Visitar Aveiro: roteiro de 2 dias com o que ver e fazer

visitar-aveiro-roteiro-2-dias-o-que-ver-fazer

Visitar Aveiro é, para muitos, sinónimo de passeio de moliceiro tradicional nos canais e comer ovos moles. Se esta é a sua ideia duma visita à cidade de Aveiro, então continue a ler porque vai descobrir que tem andado a perder muito mais. You’re in for a surprise!

Um roteiro de Aveiro num dia é possível, mas vai perder muito. Esta bela cidade do Centro de Portugal merece bem que lhe dedique tempo e nada menos do que um roteiro de 2 dias em Aveiro para lhe fazer justiça.

A Ria de Aveiro é a alma da região. Deu a Aveiro moliceiros, salinas e paisagens de encantar, as gentes desenvolveram uma gastronomia deliciosa, a história está patente nos museus e património histórico-religioso, os anos de prosperidade espelhados nos edifícios Art Nouveau.

Soube a pouco os dias que tivemos para visitar Aveiro, explorar este recanto mágico e a maravilha da natureza que é a sua Ria. A Ria molda o quotidiano e costumes das gentes. As povoações que a rodeiam compõem um quadro feito de tradições piscatórias, de gastronomia com sabor a mar, de cores garridas e alegres porque aqui sabe-se que tristezas não pagam dívidas.


Dica: na sua visita a Aveiro não deixe de percorrer, seja a pé ou de bicicleta, os maravilhosos Passadiços da Ria de Aveiro


Quando visitar?

Sem chuva de preferência. Não que a cidade de Aveiro não tenha atrações turísticas indoors mais que suficientes para ocupar os seus dias. Muito pelo contrário. Contudo, à luz do dia, quando o sol brilha, a cidade ganha todo um colorido magnífico a dobrar, isto porque os canais da Ria de Aveiro são autênticos espelhos daquilo que é já bonito por si só: belos edifícios Art Nouveau, pontes românticas, moliceiros garridos e expressivos.

Visitámos em abril e vimos-lhe todas as facetas: tivemos a sorte de a ver soalheira e o infortúnio da chuva nos privar do seu brilho – porque Aveiro é uma cidade brilhante; fomos recebidos com vento que só nos tirou da rua ao pôr do sol (e que pôr do sol!) e despedimo-nos com um dia sereno abraçados pelo calorzinho do sol. Contas feitas, adorámos cada pedacinho da Cidade dos Canais.

Claro que a melhor época do ano para visitar Aveiro é nos meses mais quentes (maio a setembro). Mas não se deixe intimidar por temperaturas mais baixas se pensar em visitar noutros meses do ano. As temperaturas em Aveiro são geralmente amenas. E mesmo no inverno, em dias sem vento, passeios nos ou à beira dos canais são prazenteiros. O nosso conselho é que venha com a mala preparada para qualquer eventualidade.

Mapa dos Principais Pontos de Interesse de Aveiro


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa

O Melhor de Aveiro num Roteiro de 2 dias: o que ver e fazer na Cidade dos Canais

Sugerimos visitar Aveiro em 2 dias pelo tanto que a cidade tem para oferecer. Desde o século XIX que Aveiro tem ganho popularidade como uma das cidades mais belas de Portugal. E confere.

Visitar Aveiro, a Cidade dos Canais

Para além do charme que os canais alimentados pelas águas da Ria de Aveiro lhe atribuem, a cidade tem uma identidade arquitetónica muito característica dada pelos belos edifícios Art Nouveau em redor de praças e espaços verdes airosos, pelo colorido dos azulejos que forram fachadas de casas com os seus padrões únicos ladeando típicas ruelas piscatórias, e, mais recentemente, pelas linhas modernas das novas urbanizações que colocam Aveiro nas listas das melhores cidades para viver em Portugal.

Se lhe somarmos a riqueza patrimonial e a Ria de Aveiro que moldou o quotidiano das gentes, temos uma das cidades mais interessantes do nosso multifacetado país. Como cidade que acolhe uma das universidades mais prestigiadas, o seu ambiente jovial não passa despercebido.

