Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Quando visitar Leiria escute as muitas histórias que a cidade tem para lhe contar. No centro litoral de Portugal, esta capital de distrito atrai por tantos motivos: património histórico, natural e arqueológico valiosíssimos, templos religiosos notáveis, praia e rio, matas e pinhal, lagoas e salinas, termas e formações geológicas, gastronomia de elevar o espírito, gente genuinamente hospitaleira e tradições populares ancestrais.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Neste artigo encontra a nossa sugestão de roteiro para visitar Leiria, no qual revelamos o que visitar em Leiria, cidade e concelho, com a ajuda das habituais Dicas VagaMundos do que ver e fazer, quando visitar, melhores trilhos e praias, sugestões de alojamento e restaurantes, e mapa interativo, para não perder pitada do muito que a nossa Princesa do Lis tem para lhe oferecer.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Cascatas do Açude dos Caniços – Roteiro para visitar Leiria

Conteúdo deste Artigo

Onde fica Leiria?

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerLeiria é uma cidade portuguesa, sede do município e distrito homónimos. Em termos municipais confronta com os concelhos leirienses de Marinha Grande, Alcobaça, Porto de Mós, Batalha e Pombal, e Ourém, este já pertencente ao distrito de Santarém. Fica no litoral do Centro de Portugal, entre as duas principais cidades do país, Lisboa (140 km) e Porto (180 km), às quais está ligada por excelentes acessos. O município tem uma faixa de mar a ocidente, na linha da Costa de Prata, onde brilha a Praia do Pedrogão. Leiria situa-se na veiga por onde corre o rio Lis, na antiga província da Beira Litoral.

Quando visitar Leiria?

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Praça Rodrigues Lobo – Roteiro para visitar Leiria

Se falarmos em termos de clima, a melhor época para visitar Leiria é nos meses quentes (maio a outubro) com temperaturas amenas a quentes e dias longos. O inverno traz frio, muita chuva e dias nublados, culpa da proximidade ao mar que afeta o clima com a sua influência atlântica.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Praia da Vieira, uma das melhores praias perto de Leiria

Se a intenção é ir a banhos nas praias da Região de Leiria, obviamente, que a estação aconselhada é o verão, com a época balnear a ir de meados de junho a meados de setembro. Já se a prioridade da sua visita for ver os rios e cascatas de Leiria em todo o seu esplendor a melhor aposta é a primavera.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Cascata de Maceira – Roteiro para visitar Leiria

Se falarmos em termos de agenda cultural, Leiria é um destino de escapadinha de fim de semana bom para o ano inteiro. É uma cidade universitária, criativa e dinâmica por isso, há sempre algo a acontecer. Além disso, há uma vontade de chamar a Leiria grandes eventos nacionais, como o tem provado ao ser a anfitriã da Final Four da Taça da Liga há 3 anos seguidos. Pelo que vimos, está à altura do acontecimento.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Castelo de Leiria

Grandes eventos, festas e feiras a registar na sua agenda para saber quando visitar Leiria são:

  • Feira de Leiria: em maio acontecem as grandes festas da cidade junto com a feira anual tradicional, uma das maiores festas do Centro de Portugal, com direito a tudo!
  • Festival A Porta: em junho, da arte à gastronomia, Leiria dá-se a conhecer de portas abertas
  • Leiria Medieval: em julho a atmosfera medieval invade Leiria
  • ExtraMuralhas: em agosto, o festival gótico EntreMuralhas, residente no castelo, foi rebatizado agora que desce à cidade.
  • Leiria Fun Run: em setembro, uma espécie de Holi festival meets Leiria, “os 5 km mais coloridos da sua vida”
  • Prove Leiria Doçaria: só precisa de saber que é em outubro no Mercado Sant’Ana, o resto já adivinhou: de lamber os beiços!
  • Leiria Natal: dezembro

Onde ficar a dormir em Leiria? Sugestões de alojamento

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerA hospitalidade sempre foi um dos pontos fortes de Leiria e são as suas gentes que lhe dão toda a essência. Para estar à altura dessa virtude, havia que criar unidades hoteleiras e alojamentos com categoria. Objetivo cumprido! A oferta e qualidade de alojamentos para se hospedar em Leiria melhorou, e muito, nas duas últimas décadas.

Abaixo encontra os nossos alojamentos favoritos onde ficar numa escapadinha a Leiria – testados e aprovados por nós – e adicionamos algumas sugestões de hotéis que apresentam a melhor relação qualidade-preço da região.

Lisotel Hotel & Spa

Surpreenda a sua cara-metade. Reserve uma estadia memorável no Lisotel Hotel & Spa, um charmoso hotel ecológico. A decoração temática dos quartos, elegantes e modernos, foi buscar inspiração à história da bela cidade de Leiria e, com certeza, à vizinha aldeia Amor. Tratamentos de excelência no Spa, pôr do sol da infinity pool, jantar no restaurante, e fabuloso pequeno almoço ao acordar. Que tal lhe soa para escapadinha romântica a Leiria?

