Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer e dicas de alojamento

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer e dicas de alojamento

Vá visitar Mirandela e deixe-se encantar por um mundo vivo e surpreendente da região de Trás os Montes. Diz o povo “quem Mirandela mirou, nela ficou”. O cartão-postal mais emblemático da intitulada Cidade Jardim é o serpenteante Rio Tua que a cruza, um espelho de água que ao refletir a icónica Ponte Velha, centro histórico e exuberantes jardins à beira-rio plantados, potencia ainda mais os encantos desta Terra Quente Transmontana.

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Ponte Velha sobre o rio Tua – Roteiro para visitar Mirandela

Neste artigo encontra o que ver e fazer quando visitar Mirandela, trilhos e percursos pedestres, praias fluviais, os melhores hotéis onde ficar, restaurantes onde comer e um mapa interativo para aproveitar ao máximo as suas férias ou escapadinha a Mirandela.

Na preparação da sua viagem a Mirandela, não deixe de ler também os seguintes artigos:

Onde fica Mirandela?

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Parque do Império – Roteiro para visitar Mirandela

Mirandela fica no distrito de Bragança, no Norte de Portugal, mais especificamente na sub-região Terras de Trás-os-Montes. Esta cidade do Nordeste Transmontano fica localizada nas margens do Rio Tua, que nasce da junção do Rio Tuela e Rio Rabaçal a 4 km a norte da cidade, e é uma das principais portas de entrada do Parque Natural do Vale do Tua.

Sede de município, a cidade de Mirandela dista 60 km de Bragança, 60 km de Vila Real, 145 km do Porto e 425 km de Lisboa.

Tem como vizinhos os concelhos de Vinhais, Macedo de Cavaleiros, Alfândega da Fé, Vila Flor, Carrazeda de Ansiães, Murça e Valpaços.

Quando visitar Mirandela?

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Paço dos Távoras – Roteiro para visitar Mirandela

A melhor altura do ano para visitar Mirandela depende do clima caracterizado por verões quentes e invernos frios, mas, acima de tudo, dos seus interesses. Como a cidade se encontra a baixa altitude, nos solos férteis xistosos do Vale do Rio Tua, em Mirandela verifica-se um microclima caracterizado por verões abafados e quentes, que lhe dão a alcunha de Terra Quente Transmontana.

Amendoeiras em Flor

Uma coisa lhe garantimos, todas as estações do ano justificam visitar Mirandela. Os verões secos e quentes são a altura ideal para desfrutar das suas praias fluviais. Para explorar os trilhos e percursos pedestres, nada como a primavera, com as amendoeiras em flor, e o outono, principalmente na época das vindimas (setembro e outubro) já que o território se cruza com a maravilhosa região do Douro Vinhateiro. O inverno, ainda que bem frio, é bom para um roteiro gastronómico e, com sorte, pode apanhar neve. Os bons garfos não podem falhar a Feira da Alheira em março.

Nos fins de semana dos meses de junho, julho e agosto há festa popular e romaria um pouco por todo o concelho. As festividades de maior relevo da cidade de Mirandela são as seguintes:

  • Festival Gastronómico do Rancho de Mirandela: fevereiro
  • Feira da Alheira de Mirandela: março
  • Festas de Nossa Senhora do Amparo: fim de julho e início de agosto, maiores festas da cidade com auge na Noite dos Bombos
  • Festa dos Caretos: 25 e 26 dezembro (em Torre Dona Chama)
  • Feriado Municipal: 25 de maio

Onde ficar a dormir em Mirandela? Sugestões de alojamento

Escolher bem onde ficar em Mirandela é meio caminho andado para uma melhor experiência. A oferta de alojamento em Mirandela é algo escassa. Há alguns hotéis em Mirandela mas a relação qualidade-preço não é das melhores. Contudo, nos últimos anos, surgiram alguns alojamentos locais que trouxeram uma lufada de ar fresco às opções de hospedagem em Mirandela e elevaram a fasquia da qualidade. Portanto, o primeiro conselho que lhe damos é reservar quarto num alojamento de Mirandela assim que encontrar o que mais lhe agrada (se reservar através do booking.com e mudar de ideias, pode cancelar sem custos a maioria das reservas de hotéis).

Abaixo encontra os nossos alojamentos favoritos onde ficar numa escapadinha a Mirandela – testados e aprovados por nós – que apresentam a melhor relação qualidade-preço da região.

Taska Vila Velha

Localizado no coração da zona antiga, perto dos principais pontos de interesse de Mirandela, a Taska Vila Velha oferece quartos confortáveis e modernos com aquele ar de novo que seduzem ainda mais pela excelente relação qualidade-preço, limpeza e acolhimento.