Onde dormir em Aveiro – Sugestões de alojamento na Cidade dos Canais

A cidade de Aveiro tem ampla e diversificada escolha de alojamento para completar o leque fantástico de experiências ao visitar Aveiro. Na nossa opinião, nada melhor que ficar alojado num quarto com vista para os canais, o grande ex-libris de Aveiro. Mas dentre mais de duas centenas de soluções de alojamento, é certo que vai encontrar noites de descanso que são a sua cara. O difícil é escolher.

hotel-das-salinasEncontrar o Hotel das Salinas foi um verdadeiro achado. Este hotel boutique de 3 estrelas reúne todos os atributos que valorizamos numa estadia. Desde o primeiro minuto que fomos inundados de atenção e simpatia por parte da gerência e do staff, e os miminhos que viríamos a encontrar no nosso studio super aconchegante e confortável, com o bónus das melhores vistas sobre o Canal Central, deixaram-nos sem palavras. Se a atenção ao hóspede fosse atributo de estrelas, o Hotel das Salinas teria seguramente uma de ouro.

A localização é perfeita, mesmo no centro o que permite visitar Aveiro a pé com acesso facilitado aos seus principais pontos de interesse turístico. Num edifício bem recuperado, a estética é marcada pela poesia e pela arte, destaque para o painel cerâmico que encanta logo à entrada. Todos os espaços transparecem tranquilidade, bom gosto e atenção ao detalhe.

hotel-das-salinasQuer opte pelo quarto standard ou pelo studio (com kitchenette equipada, sofá e secretária) vai ser brindado com um ambiente reconfortante onde a qualidade está patente nos detalhes que transmitem bem estar, potenciado pela luminosidade e decoração. Camas super confortáveis e silêncio tranquilizador asseguram excelentes noites de descanso. E o pequeno almoço é super completo e já está incluído no preço da estadia, ótimo para ganhar energias para o seu roteiro de Aveiro. A relação qualidade-preço do Hotel das Salinas leva-nos a recomendá-lo sem hesitações. Clique para reservar a sua estadia no Hotel das Salinas.

Clique no link abaixo para ver outras boas opções de alojamento em Aveiro.

Onde dormir em Aveiro?

Roteiro Aveiro: 1º Dia

Visitar Aveiro a pé ou de bicicleta, a melhor forma de conhecer a cidade.

Aveiro a pé ou de bicicleta é fácil, sem canseiras nem complicações. É uma cidade relativamente pequena, por isso fácil de explorar a pé ou numa BUGA, a bicicleta citadina.

O seu primeiro dia começa a passo lento, obviamente, pelos canais que cruzam a cidade e mirando os barcos moliceiros que navegam estas plácidas águas, os dois factos que já lhe deram a alcunha de Veneza de Portugal. Poucos aveirenses gostam desse slogan de marketing turístico, até porque a identidade de Aveiro é muito própria e não uma cópia ou adaptação.

Ria de Aveiro

visitar-aveiro-riaA cidade de Aveiro fica localizada na costa oeste do centro de Portugal, mais precisamente na orla da maior laguna formada pela Ria de Aveiro. A Ria de Aveiro é a foz do Rio Vouga que se espraia numa bacia lagunar de águas salobras, fruto da mistura da água salgado do mar com as águas doces resultantes de cursos de água e águas pluviais. Na realidade, o mais importante e belo acidente geográfico da costa portuguesa acontece porque aqui desaguam vários cursos de água doce: os rios Vouga, Antuã, Boco e Cáster e a ribeira do Fontão.

Canal Central e Praça General Humberto Delgado

aveiro-a-pé
Inicie o seu roteiro de Aveiro no coração da cidade, a Praça General Humberto Delgado

Comece pelo Canal Central, em direção à Praça General Humberto Delgado. Ao visitante mais atento não vão escapar as Estátuas da Ponte erguidas nos seus 4 pilares que retratam atividades de tempos idos e caracterizam o quotidiano aveirense em tempos idos.

roteiro-2-dias-em-aveiro

Mas a atenção é roubada acima de tudo pela ria que passa por baixo da ponte e pelo edifício da Capitania do Porto de Aveiro, também conhecida como Casa dos Arcos, vai roubar-lhe a atenção. Só um visitante informado sabe da sua longa história inicialmente como foi moinho de maré, ligada à génese da fábrica de porcelana Vista Alegre e posteriormente transformada em Escola de Desenho Industrial. Hoje é a Assembleia Municipal de Aveiro.

