Visitar Nápoles: Roteiro de 1, 2 e 3 dias com o que ver e fazer

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio

Acabaram-se as desculpas para não visitar Nápoles. Neste artigo descubra o melhor do que ver e fazer num roteiro para visitar Nápoles em 1, 2 e 3 dias, incluindo dicas do que visitar perto da capital da Campânia, como Pompeia, o vulcão Vesúvio, Capri e Costa Amalfitana.  

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio

Um napolitano começaria este artigo com um eloquente “deixe-se de m€&#@$ e vá visitar Nápoles”. Sem papas na língua. Com muito pulmão e o sangue a ferver.

Por mais cidades italianas visitadas, nada nos preparou para Nápoles. Ao fim do primeiro dia, já era uma das cidades que mais gostamos de visitar. Nápoles é tão colorida quanto cinzenta, tão monumental quanto decadente, tão aprumada quanto caótica. Tem uma agitação exuberante. Tem temperamento italiano à flor da pele. Tem personalidade envolvente. Tem séculos de arte e arquitetura. Tem a melhor pizza do mundo!

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Castel del’Ovo – um dos monumentos mais icónicos de Nápoles

Das cidades mais autênticas da Itália, Nápoles mostra-se nua e crua diante dos olhos. Não doura a pílula nem manipula aparências. Ao expor-se sem vergonha nem pudor, acabou por nos conquistar, incondicionalmente. E fará o mesmo consigo. Porque esperamos levá-l@ a sentir, mais do que visitar Nápoles.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioAs ruas são o melhor despertar dos sentidos. Cores, odores e sabores surgem numa amálgama imediata e inescapável. Edifícios arruinados e sujos, de paredes grafitadas, convivem com alguns dos mais belos monumentos da Itália. Além disso, Nápoles é perfeita como base para excursões a locais incríveis como o monte Vesúvio, a cidade arqueológica de Pompeia, a ilha de Capri, ou a Costa Amalfitana.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
A beleza desarmante da Costa Amalfitana

Traduzindo por miúdos: não falta o que ver e fazer em Nápoles. Independentemente da sua disponibilidade de tempo, neste guia tem as nossas sugestões de atrações, lugares e atividades imperdíveis para um roteiro de 1, 2 ou 3 dias em Nápoles com o que ver e fazer na capital da Campânia e arredores.

Como chegar a Nápoles?

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioPor ser uma cidade costeira, há mais formas de chegar a Nápoles do que os usuais comboio, bus e carro. Há possibilidade de escolher chegar a Nápoles de barco ou a bordo dum cruzeiro. De Portugal, é claro que a forma mais rápida e prática (e mais económica) é…

De avião: TAP e Ryanair têm voos diretos para Nápoles a partir de Lisboa. Partidas do Porto implicam sempre voos com escala. Na Ryanair, reservando o voo com antecedência (o nosso conselho é começar a pesquisar voos para Nápoles com 3 meses de antecedência) pode arranjar voos baratos de Lisboa para Nápoles a rondar 40 € ida e volta. Os voos têm uma duração aproximada de 3 horas. Nápoles e a região da Campânia, no sul da Itália, são servidas pelo Aeroporto Ugo Niutta Capodichino – Nápoles (NAP).

Nápoles tem boas conexões de autocarro e comboio às principais cidades italianas.

Como ir do aeroporto ao centro da cidade de Nápoles?

Distância do Aeroporto Capodichino ao centro de Nápoles: 7 km

Bus: os autocarros/ônibus da Alibus fazem a conexão rápida entre o aeroporto de Capodichino e o centro da cidade. Tem ligações diretas todos os dias, entre as 5:45 e as 23:45 horas, com um frequência de 15 a 25 minutos, dependendo da altura do dia. Com uma paragem no centro (Piazza Garibaldi, estação central) e duas no porto (Immacolatella/Porta di Massa e Molo Angioino/Beverello (Stazione Marittima).

Taxi: do Aeroporto Capodichino à estação central de Nápoles (Stazione Centrale), ou vice-versa, o trajeto de taxi tem uma tarifa fixa de 18 €, e de 21 € para a zona do porto. Não se deve aplicar nenhum suplemento. Existem também tarifas fixas para outros pontos do centro da cidade que vão até 27 €, mas para destinos sem tarifa fixa, terá que confiar no taxímetro. E no taxista.

