Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormir

Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormir

A calma rural com que somos brindados ao visitar Penamacor mal nos faz adivinhar a importância histórica da Vila Madeiro na formação de Portugal. Com o seu castelo altaneiro, a vila fronteiriça plantada num cabeço de barrocal granítico, entre as ribeiras de Ceife e Taliscas, é um verdadeiro cartão postal, independentemente do ponto donde se aviste.

Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormir
Vista panorâmica de Penamacor, a Vila Madeiro

Entre montanhas de intenso verde, a norte, e as planícies de Castelo Branco, a sul, os olhos perdem-se na contemplação dum horizonte de paisagens soberbas que se estende até Espanha.  Os limites do concelho abraçam dois terços da Reserva Natural da Serra da Malcata, um dos últimos refúgios do quase extinto lince ibérico. Entre serras e vales há cursos de água, fresca e cristalina, que nos brindam com algumas das melhores praias fluviais de Portugal.

Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormir
Barragem da Meimoa – Visitar Penamacor

Se anda a pensar na sua próxima escapadinha pelo Centro de Portugal, venha daí conhecer o melhor que a vila tem para oferecer e saiba o que ver e fazer quando visitar Penamacor.

Quando visitar?

Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormir
Praia Fluvial do Meimão – Visitar Penamacor

A escolha da melhor altura para visitar Penamacor depende muito dos seus interesses. A vila em si pode ser visitada todo o ano, mas deve optar por visitar Penamacor na estação do ano mais adequada ao que pretende ver e fazer em Penamacor e arredores.

A primavera e o outono são as estações perfeitas para aliar a visita a Penamacor com atividades na natureza, nomeadamente para caminhadas ou passeios de BTT na Serra da Malcata.

Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormir
O famoso Madeiro de Natal de Penamacor

No verão (curto, quente e seco) o calor aperta, mas a vila enche-se de vida, fruto das coloridas festas populares, e há sempre a Praia Fluvial do Meimão para se refrescar.

Já no inverno (frio, encoberto e húmido), as temperaturas podem descer abaixo dos 10ºC. Contudo, a época natalícia enche a vila de cor e luz, especialmente com a realização da queima do Madeiro de Penamacor, uma festa tradicional imperdível.

Onde ficar a dormir em Penamacor? Sugestões de alojamento

Moinho do Maneio

O Moinho do Maneio é um recanto mágico a escassos 8 km de Penamacor e às portas da Serra da Malcata. Sossego, natureza, lazer e bem-estar são as pedras preciosas deste alojamento de turismo rural que recomendamos sem hesitação pelo contato privilegiado e singular com a natureza. Duas casas com kitchenette e quatro quartos privados em casinhas individuais, cada uma com terraço próprio, preservam o estilo rústico das casas de xisto originais. Mas a estrela é a Bolha, cujo teto transparente permite realizar o sonho de dormir sob as estrelas.

O tempo passa sem culpas nesta “mini aldeia”, resguardada num vale, cruzada por uma ribeira e dotada de muito espaço ao ar livre. Entre a piscina e a ribeira, a espreguiçadeira ou a cama debaixo da árvore, a quinta e os amigos de quatro patas, passeios a pé nas margens ou de canoa na ribeira, desfrute da vida a seu bel-prazer no Moinho do Maneio. Há ainda sessões de Reiki e massagens para serenar as energias. Ou canoagem, passeios pedestres, a cavalo, ou de moto 4 para apetites mais propensos a fazer bombar o coração. O pequeno-almoço é feito de delícias sensacionais. Ficamos rendidos ao bolo de chocolate húmido: do melhor que já comemos!

Palace Hotel & Spa Termas de São Tiago

Se não dispensa as comodidades dum hotel, o Palace Hotel & Spa Termas de São Tiago são a sua melhor opção. Para uns dias de descanso, este hotel moderno de 4 estrelas disponibiliza 99 quartos e suites aclimatizados e com varanda – vistas jardim ou Castelo de Penamacor. O pequeno-almoço, incluído na tarifa do quarto, é muito bom. Para revitalizar corpo, e por um custo adicional, reserve o seu lugar no Spa e centro de bem-estar com serviços de massagens e terapias, banho turco, sauna e piscina dinâmica termal.

Casas da Penha

Mais central do que as Casas da Penha, é difícil. Indicadas para quem busca a privacidade duma casa de férias, as casas rústicas, dentro de muralhas do Castelo de Penamacor, foram restauradas em linhas modernas e mobiladas com equipamento contemporâneo. O conforto é garantido e reforçado pela estética e funcionalidade dos espaços. Cozinha equipada, espaço para refeições e sala de estar servem o quarto com casa de banho privativa. A casa com dois quartos pode alojar uma família até 6 membros. O pequeno-almoço incluído valoriza a relação qualidade-preço.

Clique para ver mais opções de alojamento em Penamacor

Penamacor, o que visitar?

Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormirDuas razões bastam para justificar visitar Penamacor. Abençoado com uma riqueza paisagística notável, o concelho orgulha-se ainda de ter um rico património histórico-cultural. Romanos, visigodos e mouros são povos que se sabe terem ocupado a região. Após a Reconquista Cristã, Penamacor passou a ser estratégico como um dos castelos de fronteira. Fazia parte da vasta região entre o rio Mondego e o rio Tejo entregue à Ordem dos Templários para defender a raia. Gualdim Pais, fundador de Tomar e grão-mestre da ordem monástica guerreira, reconstruiu o castelo e iniciou o repovoamento do território.

Visitar Penamacor | Vila Madeiro: o que ver e fazer e onde ficar a dormirPara além do património histórico-religioso e natural, é também pela cultura de costumes ancestrais e pela gastronomia de sabor beirão, que Penamacor atrai quem gosta de partir à descoberta das origens. Afinal, há mais razões para visitar Penamacor.

Castelo de Penamacor

A zona monumental do Castelo de Penamacor é a maior atração da vila. A entrada nas muralhas faz-se pela estrada empedrada que conduz à Igreja da Misericórdia do século XVI e seu belíssimo portal manuelino, ou pela Rua das Escadinhas, a pé e deambulando pelo casario típico. Entrando pela Porta da Vila, em cima da qual subsistem os Antigos Paços do Concelho, encontrará o Pelourinho quinhentista de Penamacor. Dirigindo-se à Torre de Vigia, passa pelo largo de Santa Maria onde estão os vestígios duma antiga capela dedicada à Virgem.

Dominada pela Torre de Menagem, as muralhas estendem-se em redor dum burgo castelar que conserva o traçado e, acima de tudo, o ambiente medieval de origem. As vistas sublimes enchem-nos de espanto! Os cumes arredondados a nordeste são a Serra da Malcata que se estende como Serra da Gata, já por terras de Espanha; a altivez da Serra da Estrela é bem visível a norte; a Serra da Gardunha ergue-se a oeste. Monsanto deteta-se no horizonte a sul e o ondular da planície de Castelo Branco estende-se a sudeste para fechar o panorama 360º.

Para saciar a curiosidade, vá até à Rua de São Pedro também conhecida como a pequena Judiaria. Penamacor faz parte da rede de judiarias portuguesas e é a terra natal dum médico, Ribeiro Sanches, que revolucionou o ensino da medicina em Portugal. Merece também atenção a Torre do Relógio cujas marcas de cantaria ainda são visíveis.

Centro da vila

Agora é descer à vila. Visite a matriz datada do século XVI, a Igreja de São Tiago, junto da qual se faz a queima do Madeiro, a enorme fogueira que “aquece a vila” na época natalícia e uma tradição secular que move os jovens da terra. E o Madeiro de Penamacor tem de ser o maior da região. Percebe agora porque Penamacor se apelida de Vila Madeiro?

Algum do património arquitetónico civil de relevo na vila acolhe atualmente os serviços públicos, o que nos permite dar uma espreitadela ao seu interior. A Biblioteca Municipal foi implantada no Solar do Conde de Proença-a-Velha, e a Casa dos Pina Ferraz é hoje sede da Reserva Natural da Serra da Malcata.

O antigo Convento de Santo Estevão foi convertido em Quartel Militar, mas como este também extinguiu a sua utilidade, foi recuperado para albergar serviços municipais. Todo o nosso destaque vai para o Museu Municipal que reúne um importante e significativo espólio arqueológico do concelho de Penamacor.

Dica VagaMundos: a casa provavelmente mais antiga de Penamacor ainda se mantem (incrivelmente) de pé. Datada do século XVI, é óbvio que passou por inúmeras reconstruções e restauros, mas ainda lhe resta o telhado duma só água e uma janela trabalhada que testemunham a sua origem. É no nº 25 da Rua Santo Estevão.

Continuando a descer, deparamo-nos com o belíssimo edifício de 1867 da Câmara Municipal, encarando a airosa praça, um espaço urbano bem ornamentado de canteiros de flores, bancos e fonte. Ali perto demarca-se a igreja de fachada sóbria clássica do Convento de Santo António, cujo interior é abrilhantado com talha dourada do altar-mor e do púlpito, e uma abóbada barroca em caixotões de madeira decorados. Salientam-se ainda as pinturas na Sacristia e o Claustro de dois pisos.

Altura de fazer uma pausa, cruzar o portão do frondoso Jardim da República, com um agradável espaço de esplanada e um miradouro, centrado por uma moderna fonte que homenageia as gentes de penamacor.

Dica VagaMundos: como andamos sempre à procura do melhor spot para a fotografia panorâmica, quando fomos visitar Penamacor descobrimo-lo na Capela de São Domingos. Lá do alto a vila tem outro brilho, e as vistas beneficiam com a paz que o seu isolamento lhe traz naturalmente.

O que ver e fazer perto de Penamacor?