TRYP by Wyndham Leiria

Se desse para atribuir mais uma estrela ao TRYP Leiria, o mérito seria da equipa fantástica de funcionários. Apenas a um quilómetro do castelo de Leiria, oferece quartos com máximo conforto aliados a comodidades modernas e elegância contemporânea. Limpeza irrepreensível e luz natural fazem os espaços brilhar. Preparado para satisfazer o hóspede em viagem de negócios ou lazer com um centro de fitness, restaurante e bar. O pequeno almoço de excelente qualidade, superando em diversidade hotéis de nível superior.

Hotel D. Dinis

Se procura um hotel mais económico e muito central, o Hotel D. Dinis tem uma excelente relação qualidade/preço dado o conforto e comodidades dos quartos, renovados e modernizados, e um bom pequeno almoço incluído na tarifa. A estas vantagens somam-se ainda a receção 24 horas, depósito de bagagens, acesso Wi-Fi e estacionamento privado gratuito. Se reservar um dos quartos com varanda, ainda beneficia de vistas desafogadas sobre a cidade e o rio Lis.

Monte Real Hotel Termas & Spa

Basta o nome para saber que turismo de saúde e bem estar é o trunfo do Monte Real Hotel Termas & Spa. Só lhe resta saber que fica localizado numa ampla propriedade do Parque Termal Monte Real, combina a elegância de um palácio antigo com a arquitetura e comodidades modernas e nada lhe falta, nem uma floresta com lago. Nos quartos amplos e luminosos, veludos, algodões e pisos forrados a carpete transmitem imediato conforto e suavidade. Confirmados assim que se aninha na cama.

Clique para ver mais opções de alojamento em Leiria

O que ver e fazer em Leiria? Locais a visitar e experiências a não perder

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Era uma vez uma cidade, nascida entre um castelo e um rio. Assim poderiam começar tantas “estórias de encantar” de cidades dispersas pelo mundo. Mas a de Leiria, é-nos particularmente querida pois reza “Enamorada por dois rios, o Lis e o Lena, banhando-se nas areias douradas do Atlântico, povoada de belas matas…”

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerEstão reunidos os ingredientes essenciais para a poção mágica que nos enfeitiça pela nossa Princesa do Lis: castelo principesco, rio valoroso, bosques encantados, ouro sobre azul… Agora, vamos adicionar umas pitadas q.b. doutros lugares de encanto e experiências inesquecíveis num roteiro para visitar Leiria que, esperamos, @ façam também apaixonar-se por ela.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer

Leiria está cada vez melhor. Mais bonita. Mais expressiva. Mais desanuviada. Mais deliciosa. A nossa Princesa do Lis revela-se esbelta como a adivinhámos há décadas. Livrou-se daquela capa pardacenta que a ocultava e constrangia para mostrar a graciosidade que lhe era inerente. Fomos visitar Leiria pela enésima vez e testemunhamos, ao vivo e a cores, como uma cidade pode ir de “gata borralheira” a Cinderela. E a varinha de condão da fada-madrinha é movida pela criatividade, afeição e brio dos leirienses.

Centro Histórico de Leiria

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerQuem acha que o castelo resume tudo o que visitar em Leiria, não sabe o que perde. Até lá, há um admirável centro histórico que reúne um manancial de pontos de interesse, “velhos e novos”, que captam a atenção e merecem um olhar mais demorado.

Brisas do Liz – Roteiro para visitar Leiria

Antes de começarmos o nosso roteiro para visitar Leiria, dê-nos licença para fazermos a nossa primeira paragem “obrigatória”. Quando em Leiria, nada melhor que começar o dia com umas Brisas do Liz, o segredo mais doce de Leiria. Não resistimos!

Para nós, o Rossio, atual Largo 5 de Outubro, é o hall de entrada em Leiria de eleição. Somos logo brindados com um belíssimo cartão-postal panorâmico. Onde fica o Rossio? Siga as indicações do Polícia Sinaleiro na rotunda, não há que enganar. Quando lá, num rodopio 360º tem:

  • o Jardim Luís de Camões, espaço verde com árvores seculares que preserva o charme do século XIX que o viu nascer e acolhe grande maioria dos eventos da cidade, além das estátuas do criador da epopeia Os Lusíadas e do Pastor Peregrino, alusivo ao poeta leiriense Rodrigues Lobo, fontes e repuxos de água, restaurante com esplanada e o posto de turismo de Leiria
  • o rio Lis, acompanhado por um aprazível passeio em calçada portuguesa com as suas pontes pedonais, a serpentear à volta da cidade
  • o gracioso edifício do Banco de Portugal que alberga atualmente a galeria Banco das Artes
  • a Praça Goa Damão e Diu onde mora o letreiro de Leiria que se apresenta sempre de roupagem nova consoante a ocasião
  • a Fonte Luminosa inaugurada a 22 de Maio de 1973, com escultura do Mestre Lagoa Henriques intitulada “O Lis e o Lena”, alusiva à lenda do “casamento” entre o rio Lis e o rio Lena na cidade de Leiria
Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Rio Lis – Roteiro para visitar Leiria

Praça Rodrigues Lobo

E passamos à “salinha de visitas” de Leiria, a histórica Praça Rodrigues Lobo. Para sentir o pulsar da cidade. Nesta pequena praça o convívio entre passado e presente é notável.