Onde fica?

A cidade italiana de Nápoles (e respetiva zona metropolitana) localiza-se no golfo de Nápoles, no Mar Tirreno. É uma cidade portuária importante e o principal centro industrial e comercial do sul da Itália. O seu centro histórico foi declarado Património Mundial pela UNESCO. É, também, um polo de atração turística devido aos locais de interesse em redor: o vulcão (ativo) do monte Vesúvio, as ruínas de Pompeia e de Herculano e as ilhas de Capri e de Ísquia. Nápoles dista: 226 km de Roma; 472km de Florença; 725km de Veneza; 772km de Milão.

Quando visitar Nápoles?

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Se visitar Nápoles no verão não deixe de incluir a Ilha de Capri no seu roteiro

Nápoles é conhecida ser a cidade onde o sol brilha 300 dias por ano. A melhor altura do ano para visitar Nápoles é entre os meses de abril a outubro, com temperaturas amenas a quentes e dias longos. Nápoles tem um clima tipicamente mediterrânico: invernos moderados e chuvosos e verões quentes e secos. Porém, a brisa marítima que raramente abandona o golfo, sempre vai refrescando um pouco os dias (bem) quentes de julho e agosto. No entanto, é também a época alta com preços mais elevados.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioNovembro e dezembro são chuvosos, mas por causa dos mercados de Natal, é interessante visitar Nápoles nessa altura do ano. A primavera e o outono também são estações perfeitas, especialmente a primeira, se quiser conhecer de perto a vibrante cultura popular napolitana da sua pródiga Páscoa.

Onde ficar em Nápoles? Sugestões de Alojamento

Para quem visita a primeira vez, aconselhamos reservar hotel ou alojamento no Centro Storico de Nápoles.

Há duas áreas convenientemente localizadas para facilitar o acesso às principais atrações turísticas de Nápoles. São dois bairros napolitanos que não distam muito um do outro. A sua escolha do melhor sítio onde ficar em Nápoles pode depender de se gosta mais dum bairro típico e colorido napolitano pulsando de vida (Spaccanapoli) ou duma área mais tranquila, elegante e cénica perto da Piazza del Plebiscito (Lungomare e Chiaia).

Na zona da Stazione Centrale (estação ferroviária central) há opções mais económicas e uma grande concentração dos melhores alojamentos e hotéis de charme com uma relação qualidade-preço imbatível.

Os preços escalam nas épocas altas ou quando há eventos na cidade. É boa ideia reservar o seu quarto com bastante antecedência para garantir os melhores preços de hotéis dentro do seu orçamento. Nunca é demais relembrar: opte sempre por reservar alojamentos que permitam o cancelamento gratuito, não vá ter algum imprevisto antes da sua viagem a Nápoles.

Abaixo encontra alguns dos hotéis mais bem cotados e os nossos favoritos em Nápoles que apresentam a melhor relação qualidade-preço na sua categoria.

Tric Trac Hostel

Localizado no coração do centro histórico de Nápoles, nos Quartieri Spagnoli, este hostel é considerado um dos melhores de Nápoles. Tric Trac Hostel oferece dormitórios super limpos e modernos, um terraço fresco para relaxar e pequeno almoço incluído todas as manhãs. Acessível, bom e barato, tem uma relação qualidade-preço imbatível dentro da categoria. Além disso, o staff é incrivelmente prestativo e dá as melhores recomendações sobre a cidade.

Pizzasleep B&B

Margherita, capricciosa ou marinara? Não, não lhe estamos a oferecer pizza mas um dos singulares quartos do Pizzasleep B&B, um bed & breakfast (excecional pequeno almoço!) de linhas modernas minimalistas e detalhes vintage preciosos. Quartos modernos e confortáveis, impecavelmente limpos, no centro histórico de Nápoles, com casa de banho privada, ar-condicionado e terraço… É difícil encontrar melhor. Os quartos oferecem vista da montanha, da cidade ou do mar. Precisa de transfer do aeroporto ou de estacionamento para o carro? Nessun problema! Por um custo adicional, o casal anfitrião trata disso por si.

