestaneje na hora de o incluir no seu roteiro para visitar Arouca.

Cascata Frecha da Mizarela, a cascata mais bonita de Arouca

A imponente Cascata da Frecha da Mizarela, situada no alto da Serra da Freita, é considerada a cascata mais alta de Portugal Continental. Aqui, as águas do rio Caima despenham-se violentamente de mais de 60 metros de altura, num único salto contínuo, originando um espetáculo natural simplesmente brutal que certamente não vai querer perder quando visitar Arouca.

Pode observar a imponente queda de água da Frecha da Mizarela a partir do miradouro criado para o efeito, que fica localizado nas imediações da aldeia de Albergaria da Serra. Contudo, se a quiser ver de bem perto, só mesmo percorrendo o rasgadinho PR7 – Escarpas da Mizarela. Se gosta de uma boa caminhada, não hesite. Clique aqui para mais informações sobre o trilho das Escarpas da Mizarela e descarregar o track GPS para levar no seu smartphone.

Centro de Interpretação das Pedras Parideiras

O Centro de Interpretação das Pedras Parideiras é o geossítio mais emblemático do Arouca Geopark e como tal não pode deixar de o incluir no seu roteiro para visitar Arouca. Aqui poderá observar in loco um fenómeno geológico ímpar no mundo.

O afloramento granito onde ocorre este fenómeno tem cerca de um quilómetro quadrado de extensão e nele estão incrustados pequenos nódulos biotíticos que, por ação da erosão, se soltam da pedra. Daí a designação de Pedras Parideiras. Pode observar as pedras ao vivo e a cores percorrendo o passadiço criado para o efeito (evite caminhar sobre as pedras). A entrada no passadiço é gratuita, mas vale a pena visitar o Centro de Interpretação, assistir ao filme explicativo e conhecer mais a fundo este fenómeno único.

Pedras Boroas do Junqueiro

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerAs Pedras Boroas do Junqueiro são outro dos geossítios que não pode deixar de visitar no Arouca Geopark. Estas curiosas formações rochosas são resultado da erosão diferencial que o granito sofreu ao longo dos séculos, dando origem à formação de uma rede de fissuras poligonais que faz lembrar a côdea das boroas de milho, o vocábulo usado pelos locais para designar broa.

Radar Meteorológico de Arouca

O icónico Radar Meteorológico de Arouca, o radar mais fotogénico de Portugal, fica situado a cerca de 1000 metros de altitude. Se for da parte da tarde e o dia apresentar boa visibilidade, suba até ao piso panorâmico e desfrute duma das vistas mais esmagadoras da Serra da Freita. Será, literalmente, o ponto mais alto do seu roteiro a visitar Arouca.

Icnofósseis de Cabanas Longas e Museu das Trilobites

Se quiser incluir mais um geossítio ao seu roteiro para visitar Arouca, recomendamos vivamente os Icnofósseis de Cabanas Longas.

Os icnofósseis são marcas fósseis deixadas nos sedimentos há centenas de milhões de anos pelas trilobites. Neste local existem vários afloramentos quartzíticos que guardam uma elevada concentração de icnofósseis. O acesso à plataforma de observação é completamente gratuito e, não só permite ver os icnofósseis de perto, como ainda o vai brindar com uma extraordinária paisagem. Acredite que vale bem a pena subir a escadaria.

Caso queira ver fósseis gigantescos de trilobites visite também o Museu das Trilobites – Centro de Interpretação Geológica de Canelas, que fica situado na antiga pedreira do Valério.

Monte e Capela da Senhora da Mó

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerQuando visitar Arouca não deixe de fazer uma “romaria” até ao topo do Monte da Senhora da Mó onde irá encontrar uma peculiar capela de traços mouriscos e poderá desfrutar de uma vista maravilhosa sobre a vila e o vale de Arouca. Nos dias limpos até o Porto consegue perscrutar no horizonte!

Portal do Inferno e Garra

Outro lugar que sugerimos vivamente que inclua no seu roteiro para visitar Arouca é o Portal do Inferno e Garra, situado em pleno coração do Maciço da Gralheira. O assustador nome advém do estreito local de passagem situado no cume que separa dois vales escarpados com quase 1000 metros de altitude de penhascos e fragas de xisto que metem respeito.

Não haja dúvidas que o precipício parece um portal entre duas dimensões (curiosamente, é aí que se encontra a fronteira entre o distrito de Aveiro e Viseu) e que, diga-se em abono da verdade, a ventosa passagem é capaz de colocar os mais valentes em sentido. Contudo, podemos afiançar, que as paisagens com que será brindado estão mais para o paradisíaco do que para o infernal.

