Visitar Dornes: o que ver e fazer na Península dos Templários

visitar dornes o que ver e fazer

A “vila” de Dornes, em Ferreira do Zêzere, é usualmente chamada de Península Encantada ou Terra Mítica dos Templários. Tais epítetos têm fundamento. É que a pequena povoação fica mesmo no topo duma adorável península contornada pela albufeira do Rio Zêzere e tem plantada bem no topo a afamada Torre Templária de Dornes, a torre defensiva pentagonal de que não se conhece mais exemplos em Portugal. Venha daí connosco visitar Dornes, uma das aldeias mais bonitas de Portugal.

Onde fica e como chegar a Dornes?

Visitar Dornes: o que ver e fazer na Península dos TempláriosA povoação de Dornes pertence ao concelho de Ferreira do Zêzere, no Centro de Portugal. Fica no extremo norte do distrito de Santarém, a aproximadamente 30 quilómetros de Tomar. Dornes situa-se numa península formada pela Albufeira de Castelo de Bode e integra a Rota dos Templários.

A forma mais rápida, mais prática e mais económica de chegar a Dornes é de carro. Dornes está próxima de algumas grandes cidades portuguesas, como Santarém, Leiria, Coimbra e até Castelo Branco, com distâncias a rondar os 100 km e os tempos de viagem à volta de uma hora. Se não tiver carro próprio, recomendamos alugar carro para poder explorar outros tesouros da região nos arredores de Dornes que sugerimos neste artigo.

Na preparação da sua viagem para visitar Dornes sugerimos que leia também o nosso roteiro para visitar Ferreira do Zêzere.

O que visitar em Dornes?

visitar-dornes-o-que-ver-e-fazer

Dornes pode ser pequena em tamanho, mas é enorme no seu legado histórico. Quem diria que uma povoação que não tem mais dos que dois ou três pontos de interesse turístico pudesse tornar-se numa das 7 Maravilhas de Portugal – Aldeias. E no entanto, é terra de milagres e por isso de devoção.

A Rainha Santa foi sua peregrina e está na base duma das suas lendas. Grão-mestres da enigmática Ordem dos Templários fizeram dela ponto estratégico de defesa ribeirinha. E quantas mais estórias incríveis não estarão gravadas no silêncio das suas paredes. Dornes é terra de mistérios, da matéria que as lendas são feitas.

visitar-dornes-o-que-ver-e-fazer

Tudo parece adormecido na pequena vila. Sabemos que o bulício virá daqui a umas horas quando a Fonte de Cima estiver a rebentar pelas costuras com comensais em busca do afamado peixe do rio.

E diz-se por aí que, se o peixe é bom, as migas que se juntam ao prato são deliciosas. Se a casa estiver cheia, e provavelmente vai estar, há sempre O Rio para degustar o seu bacalhau, e (incontornável) adoçar o dente com um biscoito Dornito ou o pudim de abóbora com nozes, criações da casa.

Em pouco mais de uma hora todas as ruelas empedradas da povoação estão percorridas. Naquelas ruas estreitas as paredes do casario são livres de qualquer rigidez arquitetónica. Paredes tiradas destas terras de xisto estão agora escondidas pela cal ou tinta branca. Duvidamos que se cerrem portas por aqui porque ouve-se o impropério duma mãe cansada do filho mandrião.

visitar-dornes-o-que-ver-e-fazer
Capela de Santo António – Visitar Dornes

Dedicamos mais algum tempo ao Templo de Nossa Senhora do Pranto, à Torre Pentagonal de Dornes, à Capela de Santo António e à sua praia fluvial – e já está.

Templo de Nossa Senhora do Pranto – Visitar Dornes

Entramos na igreja de Dornes e deparamo-nos com um interior que rivaliza com a riqueza de capelas adossadas a catedrais mundiais que já vimos pelo mundo e (espanto!) um antigo órgão de tubos.

Diz-nos quem prepara o altar para a missa que ainda funciona e que nas peregrinações dos Círios do dia de Espírito Santo e do 15 de Agosto as ruas estão pejadas de peregrinos devotos da Nossa Senhora do Pranto. Se se questiona quando visitar Dornes, estas são as duas datas mais importantes da antiga vila.

visitar-dornes-o-que-ver-e-fazer
Torre Templária de Dornes – Visitar Dornes

Por detrás, a Torre Templária de Dornes, a vetusta guardiã da península dos segredos, convertida em torre sineira da igreja, templária, pentagonal. Em claro contraste com a alvura do templo de culto religioso, parece tirada diretamente da terra ocre de xisto.