Passeio de moliceiro

Visitar Aveiro – passeio de moliceiro

Uma excelente forma de começar as suas deambulações por Aveiro é estrear-se com um passeio de moliceiro (preços a rondar €10/adulto). Em cerca de 45 minutos vai navegar os 4 canais de Aveiro, apreciar os pontos de interesse turístico e edifícios emblemáticos que testemunham a evolução histórica da cidade e as estórias dos seus habitantes.

O passeio de moliceiro, para além de informativo, é divertido, já que o espírito maroto destas gentes profundamente ligadas à Ria não está só patente nos episódios jocosos que decoram os moliceiros, mas também na forma como brincam com a própria cidade. Sem nunca esquecerem um certo orgulho pelas raízes.

 

Já em terra firme, poderá explorar melhor os lugares imperdíveis para os quais o passeio de moliceiro lhe abriu o apetite. E continue a ler para descobrir outras pérolas que não constam dos guias turísticos.

Circuito Art Nouveau

visitar-aveiroComeçamos pela zona a norte do Canal Central, na Rua João Mendonça, junto ao Hotel Aveiro Palace, passando pelo Obelisco da Liberdade num largo em calçada portuguesa ornamentada (passe pelo posto do Turismo Centro de Portugal para apanhar o seu mapa), pelo Museu da Cidade de Aveiro e pelo Museu de Arte Nova enquanto apreciamos as fachadas dalguns dos mais belos edifícios Art Nouveau de Aveiro a par do charme dos moliceiros passeando turistas no canal, até ao Jardim do Rossio.

Bairro da Beira-Mar

beira-marAdentramo-nos pelas ruas e ruelas do Bairro da Beira-Mar, um dos mais emblemáticos da cidade. Aqui a vida acontece.

Restaurantes, esplanadas, pastelarias e licoristas à parte (ai, os licores de Aveiro!) é nestas calçadas, praças e largos que entremeiam as casas dos marnotos e pescadores que acontecem alguns dos eventos mais marcantes de Aveiro, dos modernos desfiles de moda às tradicionais festas de São Gonçalinho.

Pontes de Aveiro

visitar-pontes-de-aveiroCaminhe ao longo do Canal de São Roque onde vai descobrir duas belas e fotogénicas pontes (há mais!): a Ponte de Carcavelos, portadora do brasão de Aveiro, das mais antigas da cidade e favorita dos namorados, e a Ponte do Laço, como é conhecida a moderna ponte pedonal metálica que une as quatro margens onde o canal dos Botirões e o Canal de São Roque se unem.

ponte-do-laço-aveiroEstas pontes proporcionam uma vista direta para antigas casas de marnotos, trabalhadores das salinas, e pescadores.

Canal dos Botirões

roteiro-aveiro-canal-dos-botirõesE já que estamos aqui no Canal do Botirões, vamos dar um pulinho ao Mercado do Peixe. Caminhar pelas margens do Botirões foi recordar o colorido Nyhavn de Copenhaga onde vivemos tantos anos. Embora lhe falte extensão, largura e altivez nos edifícios, não lhe falta a cor. Dos spots mais fotogénicos que descobrimos. Esta é uma zona pouco frequentada pelos visitantes embora mereça constar de qualquer roteiro de Aveiro.

Mercado do Peixe

aveiro-mercado-do-peixe
O Mercado do Peixe tem um restaurante onde pode comer quando visitar Aveiro

O Mercado do Peixe é um ponto de interesse imperdível por causa da estrutura em ferro, estilo Eiffel. Para além da praça onde ainda se vende peixe fresco como antigamente, tem opções de restaurantes onde comer que o vão contemplar com alguns dos melhores pratos de peixe fresco típicos da região.