Exe Majestic 

A doze minutos a pé da Piazza del Plebiscito, o Exe Majestic oferece acomodações luxuosas no bairro elegante de Chiaia. Os quartos são muitos espaçosos e há opção de reserva de quartos contíguos, perfeito para famílias com filhos. Têm camas muito confortáveis estão equipados com piso de madeira, casa de banho privada, ar-condicionado e minibar. O hotel também dispõe de receção 24 horas, um centro de fitness e serviços de lavandaria. Tarifas com opção pequeno almoço buffet incluído ou não.

Clique para ver mais opções de alojamento em Nápoles

Nápoles, o que visitar num roteiro de 1 dia?

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Basílica de San Francisco de Paula na Piazza del Plebiscito

Neapolis, “cidade nova”, foi o nome dado pelos gregos que fundaram Nápoles no primeiro milénio a.C. A sua longa história inclui domínio bizantino, francês, espanhol, austríaco, e cada um destes povos deixou a sua marca. Durante séculos, os napolitanos “esbanjaram” fortunas em magníficas igrejas. E várias das grandes casas da Europa, em sumptuosos palácios.

Caóticas ruas de Nápoles

Além das igrejas, dos museus e dos palácios, ver a vida acontecer nos castiços bairros de ruas estreitas e intenso colorido, nas avenidas largas e praças airosas e nos verdejantes parques é algo que não pode perder quando visitar Nápoles.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Já está mais do que na hora da UNESCO elevar a Pizza Napolitana a Património da Humanidade

Aparentemente, em Nápoles toda a gente “vive” na rua. As vozes atropelam-se. E tratando-se do ronco duma Vespa, pode ser literal. Flutuam no ar as notas duma ária (todos aqui são um tenor à espera de ser descoberto) e aquele aroma da pizza a sair do forno, cuja invenção é reivindicada pelos napolitanos, põe boca a salivar (tal qual o cão de Pavlov).

Castel Nuovo, um dos locais que tem de incluir no seu roteiro para visitar Nápoles

Se dispõe de pouco tempo para visitar Nápoles, foque-se nos seguintes lugares:

  • Deambule pela monumental Praça do Plesbicito, o icónico bairro Quartieri Spagnoli, a estreita rua de Spaccanapoli, e surpreenda-se com o melhor de Nápoles
  • Admire os frescos da Catedral de Nápoles, Duomo di San Gennaro
  • Aprecie o Castel Nuovo, do século XIII com os seus 5 torreões, e visite a fortaleza Castel dell’Ovo, o mais antigo castelo de Nápoles

Seguro de Viagem para Nápoles

Algo que consideramos muito importante numa viagem a Nápoles é um bom seguro de viagem com coberturas que nos façam sentir totalmente protegidos. E no atual contexto epidemiológico, é de crucial importância que um seguro de viagem tenha cobertura COVID-19. Só assim é possível viajar com tranquilidade.

Na hora de comprar um seguro de viagem, a nossa escolha recai sempre na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em seguros de viagem, apresenta sempre o melhor rácio custo-benefício do mercado, e todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19, a preços surpreendentemente económicos.

Clique para fazer uma simulação para a sua viagem a Nápoles e receba um desconto de 5% na compra do seu seguro de viagem usando o nosso link.

Centro Storico

Começámos a nossa visita a Nápoles no Centro Storico e sugerimos que faça o mesmo no seu roteiro para visitar Nápoles. A parte mais antiga da cidade é caracterizada pelas suas ruas estreitas, cheias de personalidade e vivacidade.

Duomo di San Gennaro – Roteiro para visitar Nápoles

O movimentado Centro Storico alberga inúmeras igrejas ornamentadas, com destaque para o Duomo di San Gennaro, a catedral de Nápoles. Muitos metros abaixo do subsolo há uma Nápoles Subterrânea que conta mais de 2000 anos de história duma das mais antigas urbes permanentemente habitadas do mundo. A Via San Gregorio Armeno, apelidada de “rua do Natal” por causa dos seus presépios é imperdível num roteiro para visitar Nápoles.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Catacumbas de San Gennaro

Por onde quer que ande, conte com trattorias, cafés e bares a perder de conta – além dos pubs dos estudantes junto à Piazza Vincenzo Bellini. E não estranhe apanhar um ou outro momento musical espontâneo numa piazzeta.

