Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Visitar Castelo de Paiva é para si que anda à procura dum destino “fora da caixinha” no Norte de Portugal. Pegue no carro para abarcar a beleza deste território ondulante entre serras e rios. Deambule pelo Centro Histórico de Castelo de Paiva e conheça um importante marco da Rota do Românico no histórico Marmoiral do Sobrado.

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Portão brasonado da Quinta da Boavista

Descubra a memória e tradições de Terras de Paiva percorrendo as vielas empedradas das aldeias de xisto de Midões e Gondaróm. Pasme-se com os cenários de tirar o fôlego de montanhas mágicas. Passeie pela margem do Douro percorrendo o percurso Viver o Douro e navegue até à apaixonante Ilha dos Amores, localizada no idílico local em que o Rio Paiva beija o Rio Douro.

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Ilha dos Amores, a única Ilha do Douro

Neste artigo encontra o que não pode deixar de ver e fazer quando visitar Castelo de Paiva, trilhos e percursos pedestres, praias fluviais e miradouros, os melhores hotéis onde ficar, restaurantes onde comer e um mapa interativo para aproveitar ao máximo a sua escapadinha a Castelo de Paiva.

Na preparação da sua viagem a Castelo de Paiva sugerimos que leia também os seguintes artigos:

Onde fica Castelo de Paiva?

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Aldeias de Xisto de Midões

A vila de Castelo de Paiva é uma sede de município no distrito de Aveiro, região do Norte de Portugal. As características específicas da orografia e geografia de Castelo de Paiva estão bem expressas na sua paisagem, muito marcada pelos três maiores cursos de água que cruzam “Tterras de Paiva”: o rio Douro, o rio Paiva e o rio Arda. A meros 55 km do Porto mas a 330 km de Lisboa, as capitais de distrito mais próximas são Vila Real (80 km), Braga (85 km), Aveiro (94 km) e Viseu (97 km).

Faz fronteira com os concelhos de Penafiel, Marco de Canaveses, Cinfães, Arouca e Gondomar.

Quando visitar Castelo de Paiva?

Jardim do Largo do Conde de Castelo de Paiva

Ao longo de todo o ano há pretextos para visitar Castelo de Paiva. E sem esforço. Tem património histórico para justificar uma escapadinha cultural a Castelo de Paiva, oásis de sossego nas suas aldeias para desligar do mundo numa escapadinha de lazer, ricas iguarias culinárias e ótimos vinhos verdes para um roteiro gastronómico, e património natural mais que suficiente para várias escapadinhas de turismo ativo. E se não resiste a uma boa praia fluvial no verão, Castelo de Paiva tem várias para uma semana de férias inteirinha.

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Praia do Castelo – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

Visitar Castelo de Paiva será ainda mais memorável se a sua escapadinha coincidir com um dos maiores eventos e festividades anuais, principalmente nos Santos Populares. Como São João é o padroeiro da vila, e o seu dia, 24 de junho, o feriado municipal, as festas de São João de Castelo de Paiva são de arromba, marchas populares e sardinhada incluídas como não podia deixar de ser. Outra coisa que podemos garantir é que esta gente sabe bem o que anima a malta. Há de reparar que a agenda de eventos anda muito à “roda da mesa”, com o melhor que a gastronomia da região tem para oferecer.

  • Enterro do Entrudo de Pedorido: fevereiro ou março (carnaval à moda tradicional, com direito a “morto”, caixão, carpideiras e uivos; uma experiência genuinamente arcaica e mágica)
  • Festival Gastronómico da Lampreia e do Sável: março (2º fim de semana)
  • São João de Castelo de Paiva (Santos Populares): 23 e 24 de junho
  • Feira do Vinho Verde, do Lavrador, da Gastronomia e Artesanato: julho (1º fim de semana)
  • Festival Gerações: agosto
  • Festival Gastronómico Arda D’Ouro: setembro (1º fim de semana, quando o peixe de rio é rei)
  • Feira do Século XIX: outubro (2º domingo, festa de época sob o tema das colheitas e mundo rural)

Onde ficar a dormir em Castelo de Paiva? Sugestões de alojamento

Complemente a sua escapadinha a Castelo de Paiva com o genuíno acolhimento nortenho dormindo (pelo menos) uma noite num dos admiráveis alojamentos da região. Independentemente da sua preferência de categoria de alojamento onde ficar em Castelo de Paiva, hotéis ou alojamentos de turismo rural, encontra qualidade a preços acessíveis.