Capela de São Gonçalinho

Com tanto pecadilho de gula bem que nos podemos penitenciar perante os santos da terra. Vamos conhecer a singela mas única Capela de São Gonçalinho, aquele que é considerado por alguns como o padroeiro da cidade. Acarinhada pelos residentes, é o centro duma festa popular única em janeiro, sendo que os aveirenses fazem promessas, que são cumpridas no lançamento das cavacas do alto da Capela, para o povo que as tenta apanhar. Vale tudo, desde chapéus de chuva invertidos às redes de pesca!

Igreja da Vera Cruz

visitar-aveiro-vera-cruzEnveredamos em direção à Igreja da Vera Cruz ou Nossa Senhora da Apresentação. Destacam-se os painéis de azulejo que decoram a fachada e, no seu interior, a talha dourada que reveste paredes e teto é sublime.

Salinas de Aveiro

roteiro-aveiroPara terminar o seu dia em beleza, regresse aos canais e vá assistir ao pôr do sol nas Salinas de Aveiro. Siga o Canal das Pirâmides, nome atribuído por causa das pirâmides de sal branco que eram construídas após a recolha desse bem tão valioso para a região pela sua importância económica. Se tiver tempo, não dispense antes uma visita ao Ecomuseu Marinha da Troncalhada para saber mais sobre as práticas ancestrais da produção e transporte do sal.

Universidade de Aveiro

salinas-aveiroNós tivemos uma dica preciosa e fomos assistir ao pôr do sol nas salinas da Universidade. O espelho de água é soberbo e o setting, duma calma perfeita para terminar o dia que nos provou que Aveiro é uma pérola dentre as cidades portuguesas.

Onde sair à noite em Aveiro?

aveiro-o-que-fazer-a-noite
Visitar Aveiro à noite tem outro encanto

Como cidade universitária, o ambiente jovial e festeiro é uma condição sine qua non de Aveiro. Por isso, para quem gosta de tapear al fresco, beber uns copos com amigos, beberricar cocktails, conhecer novidades da cerveja artesanal e acabar a noite na discoteca, o Bairro da Beira-Mar é o sítio onde deve regressar à noite para satisfazer os gostos noctívagos.

Roteiro Aveiro: 2º Dia

No segundo dia do roteiro de Aveiro propomos descobrir os segredos da margem sul do Canal Central.

Murais da Praça da República

visitar-aveiro-num-diaSuba a Rua de Coimbra para deitar um olho aos Murais da Praça da República, painéis de azulejo que mantém viva a memória de tradições e símbolos do passado, entre eles a produção e transporte de sal nas canastras e a tricana. Desembocamos na Praça da República.

Igreja da Misericórdia de Aveiro

roteiro-2-dias-em-aveiroAbrimos o leque do património religioso com a Igreja da Misericórdia de Aveiro que engloba o respetivo Núcleo Museológico. O conjunto arquitetónico ao estilo maneirista exibe um revestimento da fachada em azulejo, um traço identificativo da cidade. É considerada uma das mais belas igrejas de Aveiro por causa do retábulo que replica o pórtico, a estrutura da abóbada em painéis de pedra e o cadeiral de talha. Para além dos serviços religiosos, a igreja está muito direcionada para a vertente cultural da cidade, recebendo frequentemente concertos de música de câmara e clássica devido à excelente acústica.

Praça da República

CMaveiroMas há mais para ver nesta arejada praça revestida de típica calçada portuguesa. O edifício da Câmara Municipal de Aveiro é imediatamente identificado através da sua Torre do Relógio. O Teatro Aveirense e o Liceu partilham a fachada dum edifício contíguo do lado este da praça. Atente ainda à casa mais antiga (1616) de Aveiro na esquina da Rua de Luís Cipriano com a Rua dos Combatentes da Grande Guerra.