Spaccanapoli, a alma de Nápoles

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioSe procura a verdadeira, autêntica e genuína Nápoles, a rua Spaccanapoli (literalmente “quebra-Nápoles”) não pode faltar no seu roteiro para visitar Nápoles. Uma rua que divide a zona mais antiga de Nápoles, o Centro Storico, entre norte e sul e vai dos Quartieri Spagnoli (bairros espanhóis) ao bairro de Forcella.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Complesso Monumentale di Santa Chiara – Roteiro para visitar Nápoles

Entre notáveis palácios barrocos e renascentistas, inúmeras lojinhas encantadoras, cafés e pizzarias, Spaccanapoli permite chegar a alguns dos mais sublimes monumentos de Nápoles, como sejam:

  • Cappella di San Severo (mística e enigmática, guarda uma joia mundial: a escultura d’O Cristo Velado de Giuseppe Sanmartino. Entrada paga de 7€, o único senão é que fotos não são permitidas)
  • Complesso Monumentale di Santa Chiara (convento do século XIV construído em cima das ruínas dumas termas romanas. Se pagar os 6€ de entrada, pode visitar a basílica, o museu e relaxar no claustro revestido de azulejo de majólica)
  • Chiesa del Gesù Nuovo (a mais importante igreja jesuíta de Nápoles, apresenta um exterior pitoresco que lembra a Casa dos Bicos em Lisboa e um interior opulento que é uma galeria repleta de arte religiosa)
  • Basílica di San Domenico Maggiore (uma magnífica e altiva igreja gótica com um esplendoroso interior barroco)

Duomo di San Gennaro, Catedral de Nápoles

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioO Duomo di San Gennaro é um dos locais que não pode deixar de incluir no seu roteiro para visitar Nápoles. É que preciso conhecer San Gennaro para entender Nápoles e a forma como os napolitanos vivem a sua devoção pelo santo padroeiro da cidade. Quando vir o Tesouro de San Gennaro, relíquias e estátua de prata do santo, terá a clara perceção da fervorosa adoração de Nápoles ao seu santo padroeiro.

A Catedral de Nápoles brilha desde 1313 como um dos templos góticos mais sublimes de Itália. Abriga o batistério mais antigo do Ocidente, belíssimos altares, com destaque para a capela-mor decorada com frescos realmente espetaculares.

Dica VagaMundos: só há um “santo” mais adorado em Nápoles do que San Gennaro: Diego Armando Maradona! Vá ver o altar peculiar dedicado a Maradona no Bar Nilo.

Napoli Sotterranea

Pertinho da catedral de Nápoles, fica a entrada para a Napoli Soterranea, uma experiência incrível a incluir num roteiro para visitar Nápoles – exceto para claustrofóbicos. Uma descida às entranhas da cidade que leva a viajar no tempo. Os túneis subterrâneos foram utilizados para tudo um pouco, desde cisternas romanas a abrigos antiaéreos na Segunda Guerra Mundial. O destaque vai para os Jardins Hypogeum, o Museu da Guerra, um aqueduto greco-romano e as ruínas do Teatro Romano de Neápolis onde Nero mantinha um camarim privado.

Para entrarmos neste mundo e ver os muitos capítulos da história da cidade, compramos este bilhete de entrada nos subterrâneos de Nápoles com visita guiada através do GetYourGuide.

Piazza del Plebiscito

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Basílica de San Francisco de Paula

No final da Via Toledo (zona comercial a céu aberto e uma das ruas mais importantes de Nápoles que não pode deixar de conhecer, a par da Spaccanapoli e Via Tribunali) abre-se a elegante Piazza del Plebiscito.