Douro41 Hotel & Spa, um dos nossos alojamentos favoritos em Castelo de Paiva

Abaixo encontra os nossos alojamentos favoritos onde ficar numa escapadinha a Castelo de Paiva – testados e aprovados por nós – que apresentam a melhor relação qualidade-preço da região

Rio Moment’s
Tudo no Rio Moment’s é extraordinário. A começar pelas paisagens de encanto do rio Paiva. Some momento atrás de momento memorável nesta casa de campo de luxo, que oferece uma qualidade de serviço superior entre os alojamentos de Turismo Rural de Terras de Paiva. Desperte os sentidos na piscina exterior, no Spa, no restaurante e no bar. Venha descansar no quarto king com banheira de hidromassagem, no quarto duplo com terraço, no quarto duplo deluxe, ou na casa com 3 quartos depois de viver aventuras inesquecíveis que a equipa, que recebe com simpatia e dedicação dignas de 5 estrelas, prepara à sua medida. Independentemente da sua escolha, a sua estadia em Bairros será única e memorável.

Solar Guesthouse Olival da Vinha
Uma “pequena” casa de campo à altura dos melhores hotéis da região. O Solar Guesthouse Olival da Vinha goza duma localização central em Castelo de Paiva, a 300 metros do coração da cidade. Combina elementos rústicos e modernos num edifício histórico entre terraços e um jardim verdejante com vistas sobre a montanha. As 5 suites da casa principal (uma até tem kitchenette) partilham um salão e sala de leitura, perfeitas para casais ou um grupo de amigos. A villa anexa com cozinha equipada, oferece a privacidade e independência apropriada para famílias. Todas as unidades têm casa de banho privada, ar condicionado e Wi-Fi.

Douro41 Hotel & Spa
Foi ao rio que o Douro41 Hotel & Spa foi buscar toda a inspiração para aprimorar os prazeres sensoriais que oferece. A envolvente natural das paisagens dos socalcos do Douro Vinhateiro, inspirou texturas e cores levadas para um interior de harmonia em espaços contemporâneos, caracterizados por um minimalismo elegante. Tudo foi pensado para que a luz e as vistas sobre o Douro sejam protagonistas deste palco de sensações e emoções. Mime-se no Spa. Brinde à vida numa prova de vinhos. Assista ao pôr-do-sol da infinity pool. Os holofotes podem estar virados para o Douro, mas é o hóspede que é tratado como uma estrela neste hotel do Douro Vinhateiro.

Clique para ver mais opções de alojamento em Castelo de Paiva

O que ver e fazer em Castelo de Paiva: locais a visitar e experiências a não perder

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Igreja Matriz – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

Certamente já terá ouvido alguém dizer que há pouco que visitar em Castelo de Paiva. É verdade que o património do Centro Histórico de Castelo de Paiva, no Sobrado, é olhado como modesto, em quantidade e monumentalidade, mas muitos ignoram que tem um grande peso histórico, muito valorizado pelas suas gentes que, essas sim, são o monumento vivo desta terra de genuinidade.

Percurso Viver o Douro – Midões

De peso são também os seus tesouros naturais, de valor incalculável. E há que fazer justiça às aldeias pitorescas do concelho de Castelo de Paiva que são um monumento à cultura popular. Sem mais delongas, venha daí descobrir os locais a visitar em Castelo de Paiva que merecem a sua atenção e o seu tempo:

  • O Centro Histórico de Castelo de Paiva ou Centro Histórico do Sobrado é a agradável e vistosa sala de visitas de Castelo de Paiva. Ao redor do cuidado Jardim do Largo do Conde de Castelo de Paiva estão edifícios seculares de grande interesse como os Paços do Concelho, a Igreja Matriz, o Chafariz e o Edifício da Cadeia.
Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Estátua de homenagem do povo ao 1º conde de Castelo de Paiva, D. Martinho de Bulhões
  • O Edifício da Cadeia (séc. XVIII) ostenta o brasão da Casa de Bragança, mandatária da obra, e serviu como os antigos Paços do Concelho e cadeia. Atualmente é espaço cultural que reúne o Centro de Interpretação da Cultura Local, a Loja Interativa de Turismo e a Casa de Payva, com loja de produtos e artesanato regional (um 3 em 1 turístico).
  • A Igreja Matriz de Castelo de Paiva dedicada a Nossa Senhora da Assunção, data também do século XVIII, com elementos de traça barroca e rococó.
  • Por detrás do Edifício da Cadeia, está um gracioso Chafariz e mais adiante, na Rua da Boavista, um antigo lavadouro público.
  • O interessante edifício da Câmara Municipal de Castelo de Paiva são os “novos” Paços do Concelho datando do início do século XX.
  • O coreto, símbolo da cultura musical de Terras de Paiva que aqui é levada a sério. Atravesse o largo e aproveite para visitar a renovada Quinta do Pinheiro, um parque verde mesmo no coração da vila que acolhe, num palacete antigo e elegante, a prestigiada Academia de Música de Castelo de Paiva.
  • O Marmoiral de Sobrado (ou Marmorial da Boavista por se encontrar defronte do portão brasonado da Quinta da Boavista), classificado como Monumento Nacional desde 1950, integra a Rota do Românico. De data incerta, apresenta uma tipologia diferente dos outros monumentos funerários relacionados com a lenda do cortejo fúnebre de D. Mafalda para o Mosteiro de Arouca, uma vez que não apresenta qualquer arco.
  • Já nos arrabaldes do Sobrado, desfrute do sossego e tranquilidade do Parque das Tílias, um dos principais jardins de Castelo de Paiva. Se visitar Castelo de Paiva aquando da Feira do Século XIX, é para aqui que deve rumar.
  • Nas imediações encontra a Pia dos Mouros, um penedo onde foram escavadas, há mais de mil anos, duas sepulturas retangulares.
Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Marmoiral de Sobrado – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

O que visitar no concelho de Castelo de Paiva? Passeios perto de Castelo de Paiva

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Rio Paiva visto da Ponte da Bateira

É certo que visitar Castelo de Paiva, a vila, não toma muito tempo. Já do território não se pode dizer o mesmo, dado o manancial de atrativos dignos de visita, entre aldeias típicas, praias fluviais, miradouros e trilhos. Por ser ponto de passagem duma das estradas mais cénicas de Portugal, a Estrada Nacional 222, uma visita a Castelo de Paiva acaba sempre por nos conduzir pelas curvas e contracurvas duma das melhores road trips de Portugal, ao longo do sublime Rio Douro.

Aldeias de Xisto de Midões e Gondarém

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Aldeia de Xisto de Gondarém – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

Gondarém e Midões são duas singelas aldeias a visitar em Castelo de Paiva que muitos desconhecem. São de xisto e irmanadas a vários níveis. Próximas na distância, nos usos e costumes e nas paisagens sublimes das encostas e do vale do rio Douro. Partilham a mesma igreja e as vinhas de enforcado para produção de vinhos verdes.

Cais de Midões – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

Estes lugarejos têm aquele encanto rústico e pitoresco das casas antigas (de xisto e granito, algumas com paredes de taipa), das quelhas e ruelas empedradas. Para dias de sossego pleno, estas aldeias serranas têm pouca concorrência. Gondarém, aldeia duma só rua, tem vistas invejáveis sobre o Douro. Midões, tem um cais de rio e um trilho ribeirinho, com vistas para a Serra da Boneca, que são um deleite.

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Casa do Passadiço em Midões

Os locais a não perder numa visita a Midões e Gondarém são os Canastros de Gondarém, a castiça Rua de Santo Ildefonso em Gondarém, o Cais de Midões, o Passeio Ribeirinho de Midões, a Casa do Passadiço em Midões (e até já ganhou um baloiço à beira-rio).

