Visitar Ponta Delgada: Roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel

Está a planear a sua viagem aos Açores? Então, Ponta Delgada será muito provavelmente a sua porta de entrada na ilha de São Miguel. Supomos que visitar Ponta Delgada, a cidade, dificilmente estará no topo das prioridades do seu plano de viagem. É compreensível que queira (como a maioria dos visitantes) ir de imediato explorar as inúmeras maravilhas do arrebatador paraíso natural que é São Miguel, a “ilha verde” dos vulcões adormecido. Mas neste artigo vamos provar que há muitas razões para visitar Ponta Delgada (e arredores) e que a encantadora cidade portuária tem bem mais para oferecer do que imagina.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Marina e Marginal de Ponta Delgada

A pequena vila de pescadores de outrora deu lugar a uma cidade cosmopolita, económica e culturalmente ativa, digna de capa de revista de viagens sob o título O Segredo mais bem guardado da Europa. Ponta Delgada é conhecida pelas igrejas, conventos e casas senhoriais, bairros típicos, ruas estreitas, praças airosas e jardins urbanos exuberantes que marcam o centro histórico. E pela graciosa marginal virada ao Atlântico, que lhe desenha o perfil, preenchida de esplanadas, bares e restaurantes que servem o melhor da cozinha regional e internacional.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Igreja Matriz – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Dedique tempo a visitar Ponta Delgada, quer se fique só pela ilha de São Miguel, quer ande a saltitar pelas 9 ilhas do arquipélago dos Açores, atualmente um dos destinos de referência no turismo mundial.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Praia da Milícias – Roteiro para visitar Ponta Delgada

O que visitar em Ponta Delgada? Para lhe responder, preparamos este artigo com os lugares imperdíveis na cidade e arredores, o que ver e fazer, como chegar e quando visitar, e ainda sugestões de hotéis onde ficar e restaurantes onde comer. Somamos as nossas habituais Dicas VagaMundos e um mapa turístico para se orientar pela cidade e arredores para tirar o máximo partido da sua viagem aos Açores com uma proposta de roteiro para visitar Ponta Delgada, ideal para 3 dias na ilha de São Miguel.

Na preparação da sua viagem para visitar Ponta Delgada não deixe de ler também o nosso guia e roteiro detalhado para visitar a Ilha de São Miguel.

Quando visitar Ponta Delgada?

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Ruinas do Forte de São Caetano – Roteiro para visitar Ponta Delgada

A melhor altura para visitar Ponta Delgada é tão variável como o tempo. A máxima “4 estações num dia” não é força de expressão, é um facto bem real. O tempo em Ponta Delgada é imprevisível (afirmação extensível a todas as ilhas dos Açores). Nos dez dias que estivemos na ilha de São Miguel, sentimos tudo na pele. Tão depressa brilhava o sol como caía uma carga de água. No entremeio era capaz de surgir um arco íris que nos prendia o olhar enquanto tiritávamos de frio ou suávamos em bica. Dependia se o vento soprava de norte ou tínhamos 99% de humidade no ar a 23ºC. De pouco lhe podemos valer na hora de fazer a mala. A melhor dica que podemos dar é: um impermeável é indispensável!

Ainda assim, parece que os especialistas em meteorologia de Ponta Delgada encontraram um padrão: inverno com temperaturas médias de 13ºC e muita chuva; verão com temperaturas médias de 23ºC e muita humidade.

As apaixonantes ruas de Ponta Delgada

Os meses quentes que julho e agosto na época alta (que vai de de abril a setembro) são os mais populares e Ponta Delgada vê subir o número de visitantes. O que significa que os preços da hotelaria e do aluguer dos carros sobem em igual medida. Reserve com antecedência para apanhar os melhores negócios. Se pretende fazer um tour de observação de baleias e golfinhos (whale watching), a altura do ano mais promissora é entre abril e junho.

Observar Baleias é uma das atividades imperdíveis num roteiro para visitar Ponta Delgada

Ao longo de todo o ano, em Ponta Delgada, são organizados inúmeros eventos de animação musical, cultural e recreativa, quer em espaços fechados, quer ao ar livre. Alguns têm projeção internacional, como são os casos do Festival Tremor, que reúne dezenas de pessoas ligadas a todas as vertentes artísticas, e o Walk&Talk, um programa de street art que vem dar cor aos espaços abandonados da cidade.

Ponta Delgada é célebre pelo brilho da sua Passagem de Ano e a folia do Carnaval. Começa a ser também conhecida pelos festivais de folclore, feiras gastronómicas e festivais musicais que atraem cada vez mais visitantes como sejam o Dia da Cidade, as Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres (5ª semana após a Páscoa, de sexta feira à quinta feira da semana seguinte), pelas Grandes Festas do Divino Espírito Santo de Ponta Delgada (segundo fim de semana de julho, de quinta feira a domingo), as Festas Populares das 24 freguesias de Ponta Delgada (que preenchem os fins de semana dos meses de julho, agosto e setembro), as Romarias Quaresmais e as “Noites de Verão”.