Palazzo della Prefettura

As dimensões são assombrosas. Uma das maiores praças da Itália, das mais emblemáticas da Europa e símbolo da cidade de Nápoles, esta praça de traço neoclássico é o coração da cidade, espaço de eventos culturais e detentora de uma monumentalidade difícil de igualar.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Teatro San Carlo

Na praça em si e nas ruas adjacentes situam-se alguns dos monumentos mais impressionantes da cidade:

  • Palácio Real, pode ter interesse em visitar os aposentos e salões reais de um dos quatro palácios sublimes onde residiram os Reis de Nápoles, sendo os outros o Reggia di Caserta, o Reggia di Capodimonte e o Reggia di Portici
  • Basilica Reale Pontificia San Francesco da Paola, neoclássica, com colunata semicircular e enorme cúpula a lembrar o Panteão de Roma
  • Palazzo della Prefettura e Palazzo Salerno
  • Teatro San Carlo, um dos mais belos da Europa e listado Património da Humanidade UNESCO
Cenário de Armagedão na Galleria Borbonica – Roteiro para visitar Nápoles
Dica VagaMundos: os napolitanos são muitos supersticiosos e a Piazza Plebiscito é palco duma crença. Dizem que ir do Palácio Real até ao outro extremo, passando entre as duas estátuas equestres, pode trazer muita sorte. De olhos vendados! Desconhece-se quem o tenha conseguido. Será você @ primeir@?

Se tiver interesse numa Nápoles subterrânea mais alternativa e recente, nas costas da basílica, encontra-se a Galleria Borbonica, uma galeria-museu de túneis subterrâneos com 200 anos, usados na 2ª Guerra Mundial, selados em 1950 e “redescobertos” em 2015. Só com visita guiada (clique para saber mais).

Gallería Umberto I

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioEsta famosa e elegante galeria comercial construída no século XIX merece estar no seu roteiro para visitar Nápoles, mesmo que não tenha o mínimo interesse em compras. Com uma fachada imponente, é composta por 4 corredores cobertos por uma abóbada construída em ferro e vidro ao estilo Art Nouveau que convergem no ponto central da Galleria, logo abaixo de uma grande cúpula. Se já visitou Milão, terá uma sensação de déjà vu, pois tal como a sua “irmã-gémea” Galleria Vittorio Emanuele II de Milão, está repleta de lojas e cafés históricos.

Quartieri Spagnoli

O movimentado Quartieri Spagnoli (o bairro dos espanhóis quando Nápoles foi parte do império hispânico) é um quadriculado de ruas estreitas, ladeada pela imperdível Via Toledo, uma rua comercial. Esta rua parcialmente pedonal está repleta de lojas de moda, desde as marcas mais conceituadas aos novos talentos dentre os designers de moda.

Um pouco por todo o lado verá típicas trattorias que vendem a tão afamada pizza napolitana. E como não podia deixar de ser, palácios e igrejas, e a estação Toledo, uma das doze estações de metro da rede Stazzione dell’Arte que são autênticas obras de arte.

Estação Toledo, uma autêntica obra de arte

Até recentemente, o bairro era considerado um local perigoso, herança da forte presença da Camorra (a máfia napolitana). Nós passeamos pelas ruas e comemos na Trattoria Da Nennella (mais do que ter comida deliciosa, é uma experiência que só vivida), e não sentimos nenhuma insegurança. Contudo, como em todas as cidades europeias, use do senso comum e evite certas ruas à noite.

Castel Nuovo

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioFacilmente acessível da Piazza del Plebiscito, ergue-se o emblemático Castel Nuovo, lugar de paragem obrigatória num roteiro para visitar Nápoles. De pé desde 1279, o Castel Nuovo (conhecido localmente como Maschio Angioino) lembra um típico castelo medieval saído dum livro de contos, com séculos de histórias fascinantes para contar. Vale a pena ver de fora este castelo com cinco torreões ligados por uma grande muralha de pedra e protegidos por um fosso. Se tiver tempo e interesse, no interior completamente restaurado destacam-se a Capela Palatina, o elemento arquitetónico mais antigo que permanece do século XIV, a Sala dos Barões, atual espaço de exposições e eventos culturais, e o Museu Cívico da cidade expondo uma coleção de pinturas e esculturas do século XIV.

Castel del’Ovo

Literalmente “Castelo do Ovo“, nome dado pela lenda napolitana que conta que o poeta latino Virgílio (um mago na Idade Média) escondeu nas suas fundações um ovo mágico, que protegia o castelo e a cidade de catástrofes. Envolto em lenda e mistério, diz que a sua fundação e construção na península de Mégaride remonta aos primeiros povos que atracaram em Nápoles e fizeram dela a cidade que é hoje.