Convento Carmelita

visitar-aveiro-o-que-ver-e-fazerNo extremo sul desta rua vai querer apreciar um dos melhores exemplares de calçada portuguesa que forra a praça frente ao Palácio da Justiça e divirta-se a encontrar o seu signo do zodíaco num dos doze quadros que decoram o chão. A instituição judicial ocupa agora o antigo convento carmelita do lado sul da praça do qual faz parte a Igreja de São João Evangelista ou Igreja Carmelita de Aveiro.

Entre estas praças e ruas pedonais, vai encontrar várias opções de restaurantes para satisfazer o seu apetite e acalentar o estômago quando chegar a hora de almoço.

Museu de Aveiro

museu-de-aveiroNo antigo Mosteiro de Jesus, um mosteiro dominicano fundado em 1458, aloja-se o Museu de Aveiro, conhecido pela belíssima coleção de obras de arte sacra. A riqueza da talha dourada da Igreja de Jesus não passa indiferente ao visitante. A saber que a receita original dos célebres ovos moles de Aveiro saiu das mãos das freiras que aqui cumpriam os seus votos. O elemento mais conhecido do Museu de Aveiro é o imponente e sublime túmulo em mármore de Santa Joana Princesa, a padroeira da diocese de Aveiro. O revestimento azulejar do refeitório e o claustro são também merecedores de atenção.

Sé de Aveiro

sé-de-aveiroUns meros passos ao lado, ergue-se a Sé de Aveiro, também ela parte constituinte do conjunto do antigo convento dominicano. O altivo campanário, ou torre sineira, é o elemento que ressalta logo à vista. Uma observação mais aproximada permite contemplar o pórtico em estilo barroco. As figuras femininas representam as três virtudes teologais: fé, esperança e caridade. Destaque ainda para o Cruzeiro de São Domingos, um interessante exemplar de estilo manuelino. No exterior encontra uma réplica já que o original, listado como Monumento Nacional, se encontra no interior.

interior-séSe há Sé em Portugal que denuncia claramente influências de estilos arquitetónicos (barroco, gótico e maneirista) ao longo dos anos, é a Sé de Aveiro. Vai pensar que há melhores catedrais, mais decoradas e preenchidas de ornamentação. Lembre-se, a Sé data dos séculos XVI e XVII, e documentos históricos provam que o despojo das paredes, como se duma igreja de pobres se tratasse, se devia a maior preocupação das gentes no templo espiritual “do que no avultado das paredes”. O mais notório é a preocupação em integrar estes elementos numa estrutura recuperada de linhas retas e minimalistas mais modernas. Há vozes discordantes no que diz respeito ao sucesso da reconstrução, mas que a Sé de Aveiro não deixa de atrair visitantes, é um facto.

Jardim da Fonte Nova

Dirigimo-nos agora para o Jardim da Fonte Nova, (Parque das Nações, versão aveirense) um favorito da cidade e dos espaços verdes mais bonitos que encontramos na cidade. Além dum verdejante relvado onde apetece descansar pode simplesmente contemplar as manobras dos moliceiros que navegam o “lago”.

I Love Aveiro

i-love-aveiroHá um curioso exemplar de street art que vai querer conhecer. Falamos da escadaria da Rua Gustavo Silva, hoje conhecida como “I love Aveiro Stairs”. Observe a escadaria da parte baixa e descubra porquê.

Centro de Congressos de Aveiro

roteiro-aveiro-2-diasO moderno Melia Ria Hotel & Spa não passa despercebido, nem o Centro de Congressos de Aveiro, centro cultural e de eventos, que ocupa parte da Fábrica de Cerâmica Jerónimo Pereira Campos, com foco na produção de tijolo e telha.

Canal do Cojo

canal-cojoRegressamos ao coração de Aveiro percorrendo as margens do Canal do Cojo. Este é dos passeios mais agradáveis pelos canais de Aveiro, à la Parisienne! Isto porque os passeios pedonais à beira do canal e abaixo do nível da rua, fazem lembrar as margens do rio Sena em Paris.

Mercado Manuel Firmino ou Forum Aveiro?

Neste roteiro de Aveiro sugerimos que passe pelo Mercado Manuel Firmino. Já não dá para comprar frescos, mas pode ser que se sinta tentado a aproveitar uma das suas esplanadas para satisfazer a gulodice.