Onde fica e como chegar a Ponta Delgada (São Miguel, Açores): dicas de voos

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelPonta Delgada é maior e mais populosa cidade açoriana. Fica situada na costa sul da Ilha de São Miguel, a maior ilha dos Açores, no meio do Oceano Atlântico, a sensivelmente 1500 km a oeste de Lisboa, fazendo parte do Grupo Oriental do Arquipélago dos Açores, na companhia da Ilha de Santa Maria.

Devido à distância a que se encontra de Portugal Continental o fuso horário dos Açores é o GMT-1, ou seja uma hora a menos que em Portugal Continental e Madeira.

A melhor forma de chegar a Ponta Delgada é de avião. A cidade é servida pelo Aeroporto de Ponta Delgada – São João Paulo II (PDL). Existem vários voos diários de Lisboa e do Porto para Ponta Delgada e a viagem demora cerca de 2:30h.

Os voos são operados pela TAP, pela Sata e pela Ryanair, sendo esta última a companhia aérea que, por norma, tem as ofertas mais económicas. Para que tenha uma ideia dos preços dos voos para Ponta Delgada, nós pagamos sensivelmente 70€ por pessoa no verão de 2021, ida e volta, já com uma mala de porão incluída na tarifa. Se apanhar boas promoções e viajar na época baixa ou shoulder season, pode até pagar consideravelmente menos.

Para obter os melhores preços sugerimos que faça várias simulações e que reserve o voo com (pelo menos) três meses de antecedência. Clique para ler as nossas dicas para comprar voos baratos.

Como ir do Aeroporto ao centro de Ponta Delgada?

Distância do aeroporto ao centro de Ponta Delgada: 4 km

Táxi: esta é das raras vezes em que constatamos que um táxi é forma mais rápida e prática de ir dum aeroporto ao centro duma cidade. Tivemos oportunidade de usar e recomendamos. A praça de táxis está do lado direito da saída do terminal das chegadas. Os preços são tabelados, tanto para o centro da cidade como para outros pontos da ilha de São Miguel. Os preços começam nos 8 euros por viagem sem malas, 10 euros com malas, para o centro de Ponta Delgada (Praça Gonçalo Velho). Consulte a tabela no aeroporto para saber os custos para outros destinos na ilha de São Miguel, serviços noturnos e viaturas com maior capacidade.

Aerobus: há um shuttle bus (4,5 euros / viagem) que liga o aeroporto à cidade, correndo a cada 40 minutos, num percurso circular com cerca de 20 paragens. Andámos em busca de informação e, nesta fase, descobrimos que os serviços não têm uma regularidade certa e fiável e é preciso fazer reserva por telefone com dias de antecedência. Consideramos que, de momento, não é uma solução muito prática.

Alugar carro para visitar Ponta Delgada (Açores)

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelA cidade de Ponta Delgada é facilmente navegável a pé e a grande maioria dos locais de interesse estão no centro histórico ou num raio de 2 km da cidade. Já a maioria das belezas naturais que integram o vasto concelho, e sugeridas neste roteiro para visitar Ponta Delgada, não são servidas por transportes públicos. Por isso, a não ser que pretenda recorrer sempre a tours para fazer as suas visitas, diríamos que é crucial alugar um carro. Só assim conseguirá desfrutar em pleno das maravilhas naturais do concelho de Ponta Delgada.

Com um carro alugado, para além de conseguir ir aos locais mais recônditos do concelho, onde poderá desfrutar de paisagens maravilhosas, terá muito mais flexibilidade para alterar os seus planos. Um plano de viagem flexível em Ponta Delgada é extremamente importante, visto que as condições climatéricas mudam constantemente. Como já referimos, viver as “quatro estações num só dia” é o prato do dia em São Miguel.

Na hora de alugar o carro recomendamos vivamente que o faça através da AutoEurope, pois permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car (e assim encontrar o melhor preço disponível) sendo ainda possível cancelar o aluguer sem qualquer custo até 48h antes da partida, algo que valorizamos mesmo muito. É sempre a nossa primeira opção!

Clique para ver todas as opções de aluguer de carro em Ponta Delgada

Seguro de Viagem para São Miguel | Açores

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelNo atual contexto epidemiológico é de crucial importância fazer um seguro de viagem que tenha cobertura COVID-19. Só assim é possível viajar com tranquilidade.