Para além doutras curiosidades, interessam sobretudo as vistas maravilhosas sobre o Golfo de Nápoles. A entrada no castelo é gratuita e se subir à Terrazza dei Cannoni, vai ver-se frente ao mar, ao porto e ao omnipresente Vesúvio em pano de fundo, esse vulcão que marca o horizonte e confere um dos cartões-postais mais conhecidos de Nápoles… As vistas são priceless e, na nossa opinião, é das melhores coisas que pode fazer num roteiro para visitar Nápoles, principalmente ao pôr do sol!

Lungomare Caracciolo

O Lungomare é um calçadão de praia que segue a costa (cerca de 2 km) ao longo da Via Partenope e Via Francesco Caracciolo no elegante bairro de Chiaia. Promete belas vistas da baía até o Vesúvio e muitos cafés e gelatarias. Passeie aqui, aprecie as vistas e a atmosfera animada. Ao longo da orla marítima da cidade que é historicamente uma porta de entrada para o Mediterrâneo e o mundo, terá uma ideia bastante clara da vibração da cidade de Nápoles. O porto de Nápoles é dividido em docas e bacias separadas por uma série de cais e quebra-mares, e está sempre repleto de atividade.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Vista do Miradouro da Chiesa di Sant’Antonio a Posillipo – Roteiro para visitar Nápoles

Logo ao lado da Lungomare, no extremo oposto ao Castel del’Ovo, há um miradouro que não pode perder no seu roteiro para visitar Nápoles: o Miradouro da Chiesa di Sant’Antonio a Posillipo. As mais belas vistas panorâmicas sobre o Golfo de Nápoles estendem-se a seus pés!

Catacumbas de San Gennaro

Reserve tempo no seu roteiro para visitar Nápoles para rumar ao bairro Stella (Rione Sanità) e conhecer as Catacumbas de San Gennaro, o maior complexo de catacumbas cristãs no sul da Itália que remontam ao século III. Esta foi a visita guiada que escolhemos (clique para saber mais) para descobrir as enormes basílicas subterrâneas com pinturas e frescos bizantinos. Como incluía ainda a entrada nas Catacumbas de San Gaudioso, visita à Basílica di Santa Maria della Sanità, e entrada no claustro Chiostro di Santa Chiara, recebemos mais pelo nosso dinheiro.

Roteiro para visitar Nápoles em 2 e 3 dias

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Palácio Real de Caserta – Roteiro para visitar Nápoles

Com mais de dois milénios de história, é óbvio que uma visita a Nápoles não se esgota nos pontos de interesse que descrevemos acima. Entre os seus castelos (sim, Nápoles tem vários), visitas ao interior das igrejas e museus, consegue desenhar um roteiro de 2 dias com muito que ver e fazer. Alargue o seu roteiro para visitar Nápoles para 3 dias (até mesmo 4) e descubra outras pérolas da Itália num roteiro de fim de semana prolongado ou de ponte.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e Vesúvio
Castel Sant’Elmo – Roteiro para visitar Nápoles

Eis o que ainda pode ver e fazer em Nápoles, na cidade e subúrbios:

  • Visitar o icónico Reggia di Caserta (Palácio Real de Caserta) e os seus extensos jardins;
  • Apreciar o majestoso Reggia di Capodimonte, o palácio real de verão dos Bourbon com um museu de arte e bosque real;
  • Viajar na história antiga no Museu Arqueológico Nacional de Nápoles com milhares de artefactos das épocas gregas, romanas e renascentista e espólio das cidades “devoradas” pelo Vesúvio de Pompeia e Herculano.
  • Subir de funicular ao Castel Sant’Elmo uma fortaleza plantada no topo da colina de com vistas panorâmicas de pasmar
  • (e descer os 400 degraus da Pedamentina, da Nápoles bairrista que não consta dos roteiros turísticos, dos estendais de roupa, do caos e dos putos a jogar calcio)
  • Admire a ornamentação extravagante da Chiesa e Chiostro di San Gregorio Armeno e conheça a lenda do sangue liquefeito.
  • Comer! Uma das melhores coisas que pode fazer em Nápoles. Desde a street food, aos restaurantes galardoados com estrelas Michelin, Nápoles é uma perdição, quer seja um food lover ou não. A famosa pizza napolitana é património UNESCO e a L’Antica Pizzeria da Michele, o templo sagrado da pizza, oferece apenas duas, marinara e margherita, as versões mais históricas desde 1870. As pastas, peixe e marisco típicos de Nápoles são esquecidos mas dê-lhes uma oportunidade. Não se arrependerá.
  • Adoçar o dente com uma sfogliatella, o doce mais típico da cidade (Pintauro, Via Toledo, 275), ou um babá (Pasticceria Capparelli, Via dei Tribunali, 327).
  • Apreciar a street art de Nápoles, sem preconceitos nem juízos de valor. A cidade é a imensa tela onde a criatividade dos napolitanos não tem limites: aquilo que pode parecer-lhe vandalismo ou graffiti barato é, na verdade, uma mensagem.