É um dos melhores pontos da cidade com vista para o Castelo de Leiria, exibindo-se lá no alto. Cá em baixo, casario elegante ao gosto fin de siécle e gente, a diferentes ritmos, cruzando a praça revestida de calçada portuguesa em geometria modernista.

Aceite o convite das esplanadas para uma pausa, enquanto vai vendo a vida a passar. Já o era assim nos tempos de Eça de Queirós, quando frequentavam a praça o escritor realista e notáveis da cidade.

Agora, convivem todos. Na taberna, na casa de petiscos, no gastropub, na cervejaria, na hamburgaria, no café-bistrô… Debaixo d’olho da estátua do poeta setecentista leiriense que deu nome à praça e retrata o “cantor do Lis” numa expressiva declamação.

Casa do Arco

A Casa do Arco não é nenhum segredo bem guardado de Leiria. Mas pode escapar-lhe no seu roteiro para visitar Leiria, o que seria uma pena porque fica tão bem na fotografia. O vistoso arco decorado com azulejos, colunas e galeria envidraçada foi projetado por Ernesto Korrodi ao estilo Art Nouveau, mas se as pedras desta casa falassem, poderiam contar-lhe histórias de quando judeus percorriam a rua até os banhos hebraicos ou enfermos procuravam assistência no hospital e Casa da Misericórdia.

Igreja da Misericórdia e Casa dos Pintores

A Igreja da Misericórdia (1544) foi construída sobre a antiga sinagoga de Leiria. É hoje um dos polos do Centro de Diálogo Intercultural de Leiria, a par da Casa dos Pintores (pois muitos artistas a retrataram em pinturas), um dos melhores e mais antigos exemplares da arquitetura medieval leiriense. E já que tocamos no assunto, a comunidade judaica de Leiria foi das mais influentes no país, tendo alguns dos seus membros mais notáveis impulsionado a indústria do papel e a tipografia em Portugal.

Rua Barão de Viamonte

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerOs leirienses gracejam com a sua Rua Direita que é torta. E dar com a pitoresca rua seria o cabo dos trabalhos pois foi rebatizada Rua Barão de Viamonte.

Liga o Largo da Sé ao Largo Cândido dos Reis, onde se destacam os edifícios da Biblioteca Municipal de Leiria e a Casa dos Athaydes, um solar do século XVIII (quem se lembra das nights no Terreiro?)

Na encruzilhada de estreitas ruas e ruelas do centro histórico, a rua é um excelente ponto de partida para descobrir a judiaria, lojas de comércio tradicional bem antigas lado a lado com negócios new gen. No cruzamento com a Rua da Tipografia, viveu Eça de Queirós, onde terá escrito muitos capítulos d’O Crime do Padre Amaro. Se vir um gato gigante sobre os telhados de Leiria, não se assuste. É o Gato Preto de Leiria que chama as atenções.

Sé de Leiria

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerA contrastar com o aconchego do centro histórico, cheio de cantinhos e cochichos (que ainda não acabou, avisamos já), abre-se o airoso e desimpedido (exceto de carros estacionados) largo que acolhe a Sé de Leiria (desculpe os àpartes, mas Leiria inspira-nos!).

A rainha das igrejas de Leiria sublima pela sua imponência, tanto de fora como por dentro, sendo verdadeiramente imperdível num roteiro para visitar Leiria. Assim que Leiria subiu a diocese, impunha-se um templo “à altura”. A traça original foi mantida na reconstrução após os elevados danos causados pelo Terramoto de 1755. E ainda bem pois seria um crime (que não do Padre Amaro) perder um dos primeiros templos de traça maneirista em Portugal.

Outra graça leiriense: os sinos estão fora da Sé. E de facto é preciso virar o pescoço, quando batem as horas, para as Portas do Sol que há séculos rasgam as muralhas defensivas do burgo medieval original. Mas já lá vamos. Descubra os arcos, ainda de pé, duma Azenha Medieval no lado exterior sul.

Elevador do Castelo e Torre Sineira

Para desfrutar desta vista sobre a Sé de Leiria basta apanhar o elevador

Finalmente, vamos subir ao Castelo de Leiria. Não torça o nariz que até vamos de elevador panorâmico a mirar a cidade, pelo menos uma boa parte da outrora penosa subida. Dois elevadores (grátis!) e um passadiço depois, dá por si ao lado da Torre Sineira, aquela que fica fora da Sé.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Torre Sineira – Roteiro para visitar Leiria

Igreja de São Pedro

Subindo a calçada de pedra em direção ao castelo (esta é a parte em que ainda se tem que dar à perna) e depois de três edifícios de enormes proporções, um deles o antigo Paço Episcopal de Leiria, rode o calcanhar à direita no Largo de São Pedro. Tem à sua frente a única igreja românica de Leiria, a Igreja de São Pedro que remonta a 1176.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerÉ espantoso como o pórtico esculpido da baixa Idade Média ainda se preserva atendendo que a singela igreja, depois da extinção das ordens religiosas em 1834, já serviu de teatro e de armazém. Outro facto interessante, é que no adro encontra-se a maior necrópole medieval da cidade. É outro dos monumentos que tem mesmo de constar no seu roteiro para visitar Leiria!