Ribeira House

Com piscina e jardim deliciosos, a Ribeira House é um refúgio no centro da vila. Alguns dos pontos fortes deste bed & breakfast são a localização central, o conforto e bem estar (há até um jacuzzi), decoração e limpeza, um soberbo pequeno almoço buffet e o estacionamento privado gratuito.

Dona Fina Guest House

A escassos 5 minutos do centro histórico de Mirandela, Dona Fina Guest House alia conforto a um ambiente acolhedor familiar, decoração eclética de peças vintage, clássicas e rústicas, e simpatia desarmante. Quartos privados confortáveis e impecavelmente limpos. Até na cozinha partilhada apetece estar.

O Casario

O Casario é um oásis de paz rural singular, em Eixes, a 10 minutos de carro de Mirandela. Um bed & breakfast soberbo (tanto ou mais que o pequeno almoço com produtos regionais e caseiros) alia tradicional e contemporâneo na perfeição. Com piscina, jardim e vistas estupendas, os quartos (alguns com varanda e/ou kitchenette) beneficiam dum conforto moderno acima da média.

Clique para ver mais opções de alojamento em Mirandela

O que ver e fazer em Mirandela: locais a visitar e experiências a não perder

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Ponte Medieval sobre o rio Tua – Roteiro para visitar Mirandela

A histórica cidade de Mirandela é uma das cidades mais emblemáticas das Terras Quentes transmontanas. O centro histórico de Mirandela é de visita obrigatória, mas, tendo mais tempo, alargue a visita ao concelho.

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Praia Fluvial de Mirandela

A nossa sugestão é desenhar um roteiro para visitar Mirandela incluindo o Parque Natural do Vale do Tua, as prazenteiras praias fluviais, os trilhos e percursos pedestres com paisagens de suster a respiração, monumentos megalíticos e castros, palácios e igrejas, e, é claro, degustar a gastronomia de babar. A fama das suas Alheiras corre Portugal e o Mundo, sendo inclusivamente uma das 7 Maravilhas da Gastronomia portuguesa.

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Alheira de Mirandela, uma das 7 Maravilhas da Gastronomia portuguesa

Para além de degustar a incontornável Alheira de Mirandela, os locais a visitar e as experiências a não perder em Mirandela são os seguintes:

  • Atravessar a icónica ponte pedonal sobre o rio Tua, conhecida pelo nome de Ponte Velha enquanto observa o geiser artificial no meio do rio (que faz lembrar o famoso Jet d’Eau de Genebra).
  • Percorrer as margens do rio Tua até ao bem cuidado Parque do Império. Se quiser prolongar o seu passeio pelas margens do rio (e o mais certo é querer), vá até ao Parque da Ribeira de Carvalhais e ao Parque Dr. José Gama, onde fica a Praia Fluvial de Mirandela. No verão até pode aproveitar para dar um refrescante mergulho.
  • Embrenhar-se no centro histórico de Mirandela até à Praça do Município ao encontro do Paço dos Távoras (que presentemente alberga a Câmara Municipal), do florido e exuberante jardim,  e da Igreja de Nossa Senhora da Encarnação, igreja matriz de linhas contemporâneas mas com raízes no século XIII.
  • Deambular pelo burgo medieval, de ruas estreitas e empinadas cingidas pelas desaparecidas muralhas do castelo, particularmente pelos bairros de São Miguel e de Santa Luzia.
  • Rumar à Praça 5 de Outubro onde se encontra a monumental Igreja da Misericórdia, o Museu de Arte Sacra da Misericórdia de Mirandela e o Solar dos Condes de Vinhais.
  • Atravessar a Porta de Santo António ou Arco de Mirandela (o único resquício da muralha do Castelo de Mirandela).
  • Visitar o Museu Armindo Teixeira Lopes com obras de arte contemporânea do artista mirandelense, passando antes pela Capela de São Miguel (atente ao mural de street art na junta de freguesia).
  • Visitar o Santuário de Nossa Senhora do Amparo, contar os arcos da Ponte Velha e mirar Mirandela (já sabe, arrisca-se a “ficar nela”).
  • Passear até à histórica Estação Ferroviária de Mirandela da Linha do Tua.
  • Visitar o Museu da Oliveira e do Azeite, localizado na antiga fábrica da Moagem Mirandelense.
Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Ponte Velha de Mirandela
Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
“Jet d’Eau” de Mirandela

Praias Fluviais de Mirandela

Praia Fluvial do Parque Doutor José Gama

Com três rios a cruzar o território – Tuela, Rabaçal e Tua – visitar Mirandela é também sinónimo de mergulhar em algumas das melhores praias fluviais do Norte de Portugal.

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazerEntre a miríade de fantásticas praias fluviais de Mirandela, ideais para contrariar os dias quentes de verão e fazer belos passeios paisagísticos no resto do ano, as nossas favoritas são a Praia Fluvial do Parque Doutor José Gama, mesmo às portas da cidade, e a Praia Fluvial da Maravilha, que tem inclusivamente ao lado uma piscina maravilhosa.