Excursões e Tours de 1 dia fora de Nápoles

Visitar Positano, na Costa Amalfitana, é um dos melhores passeios que pode fazer a partir de Nápoles

Aventure-se por outras paragens. Fora da cidade de Nápoles há oportunidades de conhecer outras facetas da região da Campânia que, apostamos, não vai querer perder. Abaixo encontra as nossas sugestões. É claro que vai ter de fazer escolhas. Ou transforme o seu roteiro para visitar Nápoles numa semana de férias na belíssima região da Campânia!

Pompeia e Monte Vesúvio

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioVisite as ruínas de Pompeia, a cidade romana destruída pelo vulcão em 79 d.C., que com o seu fórum, as fontes termais, a Casa dos Vetti e a arte erótica do Lupanare, foi listada Património Mundial pela UNESCO.

Ver ao vivo os corpos mumificados de Pompeia é uma visão arrepiante

É uma experiência visual e emocional estar neste lugar “congelado” no tempo por quase 2000 anos e conhecer as histórias do dia devastador em que Pompeia foi enterrada pelas cinzas e lapíli incandescentes expelidos pelo Vesúvio.

Visitar Nápoles: Roteiro com o que ver e fazer e como visitar Pompeia e VesúvioSuba ao cume da cratera do Monte Vesúvio, um vulcão ainda ativo na Europa Continental, e contemple as belíssimas vistas do golfo de Nápoles. Esperemos que ele não desperte até à sua visita.

Costa Amalfitana

A Costa Amalfitana é uma região de beleza, paixão e mitos que inspira poetas e artistas de todo o mundo. Desfrute duma incrível excursão pela pitoresca Costa Amalfitana, um dos melhores exemplos de beleza e cultura mediterrâneas. Sorrento, Positano, Amalfi e Ravello são os nomes das elegantes cidades e encantadoras vilas empoleiradas nas falésias desta costa de sonho. Admire a incrível atmosfera que só o ensolarado sul da Itália pode proporcionar.

Ilha de Capri

Descontraia numa das ilhas mais glamorosas não só da Itália, mas do mundo. Cenário de filmes, é linda, é um paraíso e é famosa, com razão de ser. A encantadora ilha de Capri é conhecida pelas lojas exclusivas, marina de iates luxuosos, paisagem acidentada, excelentes restaurantes e a resplandecente Gruta Azul. É sem dúvida uma das melhores excursões a fazer a partir de Nápoles. Faça uma viagem de barco ao redor da ilha para vistas imbatíveis antes de queimar algumas calorias numa caminhada até o topo do Monte Solaro.

Excursões de 1 dia saindo de Nápoles

Existem várias excursões de 1 dia que pode fazer a partir de Nápoles. Clique nos links abaixo para ver as nossas favoritas, ler reviews e fazer as suas reservas:

Dica VagaMundos: na escolha dos tours, e porque os imprevistos acontecem, evite sempre reservar tours que não permitam cancelamento gratuito. Dê prioridade às excursões e atividades que têm boas avaliações e permitam cancelamento, sem custos, com (pelo menos) 48h de antecedência.

Mapa do roteiro para visitar Nápoles


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa com a localização dos lugares imperdíveis num roteiro para visitar Nápoles.

Outros artigos da Itália

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.