M|i|mo

Três edifícios históricos (cavalariças dos Paços Reais, Celeiro da Mitra, e Regimento de Artilharia n.º 4) foram convertidos num verdadeiro e novíssimo m|i|mo da cidade de Leiria para os fans da fotografia e cinema. O Museu da Imagem em Movimento é um espaço de homenagem à Sétima e Oitava Arte, que junta mostras da ciência e da técnica dessas formas de expressão artística dos que têm “bom olho para a fotografia”.

Castelo de Leiria

E eis-nos chegados ao ponto alto deste roteiro para visitar Leiria. Literalmente. O símbolo monumental da cidade, ex-libris do concelho e berço da nossa Princesa do Lis. Entre no Castelo de Leiria atravessando a Porta da Albacara, compre o seu bilhete na Casa do Guarda, e siga a rota de visita aconselhada, que passa pelas Cisternas do Castelo, a Torre Buçaqueira, a Igreja de Nossa Senhora da Pena e Ruínas da Colegiada, a Torre de Menagem, a Porta da Traição e os impressionantes e graciosos Paços Novos. A galeria sobre a cidade é o cenário perfeito para “a” fotografia de Instagram!

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Paços Novos – Roteiro para visitar Leiria

Um caminho simples e acessível a contrastar com a sua tortuosa história que obrigou a inúmeras intervenções estruturais e estéticas, a mais importante a de reconstrução, assinada por Ernesto Korrodi. Após o mais recente restauro, surge de cara lavada e valorizado com núcleos museológicos super interessantes, salas de exposições, discretas reproduções das siglas dos canteiros e letras dos “nomes” da cidade ao longo do tempo, e novas valências como espaço privilegiado de eventos musicais e culturais. Privilegiadas são sobretudo as vistas!

Castelo visitado, vamos regressar à baixa da cidade. Neste momento do nosso roteiro para visitar Leiria, tem duas opções: ou desce pelo caminho que veio, ou pelo Elevador do Castelo II, de cremalheira e panorâmico (grátis) que dá acesso ao estacionamento do Estádio de Leiria.

Percurso das Pontes do Lis – Roteiro para visitar Leiria

É o nosso favorito porque gostamos de regressar ao Rossio via o Passeio Polis à beira-rio fazendo o Percurso das Pontes do Lis, principalmente ao entardecer: com a aproximação da golden hour, a luz dourada do sol faz Leiria brilhar como uma arca do tesouro aberta. Mas a si, aconselhamos regressar pelo mesmo elevador que tomou anteriormente, o caminho mais direto para conhecer outras pérolas da Leiria Antiga.

Mercado de Sant’Ana

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerO Mercado de Sant’Ana cumpriu as suas funções de mercado durante 50 anos, tomando o lugar do desaparecido Convento de Santana, e foi convertido num agradável espaço cultural, de braço dado ao Teatro Miguel Franco e onde convivem um tapas bar, uma gelataria tailandesa, um restaurante especializado em leitão e uma mercearia vintage.

Igreja do Espírito Santo

A vizinha Igreja do Espírito Santo, de fachada barroca, é a única igreja da cidade que encara o Lis de frente. Ali funcionou um hospital até à construção da atual igreja, fundada em 1628 e reconstruída no século XVIII.

Fonte das Três Bicas

Há muitas vidas atrás, a Fonte das Três Bicas, Chafariz Grande ou Fonte das Carrancas, tinha posição privilegiada frente à (desaparecida) Ponte dos Três Arcos. Era fulcral na cidade: fonte de água, de vida, de convívio, de coscuvilhice, de inspiração… Dizia-se até, “se bebes das três bicas, em Leiria ficas”. Agora uma placa diz que a água é imprópria e as três carrancas assistem, impávidas e serenas, à azáfama de quem passa sem lhes ligar nenhuma. Faça-lhe justiça e aprecie, ao menos, a escultural fonte barroca onde Santo António se esconde de todos, menos de um olhar atento.

Igreja e Convento de Santo Agostinho (Museu de Leiria)

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerA caminho do Museu de Leiria, o próximo ponto de paragem deste roteiro para visitar Leiria, não deixe de deitar um olhar atento aos solares da Família Verde de Oliveira e da família Oliveira Dias, ao antigo Liceu Rodrigues Lobo e ao antigo Seminário de Leiria. O premiado Museu de Leiria resulta da vontade de reunir num só lugar as várias coleções arqueológicas e artísticas que andavam dispersas pela cidade. O espaço escolhido foi o complexo religioso da Igreja e Convento de Santo Agostinho que após longo trabalho de recuperação e reconversão, recebeu o papel de guardião da arte e da história milenar e memória do território. Os principais destaques do museu são os fósseis de Guimarota, com 150 milhões de anos, e o Menino do Lapedo (Paleolítico).