Descobrimos um barco de três tábuas perigosamente ancorado no alto da aldeia em doca seca, à beira da estrada. Este só podia sair das mãos de José Alberto, único detentor da ciência em vias de extinção da construção destas embarcações que foram a vida do Zêzere. Já lá em baixo, na praia fluvial os havíamos visto, amarrados ao cais de embarque donde saem os passeios do barco turístico de Dornes.

visitar-dornes-o-que-ver-e-fazer

Numa terra tão singela, estranha-se o apelo que nos suscita no âmago. Não se consegue explicar. Dornes enfeitiça. Dornes é feita de branco, azul e verde intensos. O Zêzere dá-lhe o tom romântico, o céu pinta a península de conforto e as montanhas pintadas de verde debruam tudo de paz. Dornes é como um bálsamo que nos traz consolo. Estranhamente apetece ficar. Simplesmente ficar.

Visitar Dornes: o que ver e fazer na Península dos Templários

E por isso viemos com muito tempo porque são as montanhas verdes em redor que clamam por nós e vamos trilhá-las. As ganas de calcorrear caminhos de xisto, pedra solta, pó, que corriam inquietas nas veias sossegam ao serem saciadas com uma das mais deslumbrantes paisagens que já vimos na vida.

Dornes é o destino perfeito para quem procura um fim de semana relaxante para retemperar energias. É ainda um lugar repleto de romantismo, ideal para uma escapadinha romântica a dois. Para passeios a pé, caminhadas de montanha e passeios de barco durante o ano, banhos de rio e atividades aquáticas na época do verão.

Trilho de Dornes PR1 – Vigia do Zêzere

Como já referimos Dornes é um excelente destino para quem gosta de uma boa caminhada na natureza. Existem vários percursos pedestres que pode fazer a partir da Península dos Templários, sendo que o nosso favorito é o Trilho Vigia do Zêzere.

Este percurso pedestre arranca e termina na aldeia de Dornes e ao longo dos seus 19 km brinda o caminhante com paisagens de cortar a respiração sobre a península de Dornes e a Albufeira de Castelo de Bode, pincelada por idílicas ilhas desertas. Clique para mais informações sobre o Trilho de Dornes “Vigia do Zêzere” e descarregar o track GPS do percurso para levar consigo no seu smartphone.

O que visitar nos arredores de Dornes?

Convento de Cristo – Tomar

Aproveite a sua visita a Dornes para ler as páginas da história portuguesa inscritas nas cidades de Tomar, a Cidade dos Templários, ou na Vila Medieval de Ourém.

Albufeira de Castelo de Bode

Parta à descoberta dos encantos da Albufeira de Castelo de Bode, um imenso lago azul pincelado de maravilhosas ilhas desertas, repleto de praias fluviais espantosas e com uma miríade de miradouros com paisagens de cortar a respiração.

Cascata do Penedo Furado

Deixe-se guiar pelos passadiços até às idílicas Cascatas do Penedo Furado e vá desfrutar das arrebatadoras vistas do Centro Geodésico de Portugal, no concelho de Vila de Rei.

Castelo de Almourol

Siga o rio Zêzere, o Rio Templário, até à foz e perca-se na pitoresca Constância. Escute os segredos do lendário Castelo de Almourol e “desça” o Tejo até Vila Nova da Barquinha, naquele que é provavelmente o melhor parque ribeirinho do Médio Tejo.

Onde ficar a dormir em Dornes? Sugestões de alojamento

Se quiser ficar a dormir em Dornes, saiba que a oferta de alojamento é escassa. Mas existem ótimas opções de alojamentos de Turismo Rural em redor, se não se importar de andar mais uns quilómetros de carro. Disto isto, recomendamos que faça a sua reserva de alojamento em Dornes com o máximo de antecedência possível e opte sempre por reservar unidades hoteleiras que permitam o cancelamento, não vá ter algum imprevisto.

Em alternativa pode ficar a dormir em Ferreira do Zêzere. Podemos afiançar que encontra muito mais oferta e qualidade a preços acessíveis. Para além de ter todos os serviços, como restaurantes ou supermercados, Ferreira do Zêzere tem dois hotéis e um aparthotel que podem ir mais ao encontro das suas necessidades e gostos.

Abaixo encontra os nossos lugares favoritos onde ficar a dormir em Dornes – testados e aprovados por nós – e adicionamos sugestões de alojamentos que apresentam a melhor relação qualidade-preço.

Acolhedora, rústica e com uma vista fabulosa, a Riverside House é uma casa centralmente localizada na aldeia de Dornes. A casa com 3 quartos aloja até 6 pessoas, está equipada para estadias independentes, tem uma cozinha totalmente equipada e espaço de churrasco no terraço.