Mais esbelto e atrativo, o Fórum Aveiro chama a atenção para o espaço comercial limpo, luminoso e com ampla escolha para quem não resiste a fazer umas comprinhas.

Ponte dos Laços

Entre estes dois espaços comerciais distintos, está a mais colorida e airosa ponte de Aveiro. Falamos da Ponte Laços de Amizade. Em 2004, dois estudantes universitários começaram a “enlaçar” a ponte para exprimir os laços que unem as pessoas. Sem distinções. Para além de belo e simbólico, é também democrático. A ideia teve tal adesão que em pouco tempo, o gradeamento ficou revestido dum arco-íris de fitas coloridas.

E assim nascem as tradições!

Quando o vento sopra, as fitas fazem a ponte ganhar vida. A ponte em madeira original teve que ser substituída, mas no final de 2016 a nova ponte recebia os primeiros laços.

Aqui está uma excelente, leve e alegre alternativa aos pesados “cadeados do amor” que já condenaram algumas das pontes mais bonitas e emblemáticas de cidades históricas europeias como a italiana Florença ou Paris, e não só. Portanto, crie laços de amor e esqueça os cadeados, numa ponte perto de si!

Para quê limitar-se a “fechar” o seu roteiro de fim de semana em Aveiro com chave de ouro se o pode fazer com uma paleta de todas as cores?

Onde comer ovos moles de Aveiro?

ovos-moles
A degustação da doçaria é imprescindível num roteiro de Aveiro

Não perca tempo para provar os tradicionais ovos moles de Aveiro. As opiniões sobre onde comer os melhores ovos moles de Aveiro dividem-se. Cada aveirense sabe onde os há, e sem sombra de dúvida que é na sua casa de eleição.

Acontece que Aveiro tem muitas e de excelente qualidade. Só para ter uma referência, apontamos algumas casas que são uma tentação divinal. Na Oficina do Doce é aprender e comer, viaje aos primórdios da doçaria aveirense na mais antiga casa, a Confeitaria Peixinho, e conheça a receita vinda diretamente da fonte (o Mosteiro de Jesus) fielmente mantida por gerações da família de Maria da Apresentação da Cruz.

E aconselhamos a começar bem cedo na exploração da doçaria típica de Aveiro porque só tem dois dias para se babar por castanhas de ovos moles, raivas, broas ou biscoitos almendrados, amores de cúria ou tripas de Aveiro – as melhores são as do TêZero!

É melhor nem falar dos cartuchos ou dos fuzis, do pão de ló de Ovar ou dos pasteis de nata da Costa Nova.

Quantos dias em Aveiro?

Tem mais dias para visitar Aveiro? Não faltam coisas giras e divertidas para ver e fazer quando visitar Aveiro.

As nossas sugestões para adicionar ao seu roteiro de Aveiro são: caminhadas nos Passadiços de Aveiro com um manancial de flora e fauna, conhecer as dunas vivas de São Jacinto, um pulinho à “aldeia” da afamada fábrica de cerâmica da Vista Alegre, visitar o Museu Marítimo de Ílhavo com um Aquário de Bacalhaus e o Navio Museu Santo André no Jardim Oudinot que faz parte do conjunto. E já que está no Jardim Oudinot, que tal um piquenique em família, uma sessão de fitness ou um mergulhinho na praia fluvial?

Um roteiro de Aveiro não fica completo sem uma ida à Costa Nova.

Para praia de mar, nada como a Praia da Barra ou a Praia da Costa Nova. Aproveite para conhecer o Farol da Barra, o mais alto de Portugal, e deixe-se encantar com o alegre colorido dos palheiros da Costa Nova que correm mundo de tão fotogénicos. O pôr-do-sol sobre o Atlântico em qualquer uma destas praias é memorável.

Outros Roteiros de Portugal

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

Faça um seguro de viagem na World Nomads ou na Iati. São ambas agências 100% especializadas em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado. Se optar pela Iati use o nosso link e terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

No GetYourGuide encontra sempre os melhores tours locais e pode ainda saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog “VagaMundos” a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.