Moinho do Papel

Percorrendo o Jardim de Santo Agostinho e nas recatadas margens do Lis, ainda se movem, como outrora, os antigos rodízios e as grandes azenhas da indústria artesanal da moagem. O Moinho do Papel data de 1411 e é de destacar por ter sido um dos primeiros a surgir na Península Ibérica. Com a chegada a tipografia a Leiria, impulsionada pela comunidade judaica, o Moinho de Papel de Leiria ganhou lugar de relevo nacional e uma visita ao interior revela o processo tradicional de produção de papel e da moagem de cereais. Não deixe de o incluir no seu roteiro para visitar Leiria!

Via Polis de Leiria

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerNo regresso ao ponto de partida deste roteiro para visitar Leiria, sugerimos que tome a Via Polis, o percurso pedestre junto ao Lis que brinda o visitante com as quedas de água do Açude dos Caniços no parque homónimo.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Moinho de Papel visto da Via Polis

Além disso, Leiria é uma galeria de arte a céu aberto e certamente já se terá cruzado com alguns murais de maior destaque do evento de arte pública que anualmente adiciona mais intervenções de street art para embelezar (e consciencializar) a cidade de Leiria. Aqui, em escassos metros, encontra obras de Bordallo II, do Projeto Matilha, de BEZT, de Jana & JS entre outros. Esteja atent@ às “Paredes com História”.

Prepare a máquina fotográfica para os jogos de luz e sombra da Ponte Bar e acabe atravessando a envidraçada Ponte de El Rei Dom Dinis, logo após o Parque Professor José Hermano Saraiva. Atente ao Padrão que marca o local onde durante séculos a Ponte dos Três Arcos dava entrada aos visitantes de Leiria, nomeadamente Eça de Queirós. Mais uns passos adiante, está de volta ao Jardim Luís de Camões.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerSe quiser continuar a Via Polis, sob a sombra refrescante dos plátanos e do Marachão do Lis, encontra ainda mais duma dezena de pontes, os Biospots do Lis e muitos parques até ao aprazível Jardim da Almuinha Grande que perfazem o pulmão verde da cidade.

Santuário de Nossa Senhora da Encarnação

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerPara subir ao Santuário de Nossa Senhora da Encarnação, padroeira de Leiria cuja festa é celebrada a 15 de agosto, tem duas hipóteses: subir os 162 degraus do adornado escadório barroco do século XVIII, ou pegar no carro fazendo a estrada até ao topo do Monte São Gabriel (apostamos que esta vai ser a sua escolha).

O templo neoclássico data de 1588 e foi construído no local duma antiga ermida dedicada ao Arcanjo São Miguel. Esta antiga devoção ainda é lembrada pela estátua que encabeça o arco central, enquanto uma imagem votiva da Virgem encima o pórtico. O grande destaque vai para a galilé de arcos em volta perfeita em volta da igreja e, no interior, os azulejos seiscentistas e a talha dourada do altar. Caso encontre o acesso ao interior do templo vedado, o verdejante Monte de São Gabriel brinda-@ com uma vista panorâmica que também é de louvar os céus.

O que visitar no concelho de Leiria? Passeios perto de Leiria

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerAgora que já conhece a nossa Princesa do Lis, está na hora de ir conhecer o seu reino! E não faltam lugares para @ fazer sentir-se protagonista da sua própria história de encantar, fábula, conto, romance pastoril, narrativa queirosiana ou poema lírico. Para tal, os locais e experiências que recomendamos que inclua no roteiro para visitar Leiria são os seguintes:

Cortes e Nascente do rio Lis

A castiça e pitoresca localidade das Cortes é imperdível num roteiro para visitar Leiria. Afinal, o rio Lis tem-lhe feito tanta companhia, como não conhecer o seu berço? Basta fazer um pequeno troço da Rota da Nascente do Lis (PR4 LRA) para chegar às Fontes, nome popular atribuído à nascente do Lis. A beleza natural das várias “fontes” de água a brotar debaixo da terra é surpreendente. O rio Lis está na essência da identidade leiriense, desde que nasce inquieto até que se entrega placidamente ao mar na Praia da Vieira, 40 km depois.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Nascente do rio Lis

Reza a história que as Cortes devem o nome as primeiras Côrtes do reinado de Dom Afonso III, ali realizadas em 1245 e nas quais participaram a nobreza, o clero e também o povo. Se visitar Leiria no primeiro domingo de maio, não deixe de participar nas festas de Nossa Senhora da Gaiola das Cortes.