Igreja Matriz de Raiva e Pelourinho

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Igreja Matriz de Raiva – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

Raiva é uma das freguesias que merece a sua atenção quando visitar Castelo de Paiva. Os monumentos de maior relevo desta terra mineira são a Igreja Matriz de Raiva e o Pelourinho de Raiva, monumento quinhentista de granito, classificado Imóvel de Interesse Público, que comprova que Raiva foi sede de concelho com honras de foral.

Pelourinho de Raiva

Deleite-se com a vista panorâmica para o Rio Douro e a Serra da Boneca no miradouro do Adro da Igreja. Lá do alto, foi testemunha da passagem de centenas de barcos rabelos que sulcavam o Douro. Foi edificada no século XIX, sendo o seu padroeiro, São João Baptista. Enquadrada numa zona paisagística de relevo é digna de visita, tanto pala zona onde está inserida, como pela beleza ímpar da sua talha dourada.

Ilha dos Amores

Ilha dos Amores vista da Praia Fluvial do Castelo

Nenhum roteiro para visitar Castelo de Paiva deve ignorar esta ilha de lendas. Também conhecida pelo nome de Ilha do Castelo, a Ilha dos Amores é a única no curso do rio Douro. Não é a Ilha dos Amores magistralmente descrita por Luís de Camões nos “Lusíadas”, mas o povo tratou de lhe dar enlevo.

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Esta idílica ilha deserta fica situada mesmo no ponto em que o rio Paiva abraça o Douro e conta a lenda que foi palco de um amor proibido entre um jovem lavrador e uma fidalga cuja mão foi prometida a um nobre. Levado pelos ciúmes, o lavrador matou o seu concorrente e após atirar o corpo ao Douro escondeu-se na dita ilha com o intuito de lá viver com a sua amada. Contudo, quis o famigerado destino que, quando ambos se dirigiam de barco para o seu ninho de amor, se tenha levantado uma enorme tormenta, terminando com o Douro a engolir a barca do apaixonado casal.

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Foz do rio Paiva vista da Ilha dos Amores

Lenda à parte, a Ilha dos Amores é verdadeiramente encantadora e, se o tempo estiver de feição, não deixe de apanhar um barco até lá para desfrutar deste maravilhoso recanto natural e tomar uns refrescantes banhos nas águas do Douro.

Cais De Sardoura e Anjo de Portugal

Anjo de Portugal – – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

Mais um lugar para incluir no seu roteiro para visitar Castelo de Paiva. Em Santa Maria de Sardoura, junto à ponte de Entre-os-Rios, este cais recentemente revitalizado tem uma vista quase infinita sobre os rios Douro e Tâmega. Mesmo ao lado, ergue-se o Anjo de Portugal, uma estátua de bronze banhado a ouro, de 12 metros, em homenagem às vítimas da tragédia da queda da ponte Hintze Ribeiro.

Parque do Gramão, na foz do rio Sardoura

Também ao lado, conheça a foz do rio Sardoura, local de tranquilidade e sossego, onde a Junta local com o apoio de voluntários criou um acesso à pequena praia do Parque do Gramão onde já figura um instagramável baloiço.

Passeio de Barco, Kayak ou SUP pelo Rio Paiva

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Passeio de Barco pelo rio Paiva

Esta é uma das atividades imperdíveis quando visitar Castelo de Paiva. As condições do rio Paiva são perfeitas para dar umas remadas num kayak ou numa prancha de SUP, começando a aventura no Douro e subindo as plácidas águas do Paiva em cujas margens cresce uma floresta selvagem, quase tropical, com direito a cascata secreta e ilhas.

Cascata Secreta do Paiva – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

Numa toada mais relaxante, entregue o esforço ao motor duma embarcação e não resista a um passeio do barco saindo da Praia do Castelo que permite conhecer esta face inacessível do Paiva, refrescar corpo e alma nas águas de rio e ainda @ leva à idílica Ilhas dos Amores.