Aldeia de Monsanto – um dos muitos locais que pode visitar perto de Penamacor

Dependendo dos seus interesses, visitar Penamacor pode levar apenas umas horas, um dia ou até vários dias. É que, fora da vila, há muito para desvendar numa visita a Penamacor. Entre aldeias com costumes, geossítios, velhas minas, trilhos, praias fluviais e natureza, e uma panóplia de atividades associados a tudo isto, facilmente preenche os dias.

Praia Fluvial

A Barragem da Meimoa, para além de convidar à pescaria, permitiu o surgimento duma zona de lazer de excelência no concelho. A Praia Fluvial do Meimão tem tudo o que precisa para preencher um belo dia de verão: praia com relvado, com areal, sombras, plataforma flutuante, café/restaurante com esplanada, parque de merendas com grelhadores, e até pode alugar um bungalow. Limpa e cuidada, esta praia fluvial leva o nosso elogio pelas condições e qualidade que apresenta.

Trilho de Penamacor

Para quem gosta de caminhadas, pode conciliar a tradição, a cultura e a história de Penamacor com essa paixão da comunhão com a Natureza, num circuito circular de 10 km. É o PR1 PNC que inclui mata, três geossítios (Miradouro da Casa do Ramalho, Minas do Palão e Miradouro do Antigo Quartel), campos rurais e os monumentos mais emblemáticos da vila.

Reserva Natural da Serra da Malcata

Parta à descoberta da riqueza da fauna e flora da Serra da Malcata em total envolvência natural, essa mancha verde de que Penamacor se pode orgulhar. A Reserva Natural da Serra da Malcata é dos territórios naturais mais genuínos e selvagens de Portugal. Talvez por isso, seja o habitat propício para o, infelizmente, raro lince ibérico.

Monsanto

Se a placa de direção de Monsanto for uma tentação, ceda e siga para sul. Afinal, é um pecado não conhecer a “aldeia mais Portuguesa de Portugal”. É uma das 12 Aldeias Históricas de Portugal e parece nascida da mente dum realizador de ficção científica. A aldeia plantada no topo de um escarpado monte, no meio de gigantescos penedos de granito, que em alguns casos até servem de casa (que já foi apelidada de aldeia Flintstone Portuguesa) é surreal. Surreal na edificação, surreal na beleza, surreal na História. É que para acrescentar ao seu misticismo, há um castelo Templário e aldeia abandonados que ainda instigam mais curiosidade nas mentes férteis.

Penha Garcia

E já que andamos numa de aldeias notáveis, destacamos a mais desconhecida, mas igualmente apelativa, Penha Garcia. Os seus grandes atrativos são o castelo, parte do conjunto raiano de “sentinelas do Reino” como o de Penamacor, a magnífica paisagem rochosa do vale recortado pelo Rio Pônsul que integra a reserva do Geopark Naturtejo, a Rota dos Fósseis, a barragem de Penha Garcia e a estupenda piscina natural da Praia Fluvial do Pego, escondida num cenário idílico.

Quer conhecer Aldeias Históricas? Clique para ler o nosso Roteiro pelas 12 Aldeias Históricas de Portugal com muitas dicas e informação prática (e mais uns bónus para planear escapadinhas!)

Restaurantes onde comer em Penamacor

Restaurante A Cave
Largo 25 de Abril 15, Penamacor(+351 277 394 312)
Sala ampla. Esplanada exterior. Atendimento rápido, boa comida e diárias económicas.

Restaurante 2 Pinheiros
EN 233 ao Arieiro, Penamacor (+351 966 786 035)
Discreto e acolhedor. Comida caseira, regional, com muito paladar. Paragem obrigatória num roteiro gastronómico por Penamacor. Vá cedo, o restaurante é pequeno.

Café Restaurante Jardim
R. de Santo Estevão 44, Penamacor
Várias salas, algumas com acesso por escada. Comida saborosa, sobremesas muito boas. Boa relação qualidade-preço.

Penamacor: mapa dos principais pontos de interesse turístico


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa dos principais pontos de interesse turístico de Penamacor.

Outros artigos do Centro de Portugal

Aveiro | Aldeias Históricas de Portugal | Cascata da Cabreia | Castelo de Bode | Coimbra | DornesEstações Náuticas Centro de PortugalPassadiços do OrvalhoMonsanto | Óbidos | Ourém | Penedo Furado | Peniche | Piodão | Santa Comba Dão | Serras de Aire e Candeeiros | Serra da Estrela | Serra da Lousã | Tomar | Viseu

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre os melhores tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na World Nomads ou na IATI Seguros. São ambas agências 100% especializadas em viagens e apresentam sempre os melhores rácios custo-benefício do mercado. Se optar pela IATI use o nosso link e terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Anda à procura de voos baratos? Então utilize o Skyscanner para encontrar as melhores tarifas aéreas do mercado

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize o Rentalcars. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o blog "VagaMundos" a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.