Praia Fluvial da Maravilha

Agora passamos-lhe o testemunho para eleger a sua. Está a segundos de saber quais são as praias fluviais que não vai querer perder quando visitar Mirandela:

  • Praia Fluvial do Parque Doutor José Gama – Mirandela (rio Tua)
  • Praia Fluvial de Frechas (rio Tua)
  • Praia Fluvial de Mosteiro (rio Tuela)
  • Praia Fluvial de Quintas (rio Tuela)
  • Praia Fluvial de Vale de Juncal (rio Tuela)
  • Praia Fluvial de Miradeses (rio Rabaçal)
  • Praia Fluvial da Maravilha (na junção dos 3 rios do concelho – Tuela, Rabaçal e Tua)

Clique para conhecer as Melhores Praias Fluviais de Portugal

Trilhos e Percursos Pedestres de Mirandela

Muitos dos trilhos de Mirandela acompanham a antiga Linha do Tua

Quem gosta de um bom trilho, não fica nada desapontado ao visitar Mirandela, pois existe uma boa mão cheia de bons percursos pedestres devidamente marcados e com vários níveis de dificuldade. Cada passo revela verdadeiras obras-primas da natureza “fabricadas” pelos rios que laboriosamente escavaram as serras da região.

Estação de Abreiro – Trilho de Santa Catarina

Os nossos favoritos em Mirandela são o Trilho do Tua (PR1), o Trilho Entre os Rios (PR3), o Trilho Vale do Tua (PR4) e o Trilho de Santa Catarina (PR5). Precisa de percorrer estes trilhos pedestres de Mirandela para perceber porque são os nossos eleitos. Abaixo listamos os seis percursos pedestres homologados de Mirandela:

  • PR1 MDL – Trilho do Tua | 13 km linear
  • PR2 MDL – Trilho de Vale de Lobo | 8,5 km linear
  • PR3 MDL – Trilho Entre os Rios | 7 km circular
  • PR4 MDL – Trilho do Vale do Tua | 11,5 km circular
  • PR5 MDL – Trilho de Santa Catarina | 7,5 km circular
  • PR6 MDL – Trilho da Serra do Cubo | 11 km circular
Dica VagaMundos: se é fã de caminhadas na natureza, sugerimos que espreite o nosso artigo dos Melhores Trilhos e Percursos Pedestres de Portugal (clique para ler). Vai com certeza encontrar um que tem mesmo a sua cara!

O que visitar perto de Mirandela

Visitar Mirandela, é excelente desculpa para uma escapadinha ao coração de Trás os Montes. Nas redondezas da cidade da alheira encontra desculpas mais que suficientes para uma fantástica e preenchida semana de férias.

Torre de Dona Chama

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Berrão e Pelourinho de Torre de Dona Chama

Para um passeio cultural, vale a pena visitar Torre de Dona Chama (a 23 km). A vila mirandelense de Torre de Dona Chama, a norte do município, tem os seus maiores pontos de interesse turístico no Pelourinho do século XIII sendo um dos mais antigos de Portugal, num curioso berrão da Idade do Ferro, e na Igreja Matriz um dos melhores exemplares de arquitetura barroca religiosa, dedicada a Nossa Senhora da Encarnação.

Mirandela, o que visitar | Roteiro com o que ver e fazer
Ponte de Pedra sobre o Rio Tuela

Suba ao Castro de São Brás, um povoado fortificado com vestígios de ocupação da idade do Bronze à Idade Média, para vistas panorâmicas. E não deixe de cruzar a Ponte de Pedra sobre o Rio Tuela (conhecida também por Ponte Românica sobre o rio Tuela ou Ponte de Torre de Dona Chama), classificada Monumento Nacional.

Parque Natural do Vale do Tua

Miradouro Olhos do Tua, um dos nossos favoritos do Parque Natural do Vale do Tua

Aproveite o seu roteiro para visitar Mirandela para partir à descoberta dos muitos encantos do Parque Natural do Vale do Tua, uma das maiores pérolas do Norte de Portugal. É certo que não granjeia da fama do vizinho Parque Natural do Douro Vinhateiro, mas no que a beleza diz respeito não lhe fica nada atrás. Integrando território dos concelhos de Alijó, Vila Flor e Carrazeda de Ansiães, atrevemo-nos a dizer que é um dos segredos mais bem guardados de Trás os Montes.

Durante anos, a estrela da região foi a Linha do Tua, uma das ligações ferroviárias mais cénicas de Portugal, que ligava Foz Tua a Bragança, acompanhando o sinuoso vale do rio Tua desde a sua foz até Mirandela. Com a construção da Barragem do Tua, que levou à submersão da linha, a região soube reinventar-se e aproveitar da melhor maneira as enormes alterações paisagísticas criadas pela albufeira da Barragem do Tua.