Praias Fluviais Castelo de Paiva

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Com três rios no território – Douro, Paiva e Arda – visitar Castelo de Paiva é também sinónimo de mergulhos, brincadeiras e passeios no rio, e no concelho escondem-se algumas das melhores praias fluviais do Norte de Portugal.

Entre a miríade de fantásticas praias fluviais de Castelo de Paiva, ideais para contrariar os dias quentes de verão e belos passeios paisagísticos no resto do ano, as nossas favoritas são a Praia do Castelo e a Ilha dos Amores.

Praia Fluvial da Várzea e Poço Negro

Próxima da pequena localidade da Várzea, em Bairros, um açoreamento de areias num meandro do rio Paiva que aqui se acalma, deu lugar à Praia Fluvial da Várzea onde foi criada uma pequena e agradável área de lazer. É uma zona selvagem de natureza pura, inserida numa paisagem fantástica, e envolta em grande mistério por causa das lendas associadas ao Poço Negro ali próximo.

Praia Fluvial do Castelo ou da Ilha dos Amores

A Praia do Castelo oferece um vasto areal com boas infraestruturas muito popular para dias de praia em família, e particularmente atraente para jovens e adeptos dos desportos náuticos. É uma zona fluvial com várias particularidades. Em primeiro lugar, é banhada por dois rios já que se situa mesmo na zona onde o rio Paiva se une ao rio Douro. E para uma pitada de romantismo, mesmo defronte fica a lendária Ilha dos Amores, nome pelo qual a praia também é conhecida.

Praia Fluvial do Choupal das Concas (Praia Fluvial do Pedorido)

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Para desfrutar de banhos no Rio Douro e de uma paisagem singular, a Praia Fluvial do Choupal das Concas, também conhecida como Praia Fluvial do Pedorido, oferece um espaço rodeado por árvores de grande porte, com pequeno areal e até um café.

Clique para conhecer as Melhores Praias Fluviais de Portugal

Miradouros Castelo de Paiva

Vamos lá falar das maravilhas paisagísticas a visitar em Castelo de Paiva. Entre os seus três montes emblemáticos, Monte de Santo Adrião, Monte de São Gens e Monte de São Domingos não faltam miradouros e pontos de vista soberbas para as curvas do Douro ou do Vale do Paiva. Abaixo listamos os melhores miradouros de Castelo de Paiva.

Miradouro de Catapeixe

O Miradouro de Catapeixe é o nosso favorito e, na nossa opinião, um dos melhores miradouros do Douro. Deste varandim poderá desfrutar de deslumbrantes vistas sobre os rios Douro e Paiva e sobre a apaixonante Ilha do Amores. Imperdível!

Miradouro do Monte de Santo Adrião

A vista deslumbrante sobre o Vale do Paiva a partir do Miradouro do Monte de Santo Adrião é de suster a respiração. Daqui mira-se o Porto, em dias limpos, é claro. Pode fazê-lo enquanto balança no Baloiço de Santo Adrião. No alto encontra-se uma antiga capela, conhecida como Capela da Senhora da Tocha, com um simbólico chão empedrado em forma de cruz, destino de romaria anual ancestral.

Miradouro de São Domingos

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Do alto do Monte de São Domingos (na freguesia de Raiva) tem-se uma visão panorâmica de tirar o fôlego, sobre as curvas do Douro e um meandro muito fotogénico. A Capela de São Domingos, que até tem direito a carrilhão, é fonte de grande devoção. Domina o cume rodeada por um frondoso parque verde bem cuidado e há um anfiteatro na encosta que, ao pôr do sol, faz qualquer um perceber porque é que a região é D’Ouro.

Miradouro e Baloiço do Monte de São Gens

Destes três montes de Castelo de Paiva, o Monte São Gens é o único que não tem capela mas pelas suas vistas infinitas merece uma visita, incluindo ao famoso baloiço virado ao Douro.