Cascata de Maceira, a cascata mais bonita de Leiria

Rume à vila histórica de Maceira, terra de lendas e tradições onde se esconde a cascata mais bonita de Leiria. Tão bonita que até Nossa Senhora a escolheu como morada, na condigna Ermida de Nossa Senhora da Barroquinha que o povo lhe fez, segundo conta a lenda. Escondida num barranco, é preciso descer a escadaria ao Parque de Merendas da Barroquinha para contemplar esta romântica queda de água de 16 metros de altura. A cascata, a ermida, a formosa Fonte Fria, as escadinhas de pedra, a frondosa vegetação e a pequena lagoa formam um quadro idílico.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerNão saia de Maceira sem visitar a Igreja de Nossa Senhora da Luz, de cuja origem manuelina restam os pórticos oeste e sul, o púlpito, a capela-mor, uma janela manuelina e a pia batismal, e de contemplar as vistas do alto do Santuário de Santo Amaro.

Se gosta de cascatas não deixe de ler o nosso artigo das mais belas Cascatas de Portugal. É cada uma, mais surpreendente que a outra!

Monte Real

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerSe quiser transformar o seu roteiro para visitar Leiria numa semana de férias de saúde e bem estar, o seu destino é a vila de charme de Monte Real. Além das termas com propriedade medicinais reconhecidas desde os tempos romanos, os outros pontos de interesse da vila antiga são:

  • Ruínas dos Paços Reais, que são associados à Rainha Santa Isabel, bem como a lendária Fonte da Rainha Santa. Pouco impressionante, julgamos, mas vale pelas vistas.
  • Capela de São João Baptista, antiga Igreja Matriz de Monte Real
  • Pelourinho de Monte Real, junto à antiga Casa da Câmara
  • Igreja Matriz de Monte Real
  • Parque Olímpio Duarte Alves
  • Termas de Monte Real junto às quais se ergue a Capela de Santa Rita de Cássia, rodeadas de hectares de mata com percursos pedestres super agradáveis e lago, acessíveis através do charmoso Monte Real Hotel.
Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Termas de Monte Real – Roteiro para visitar Leiria

Santuário do Senhor Jesus dos Milagres

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerLeiria é sobejamente conhecida por deter o maior santuário mariano de Portugal, Fátima. E se lhe disséssemos que não é filho único? Na desconhecida freguesia de Milagres ergue-se o surpreendente Santuário do Senhor Jesus dos Milagres. A igreja foi sendo construída desde 1732, apenas terminada no século XIX, com as esmolas dos devotos e romeiros que chegavam aos milhares ao lugar dos milagres atribuídos a Jesus Cristo. Adro da igreja, exterior e interior do templo sagrado são duma grandeza modesta difícil de explicar. Mesmo que não seja devoto, merece a sua atenção num roteiro para visitar Leiria.

Lagoa da Ervedeira

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerDentre os muitos lugares de Leiria que são sinónimo de sossego, verde, passeio, lazer e natureza, a Lagoa da Ervedeira merece destaque. Sobretudo agora que “renasce das cinzas”, após um devastador incêndio florestal em 2018.

Na freguesia de Coimbrão, entre a mata do Urso e do Pedrogão, a lagoa tem cerca de 2 km de margem, e todos os verões são um convite aberto para mergulhos, passeios de canoa e pesca desportiva, e um passadiço bom para passeio o ano inteiro. Tem bar de apoio e parque de merendas.

Vale do Lapedo

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerSe quiser incluir um daqueles segredos bem guardados no seu roteiro para visitar Leiria, aponte a bússola para o casal da Carrasqueira, na freguesia de Santa Eufémia e Boa Vista. Falamos do Vale do Lapedo, um espantoso canyon que rasga o maciço calcário, repleto de formações rochosas impressionantes e revestido de vegetação quase intocada.

Para abarcar toda a beleza deste tesouro natural, teria de fazer o trilho Rota do Vale do Lapedo (PR1 LRA). Mas se as pernas não estiverem pelos ajustes, rume ao parque de merendas e desfrute das excelentes condições deste espaço de lazer, aninhado no fundo do vale, com cursos de água, parque infantil, bar de apoio (no verão), passadiços e pontes de madeira e muito espaço para estender a manta. Os miúdos vão adorar!

Melhores Praias perto de Leiria

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Barcos de pesca tradicionais na Praia da Vieira

Nem só de rios e matas vive Leiria, mas também de mar. E se quiser adicionar uns banhos salgados ao seu roteiro para visitar Leiria, o pedaço da Costa de Prata que pertence a Leiria tem um dos melhores areais para desfrutar do sol e do mar. Afinal, o Oceano Atlântico está ali tão perto (menos de 30 minutos de carro) que seria um pecado não aproveitar.