Uma casa de campo com piscina indicada para quem procura mais privacidade, a Casa da Eira está a 3 km de Dornes. Tem dois quartos e dois sofás-cama que permite receber até 6 hóspedes. A Casa da Eira serve um pequeno-almoço soberbo, tem estacionamento privado, churrasco e um belíssimo terraço com vistas fantásticas da montanha e do rio.

Também a cerca de 3 km de Dornes, a residencial Nossa Senhora do Pranto apresenta quartos básicos com casa de banho privativa. Todos os quartos têm aquecimento e pisos em madeira. Este alojamento dispõe ainda dum restaurante onde é servido o pequeno-almoço, incluído na tarifa do quarto, e refeições com pratos regionais.

Já em Ferreira do Zêzere, os preços simpáticos do Alojamento do Zêzere são uma boa opção quem viaja em família, pois tem suites familiares munidas de kitchenette equipada para fazer refeição ligeiras. Para casais ou viajantes solo, há também quartos twin ou duplo – sem kitchenette. Todas as unidades são confortáveis, espaçosas, aclimatizadas, limpas, com casa de banho privativa. Não servem pequeno-almoço, mas há soluções mesmo à porta.

Localizado no centro da vila de Ferreira do Zêzere, a Casa do Adro Hotel é um sóbrio e elegante hotel de 4 estrelas, numa casa do século XVII renovada, com piscina exterior. Todos os quartos (duplos e twins) privados, climatizados e insonorizados, aliam a elegância ao conforto. Muito elogiado pelo pequeno almoço e sossego, este hotel tem ainda um restaurante com menu variado. A disponibilidade e simpatia dos funcionários é 5 estrelas.

Clique para ver mais opções de alojamento em Dornes

Onde comer em Dornes?

Dornes dispõe apenas de 2 casas para saciar a fome, o restaurante Fonte de Cima e o café O Rio. Mas serão as casas que lhe vão dar a conhecer os pratos afamados da povoação, tudo com produtos locais, como sejam o peixe do rio frito, o lagostim ou a carne de porco com ameijoa do rio. O mel é um dos produtos locais mais apreciados e por isso usado nos doces regionais.

Mapa dos Principais Pontos de Interesse de Dornes


Clicar no canto superior direito para aumentar o mapa com os principais pontos de interesse para visitar em Dornes

Outros artigos do Centro de Portugal

Aveiro | Aldeias Históricas de Portugal | Belmonte | Cascata da Cabreia | Cascata da Pedra da Ferida | Castelo de BodeCastro Daire | CoimbraEstações Náuticas Centro de PortugalFigueira da FozPassadiços do Orvalho | Passadiços das Fragas de São SimãoPenamacorNazaré | Monsanto | Óbidos | Oeste de Portugal | Ourém | Penedo Furado | PenichePiodão | Seia | Serras de Aire e CandeeirosSanta Comba DãoSerra do AçorSerra da Estrela | Serra da Lousã | Tomar | Viseu

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre os melhores tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na World Nomads ou na IATI Seguros. São ambas agências 100% especializadas em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado. Se optar pela IATI use o nosso link e terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog "VagaMundos" a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

5 COMENTÁRIOS

  1. Anabela e Alexandre, Parabéns pelas reportagens sobre Portugal. Estamos indo passar um mês e através do site de vocês pudemos descobrir lugares que infelizmente não tínhamos conhecido anteriormente. Abs.Camila

    • Olá Camila.

      Muito obrigado pelo feedback. Portugal tem imensos locais maravilhosos que (ainda) são desconhecidos. Esperamos que tenham uma viagem inesquecível por Portugal. Se precisarem de mais dicas é só falar.
      Abraços nossos

  2. Bom dia, Anabela e Alexandre. Encontrei vos por acaso, mas estou a adorar a vossa iniciativa de partilharem as vossas aventuras de uma forma fantástica, simples e acessível a qualquer pessoa. Tudo muito bem organizado. Adorei! Estou a adorar.
    Dois jovens cheios de iniciativa, criatividade, simplicidade e com uma enorme paixão pelo que fazem. Tudo isto é visível e sentido quando se lê o vosso trabalho.
    Fiquei encantada e com sorriso no rosto ao pesquisar tantos locais, alguns já conheço pessoalmente, de beleza indescritível que só vendo e lá estando se consegue sentir a magia e a essência de cada local.
    Parabéns!

    • Muito obrigado pelas suas palavras Dora! Ficamos de coração cheio.

  3. What a lovely little village Dornes is! I was not able to get into the church as it was closed when I visited. Thanks for your photos. At least now I know what it looks like inside the church.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.