Trilhos, Percursos Pedestres e Rotas BTT de Castelo de Paiva

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Calcorreando a idílica Ilha dos Amores, um dos maiores tesouros naturais de Castelo de Paiva

Já acima afirmamos que o património natural de Castelo de Paiva é um dos seus maiores tesouros. E não há melhor maneira apreciar os seus tesouros naturais do que percorrendo a pé os fabulosos trilhos e percursos pedestres de Castelo de Paiva, com níveis de dificuldade para todos os gostos.

Percurso Viver o Douro – Roteiro para visitar Castelo de Paiva

O nosso favorito é o Percurso Viver o Douro que se desenvolve ao longo das margens do rio entre a Praia do Choupal, em Pedorido, e a aldeia de xisto de Midões. Abaixo encontra os trilhos e percursos pedestres de Castelo de Paiva que nos encheram as medidas:

  • PR1 CPV – Trilho Ilha dos Amores: 7 km, circular
  • Percurso Viver o Douro: 11 km, linear
  • Trilho das Vinhas: 12 km, circular
  • Trilho do Mineiro: 31 km, circular

Clique para conhecer os melhores Trilhos e Percursos Pedestres de Portugal

Estrada Nacional 222 em Castelo de Paiva

Uma boa desculpa para visitar Castelo de Paiva se é fã de curvas: percorrer os 22 km da Estrada Nacional 222 que cruzam Terras de Paiva, entrando na freguesia de Pedorido até à Ponte de Caninhas, a última ponte sobre o Paiva antes deste desaguar no Rio Douro.

De Vila Nova de Gaia a Almendra, no concelho de Vila Nova de Foz Côa, tendo sempre o Douro como companhia, a Estrada Nacional 222 é uma das melhores road trips que pode fazer em Portugal. O troço entre Peso da Régua e Pinhão, valeu-lhe inclusivamente o título da estrada mais bonita do mundo.

Em Castelo de Paiva, a Estrada Nacional 222 passa ao lado da Estátua de Homenagem ao Mineiro de Pejões, atravessa Pedorido, cruza o rio Arda na sua foz com o Douro onde se situa o Choupal e a Praia Fluvial das Concas, subindo montes até Castelo de Paiva e descendo de novo ao rio Paiva até à foz. Este troço pode não ter conquistado títulos, mas garantimos que as paisagens ribeirinhas e de serra são estonteantes! E não é por causa das curvas.

E se ainda não estiver satisfeit@, Castelo de Paiva tem o Douro Vinhateiro, os Passadiços do Paiva, Cinfães ou as Montanhas Mágicas à porta de casa.

Onde comer em Castelo de Paiva – Melhores Restaurantes

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Cabrito Assado, um dos pratos que tem provar quando visitar Castelo de Paiva

“Então, o que vai ser? Cabrito ou anho assado com arroz de forno? Ou prefere peixe? Temos lampreia e sável acabadinhos de vir do rio. O cozido à lavrador com azeite da terra também está muito bom hoje. Vai uma tabuinha de fumeiro para abrir? Temos aqui um bom vinho da nossa Região Demarcada dos Vinhos Verdes que é de virar copos. Para sobremesa temos o pão de ló e a sopa seca cá da terra.” Escolhemos a tábua de fumeiro, o cabrito assado e o pão de ló. Acabamos a rebolar… De satisfação!

Restaurante Dona Amélia (Quinta do Casal, Bairros)

Pão de Ló

Há quem venha do Porto de propósito pela vitela assada a desfazer-se na boca e pelo cabrito assado em forno de lenha duma vida. O pão de ló húmido é de fazer grávidas ter desejos.

Adega a Ramadinha (Concas Pedorido)

Castelo de Paiva, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
A bela da Posta de Vaca Arouquesa

As iguarias típicas da região aqui são levadas muito a sério. Menu varia consoante a época, portanto, tudo é fresco. Cabrito e anho assados com arroz de forno, sável e lampreia, bacalhau com broa, e posta de cebolada… Nem Cristo resistia a tanta tentação!

Mapa com a localização dos principais pontos de interesse a visitar em Castelo de Paiva


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa coma a localização dos principais pontos de interesse a visitar em Castelo de Paiva.

Outros artigos do Norte de Portugal

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.