Praia do Pedrogão

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerA Praia do Pedrogão é uma estância balnear com tudo o que pode precisar para umas estupendas férias de praia em Leiria, passadas entre diversão na água e aventuras na natureza, desde a ciclovia da Estrada Atlântica à Lagoa da Ervedeira. O extenso areal é como uma fieira de ouro entre o verde do Pinhal de Leiria e o azul profundo do oceano. A qualidade da água é certificada por Bandeira Azul. A da praia por Bandeira de Praia Acessível e “Qualidade de Ouro”. A Praia do Pedrogão é a única praia que o concelho de Leiria pode chamar de sua, por inteiro. E com orgulho!

Praia de São Pedro de Moel

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerAs próximas praias já pertencem ao concelho da Marinha Grande, mas são tão próximas de Leiria que não resistimos a incluí-las nas nossas sugestões para o seu roteiro para visitar Leiria. A grande estrela é a sobejamente conhecida Praia de São Pedro de Moel. Quando o mar está agitado (que aqui, é o prato do dia) os veraneantes viram-se para os restaurantes, bares, campos de jogos e atividades “em terra”, que sempre preenchem bem os dias.

Praia da Vieira

Outrora vila piscatória, Vieira de Leiria é hoje um núcleo turístico e piscatório onde ainda é possível admirar a prática tradicional da Arte-Xávega. A Praia da Vieira é uma praia panorâmica, de extenso areal cortado pela foz do Lis e rodeado de dunas, a sul da Praia do Pedrogão. Aqui a diversão é garantida quer de dia no parque aquático, quer de noite nos muitos bares da povoação onde ainda pontilham as tradicionais casas de ripado de madeira pintado em listas de cores vivas.

Praia Osso da Baleia

A Praia do Osso da Baleia na freguesia de Carriço, pertencente ao concelho de Pombal, fica em plena Mata Nacional do Urso enquadrada por pinhal e dunas. No início do século XX deu à costa um esqueleto de baleia, acontecimento que estará na origem do nome da praia. Além de Bandeira Azul, a praia recebeu também o galardão Praia Acessível, oferecendo condições e infraestruturas para pessoas com mobilidade condicionada.

Quer conhecer mais praias maravilhosas do distrito de Leiria? Então não deixe de ler o nosso artigo das Melhores Praias do Oeste. Temos a certeza que vai encontrar uma que tem mesmo a sua cara!

Melhores Trilhos de Leiria

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Rota do Vale do Lapedo

Se gosta de caminhar, terá muito com que se entreter ao visitar Leiria. Como adeptos de trilhos e percursos pedestres que somos, já por lá somamos várias dezenas de quilómetros às pernas.

Leiria, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Rota da Nascente do Lis

Abaixo encontra os trilhos e percursos pedestres de Leiria que nos encheram as medidas:

Rota do Vale do Lapedo (PR1 LRA): percurso circular de 4,5 km com início e fim no parque de merendas, que se desenvolve pelo espantoso canyon do Vale do Lapedo, por encostas calcárias, cursos de água e mata mediterrânica, com oportunidade de visita ao Abrigo do Lagar Velho, onde foi descoberto em 1998 o “Menino do Lapedo”, uma criança ali sepultada há cerca de 29 mil anos.

Rota dos Moinhos do Rei (PR3 LRA): este percurso pedestre circular de 8,5 km arranca do centro de Amor e conduz aos moinhos da Ribeira de Amor numa mistura de caminhos rurais, estradões florestais e meio urbanizado, passando pelo Pinhal do Rei, o Marco do Pinhal de Leiria e o Poço dos Tremoços.

Rota da Nascente do Lis (PR4 LRA): trilho pedestre circular de 9 km, com início e fim na igreja de Fontes, onde brilha a Nascente do Lis, logo após à qual se adentra pelo vale entre a serra da Maunça e serra da Senhora do Monte, por trilhos e caminhos de terra batida que alternam entre zonas de mato e de floresta, subindo ao Alto da Maunça para vistas deslumbrantes do território de Leiria até ao Atlântico.

Clique para ler o nosso artigo dos melhores trilhos de Portugal

O que visitar perto de Leiria (para umas férias perfeitas)?

Parque Natural da Serra de Aires e Candeeiros

O Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros é um dos nossos destinos de natureza favoritos no Centro de Portugal. Naquela que é a maior região cársica de Portugal, o Maciço Calcário Estremenho, há fenómenos naturais como grutas, algares, campos de lapiás, vales secos, dolinas, e poljes, a maioria concentrada no Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros. Além disso, há moinhos encavalitados nos serrados, milenares pegadas de dinossauros, surpreendentes lagos e nascentes, imponentes anfiteatros naturais, soberbos trilhos pedestres e um interessante património histórico à espera de ser (re)descoberto por si num roteiro para visitar Leiria.

Quer saber onde encontrar estas maravilhas da natureza? Leia o nosso guia e roteiro detalhado do Parque Natural das Serras D’Aire e Candeeiros.