Foram criados soberbos miradouros dos quais pode desfrutar das esmagadoras paisagens do Vale do Tua. Adicionalmente, foram marcados vários trilhos pedestres para um contacto mais próximo com as (muitas) maravilhas naturais da região. Posto isto, ousamos mudar o icónico slogan “A Linha do Tua também é tua” (utilizado na campanha contra a construção da Barragem do Tua), para “A Paisagem do Tua também é Tua”! Clique e espreite o nosso guia e roteiro para visitar o Parque Natural do Vale do Tua para dicas e inspiração.

Geopark Terras de Cavaleiros

Albufeira do Azibo

Descubra um território único no mundo ao visitar Macedo de Cavaleiros e o Geopark Terras de Cavaleiros, em Terras de Trás-os-Montes, no remoto Norte de Portugal. Macedo de Cavaleiros e o Geopark Terras de Cavaleiros é um dos melhores destinos de férias em Portugal. Os encantos da Albufeira do Azibo e a diversão relaxante das praias fluviais galardoadas, são a grande bandeira. Mas há tanto mais!

Percorra milhões de anos de história da Terra explorando os geossítios do Geopark Terras de Cavaleiros. Junte-se à folia, indomável e contagiante, dos Caretos de Podence no Entrudo Chocalheiro. Delicie-se com iguarias gastronómicas e vínicas de sabor autêntico e servidas à mesa farta. Passeie sem olhar para o relógio. Aprecie panorâmicas de tirar o fôlego. Respire o ar puro. Clique para saber mais lendo o nosso roteiro completo para visitar Macedo de Cavaleiros.

Murça

A famosa Porca de Murça

Murça é sobejamente conhecida pelo seu vinho, azeite, excelentes curvas para corridas de automobilismo, e a sua Porca, o berrão que se encontra na praça central da vila. Destaque ainda para o belo Edifício dos Paços do Concelho que ocupa um antigo solar, para a Igreja Matriz, para a Capela da Misericórdia, para o Pelourinho e para as Caves de Murça, o melhor local para descobrir os notáveis vinhos de Murça.

Não deixe também de visitar a Via Romana, antiga estrada romana que ligava Braga a Astorga, e a Ponte sobre o rio Tinhela. Coloque um ponto final no seu roteiro para visitar Mirandela com um passeio de carro pelas sinuosas Curvas de Murça. Mas sem quebrar os limites de velocidade, claro está!

Dica VagaMundos: pela sua proximidade, Mirandela pode ser uma excelente base para explorar destinos de natureza maravilhosos. Clique nos links abaixo para dicas e inspiração de cada um destes destinos:

Onde comer em Mirandela? Melhores Restaurantes

A bela da Posta Mirandesa da Adega

Escusado será dizer que sair de Mirandela sem degustar a famosa Alheira de Mirandela é pecado mortal. Estamos longe de as ter provado todas, mas é esforço a que nos entregamos sempre com muito prazer. A riqueza gastronómica passa ainda pelo Queijo Terrincho, o Rancho, o Butelo, o Cabrito, Mel e Azeite transmontanos e, claro, o vinho da região.

Alheira do restaurante o Grês

Abaixo encontra os nossos restaurantes favoritos para degustar algumas das melhores iguarias da região de Mirandela. Se regressar a casa com uns quilinhos a mais a culpa não é nossa… é da balança.

A Adega: Depois da Alheira, os lombelos de porco à antiga e a posta à Adega encheram-nos as medidas. Temos que regressar para as costelinhas de javali que nos fizeram salivar. (Av. 25 de Abril, 866)

O Grês: aqui estreamo-nos na Alheira à verdadeira moda transmontana: provada e aprovada. Porco Bísaro e Posta Mirandesa presidem o menu que varia de acordo com a época. (Av. Nossa Senhora Amparo)

Mapa com a localização dos principais pontos de interesse a visitar em Mirandela


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa com a localização dos pontos de interesse a visitar em Mirandela

Outros artigos de Trás-os-Montes e Alto Douro

Aldeias de Bragança | Alijó | BragançaChavesDouro Vinhateiro | Foz Côa | Freixo de Espada à Cinta | Lagos do SaborLamego | Macedo de Cavaleiros | Miranda do DouroMiradouros de Torre de MoncorvoMogadouro Montalegre | Nordeste Transmontano | Parque Natural do Douro InternacionalParque Natural de MontesinhoPeso da Régua | Pinhão | São João da Pesqueira | Serra do Alvão | Tabuaço | TaroucaTorre de Moncorvo | Turismo Rural Nordeste TransmontanoVale do Tua | Vila Real | Vilarinho de Negrões 

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.