Onde comer em Arouca? Melhores Restaurantes

Arouca, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Posta Arouquesa, um dos pratos a não perder quando visitar Arouca

Arouca marca pontos na hora de nos sentarmos à mesa. A gastronomia local, onde brilha a famosa Posta Arouquesa, é uma das melhores de Portugal. Mas as tentações gastronómicas não se ficam por aí.

Há ainda o Bife à Alvarenga, os Rojões com Castanhas, o Arroz de Fumeiro, o Cabrito no Forno e um Bacalhau com Broa que figura entre os melhores que já degustamos. E se é doceiro, não há santo que o salve, pois os doces conventuais de Arouca são uma verdadeira perdição. Abaixo encontra os nossos restaurantes favoritos para degustar estas (e outras iguarias) quando visitar Arouca:

Parlamento

O nosso prato de eleição em Arouca é a majestosa Posta à Arouquesa. E a nossa favorita é a do restaurante Parlamento. A carne é tão tenra que se corta como manteiga e quase derrete na boca. O Arroz de Fumeiro que acompanha, é de comer e chorar por mais. E se a comida aconchega, o espaço cuidado e atendimento personalizado encantam. Só de escrevermos estas linhas já estamos de água na boca…

Pedestre 142

O nome deste restaurante foi inspirado nos percursos pedestres do Arouca Geopark e bem que precisamos deles depois de um repasto no Pedestre 142. Comece a sua “caminhada” com uma Tábua Serra da Freita, avance sem medo para uma Costeleta de Vaca Arouquesa ou um Bacalhau à Lagareiro e se ainda tiver “força nas pernas” termine o seu “trilho gastronómico” com um Pudim Abade de Priscos. Vai ver que ninguém se vai cortar a este percurso pedestre!

Casa dos Doces Conventuais de Arouca

Esta pastelaria arouquense é a grande responsável pela maioria dos pecados da gula sempre que vamos visitar Arouca. Entre as Castanhas Doces, os Charutos de Amêndoa, as Barrigas de Freira e as Pedras Parideiras venha o diabo e escolha. Não é à toa que está localizada mesmo em frente ao Mosteiro de Arouca. É que, depois disto, uma pessoa tem de se penitenciar.

Casa no Campo

A Casa no Campo fica situada na pacata aldeia do Espinheiro, na encosta da Serra da Freita, e bem que compensa a curta viagem desde Arouca. O espaço do restaurante, que foi outrora um palheiro é muito agradável, mas aquilo que nos motiva a percorrer os dez quilómetros que separam Espinheiro do centro de Arouca, é mesmo a deliciosa Vitela Assada no forno de lenha com batatinha a murro, o Bacalhau com Broa ou os Rojões com Castanhas.

Restaurante Mira Freita

Outro dos nossos restaurantes de eleição da região de Arouca é o Mira Freita. O espaço é super acolhedor e a comida caseira com sabores serranos é do melhor que encontra por estas paragens. Se optar pelo cabrito ou pelo famoso Cozido da Velha, é aposta ganha. Infelizmente, a matemática é que (nem sempre) está à altura da excelência da cozinha, por isso, dê uma ajuda na hora de somar a conta.

O que visitar perto de Arouca (para umas férias perfeitas)?

Poço Negro de Manhouce

Quando for visitar Arouca, aproveite para conhecer outros encantos da região das Montanhas Mágicas e do Vale do Douro. Até porque relativamente perto de Arouca encontra várias mãos cheias de locais de interesse para visitar. Abaixo encontra os nossos favoritos, com informação da distância face a Arouca:

Mapa com a localização dos principais pontos de interesse a visitar em Arouca


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa com a localização dos pontos de interesse a incluir num roteiro para visitar Arouca

Outros Artigos do Norte de Portugal

Arcos de Valdevez | Alijó | Barcelos | Braga | Bragança | Cascatas do Norte de Portugal | Castelo de Paiva | Chaves | Cinfães | Douro Internacional | Douro Vinhateiro | Freixo de Espada à Cinta | Roteiro do Gerês | Guimarães | Lagos do Sabor | Lamego | Macedo de CavaleirosMelgaço | Minho | Mirandela | Miranda do Douro | Monção | Mogadouro | Montalegre | Montesinho | Nordeste TransmontanoParedes de Coura | Peso da Régua | Pinhão | Ponte da BarcaPonte de LimaPortoPasseios Perto do Porto | Praias Fluviais Norte PortugalSão João da Pesqueira | Serra de Arga | Serra do Alvão | Serra da Freita | Tabuaço | Tarouca | Terras de Bouro | Torre de Moncorvo | Valença do MinhoVila RealVila Nova de Cerveira | Vilarinho de NegrõesViana do Castelo | Tua

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.