Mosteiro da Batalha

Classificado Património UNESCO e uma das 7 Maravilhas de Portugal, o Mosteiro da Batalha é imperdível num roteiro para visitar Leiria. Dentre os monumentos do gótico português, raros são os que conseguem rivalizar em ornamentação, exuberância e estética com o Mosteiro da Batalha. A construção iniciou-se em 1386, a mando do rei D. João I, pela graça da vitória das tropas portuguesas contra Castela na Batalha de Aljubarrota. Além do mosteiro, a vila da Batalha é encantadora de descobrir, e no território há uma aldeia “onde até os cegos vêem”, outra que serve uma mesa digna de reis, outra que é a meca da escalada, outra ainda com porta aberta para as entranhas da terra.

Quer saber mais sobre a Batalha? Então, não deixe de ler o nosso roteiro completo para visitar a Batalha, além do Mosteiro.

Mosteiro Alcobaça

Alcobaça é o lar do “irmão mais velho” do Mosteiro da Batalha: o Real Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, classificado como Património da Humanidade pela UNESCO e eleito uma das 7 Maravilhas de Portugal. Para além desta joia do gótico, Alcobaça é uma ode ao amor e tem bem mais pontos de interesse a conhecer, por isso não hesitamos em afirmar que merece lugar no seu roteiro para visitar Leiria.

Quer mais dicas sobre Alcobaça (cidade e concelho)? Então, não deixe de ler o nosso guia completo para visitar Alcobaça.

Visitar a Vila Medieval de Ourém e Fátima, o altar de Portugal

Leiria é indissociável do mundialmente famoso Santuário de Fátima. Afinal a própria diocese é agora designada de Leiria-Fátima. Em Fátima ninguém fica indiferente à enorme fé dos crentes. Independentemente da profissão de fé ou credo dos visitantes, este espaço acolhe sem distinção e subjuga pela espiritualidade que lhe é inerente. Um roteiro para visitar Leiria fica bem mais completo com uma visita à Vila Medieval de Ourém, coroada por um castelo de torreões ao estilo veneziano, e Fátima, um dos santuários marianos mais visitados do mundo. Em Ourém o tempo volta atrás ao deambular pelas labirínticas ruas do burgo nobre muralhado, como um “museu a céu aberto”.

Quer mais dicas sobre a vila e o santuário? Então, não deixe de ler o nosso roteiro para visitar Ourém e Fátima.

Nazaré, a terra das ondas gigantes

Quando bastam 30 minutos de estrada, um “pulinho” à Nazaré é uma ótima adição ao seu roteiro para visitar Leiria. Conhecida como um excelente destino de verão de Portugal pelas magníficas praias, a Nazaré oferece muito mais. Na meca dos surfistas que defrontam as Ondas Gigantes da Nazaré, há mulheres de sete saias, barcos coloridos, peixe seco, extensos areais e um Sítio de lendas.

Quer mais dicas sobre a cidade e as suas maravilhosas praias? Então, não deixe de ler o nosso roteiro para visitar a Nazaré.

Porto de Mós

A principal atração turística de Porto de Mós é o seu singular castelo erguido sobre os escombros de um posto de vigia romano. Em Portugal só existem 5 castelos com traça palaciana e Porto de Mós é guardião de um deles. Para além da visita ao castelo, recomendamos ainda um passeio pelo castiço centro histórico da vila de onde se destacam a Igreja de São João e São Pedro e a Ermida de Santo António, com uma das melhores vistas para o Castelo de Porto de Mós. E se gosta de caminhadas não deixe de ir percorrer a Ecopista de Porto de Mós (clique para saber mais).

Onde comer ao visitar Leiria? Melhores Restaurantes

Restaurante Luna
Rua Glória Barata Rodrigues urb. Quinta de Santo António, Leiria

Cervejaria João Gordo
Rua D. Carlos I 29, Leiria

Casinha Velha
Rua Professores Portelas 23, Leiria

Casa da Nora
Largo José Marques da Cruz 8, Cortes

Mata Bicho – Real Taverna
Praça Rodrigues Lobo 3, Leiria

Mapa com a localização dos principais pontos de interesse a visitar em Leiria


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa do roteiro para visitar Leiria.

Outros Artigos do Centro de Portugal

Abrantes | Águeda | AlcobaçaAveiro | Aldeias Históricas de Portugal | ArganilBatalha | Belmonte | Beira BaixaCascata da Cabreia | Castelo de BodeCastelo Branco | Castelo Rodrigo | Castro Daire | Celorico e Linhares da BeiraCoimbra | Covilhã | DornesEstações Náuticas Centro de PortugalFigueira da FozFoz do CobrãoFragas de São Simão | Garganta do Ocreza | Góis | GouveiaGuardaLoriga | Manteigas | Mata do Bussaco | Médio Tejo | Monsanto | Montemor-o-Velho | NazaréÓbidos | Ourém | Região do Oeste | Passadiços do Mondego | Passadiços do Orvalho | Penacova | Penamacor | Penedo Furado | PenichePiódão | Poço Negro | Praias Fluviais Centro de PortugalSanta Comba Dão | SantarémSeiaSerra do Açor | Serras de Aire e Candeeiros | Serra da Estrela | Serra da Lousã | Sortelha | Tomar | TrancosoVila de Rei | Viseu

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.