A pensar nisso mesmo, a IATI Seguros criou o IATI Escapadinhas, um seguro de viagem que oferece cobertura em caso de contágio por COVID-19 (exames médicos, transporte sanitário, assistência médica, hospitalização, quarentena obrigatória e repatriação). E se optar pela cobertura de cancelamento em caso de resultado positivo para COVID-19 em Portugal (do próprio segurado, pais ou filhos) impeditivo de iniciar a viagem na data prevista, recupera o dinheiro que havia gasto na sua viagem.

O seguro de viagem IATI Escapadinhas é super económico. Para ter uma ideia, na nossa última viagem aos Açores pagamos menos de 10€/pessoa para 10 dias de viagem, já com a opção de cancelamento incluída. Por estes valores, não vale de todo a pena correr riscos e (eventualmente) “ficar a arder” no caso de ter de cancelar a viagem devido à Covid-19.

Clique para fazer uma simulação para a sua viagem a São Miguel e não se esqueça que, ao utilizar o nosso link, terá um desconto de 5% na compra seu seguro de viagem.

Onde ficar em Ponta Delgada? Sugestões de alojamento

Facilmente encontra um hotel ou alojamento onde ficar a dormir em Ponta Delgada. É a cidade que tem mais oferta de alojamentos, serviços turísticos e conta com excelentes acessos para toda a ilha.

As atracões turísticas a visitar em Ponta Delgada encontram-se bastante próximas. Portanto, a maioria dos hotéis na área central fica a poucos passos de igrejas e museus, bem como da marina, de onde partem os barcos para os cruzeiros de observação de baleias.

Como melhor cidade para encontrar alojamento na ilha de São Miguel, é também a mais concorrida. Logo, recomendamos que reserve o seu alojamento com o máximo de antecedência possível de forma a garantir os melhores preços. Nunca é demais relembrar: opte sempre por reservar unidades hoteleiras que permitam o cancelamento, não vá ter algum imprevisto.

Abaixo encontra os nossos alojamentos favoritos em Ponta Delgada – testados e aprovados por nós – que apresentam a melhor relação qualidade-preço. Clique nos nomes para saber mais e ler avaliações doutros hóspedes.

Out of the Blue

Com acesso Wi-Fi gratuito em todas as áreas e um terraço, o Out of the Blue é um hostel upscale que providencia dormitórios e quartos duplos ou twin com casas de banho partilhadas ou privativas. Alguns quartos têm um terraço ou uma varanda. Este hostel estupendo disponibiliza cozinha partilhada e beneficia de uma localização perfeita para explorar cidade e ilha: longe do ruído da cidade mas apenas a 3 minutos a pé do centro.

Hotel Alcides

Os quartos privados do Hotel Alcides esgotam rápido por causa da localização central e preços económicos. Na zona histórica de Ponta Delgada, este hotel de 2 estrelas oferece quartos espaçosos, com ar condicionado, TV, WiFi e secretária. Dispõe de restaurante, terraço e bar no local. Pequeno almoço incluído e uma equipa simpática e afável que sabe bem receber. Afinal, no Alcides não percebem só de bife regional! (Leia a secção “onde comer” e perceberá.)

Azor Hotel

Com quartos amplos, onde o conforto e limpeza são irrepreensíveis, a maioria com varandas com vistas mar deslumbrantes, o Azor Hotel é o hotel mais luxuoso de Ponta Delgada. Um hotel animado e cosmopolita com uma piscina exterior no rooftop e um bar para aquela bebida relaxante de fim de tarde. Tem restaurante, Spa e centro de fitness. Pequeno almoço soberbo, adequado a muitas dietas, incluído no preço.

Herdade do Ananás

Uma excelente opção para quem gosta de alojamentos de Turismo Rural com personalidade. Com bicicletas gratuitas, a ecológica Herdade do Ananás está localizada a menos de 3 km das Portas da Cidade. Os quartos privados emanam harmonia na conjugação de mobiliário antigo e comodidades modernas. Garantem tranquilidade, conforto e espaço. Há um jardim e um salão partilhado. Estacionamento privado e WiFi gratuitos.

Casa do Contador – Exclusive Suites & Pool

Suites e estúdios privados com cozinha para quem quer autonomia. A Casa do Contador Exclusive Suites & Pool é um lugar de sossego e aconchego no meio da cidade com pequenos detalhes vintage. Acomodações modernas que se destacam pela decoração e limpeza primorosas. O jardim, piscina exterior e terraço são deliciosos para relaxar e o pequeno almoço, incluído no preço, é simplesmente fabuloso.

My Story Hotel Vila Nova

O My Story Hotel Vila Nova é um hotel de 3 estrelas com uma boa relação qualidade-preço, principalmente quando lança campanhas de desconto. Quartos privados (duplos, twins e suites) espaçosos, com varanda (vistas mar e cidade), camas kingsize e todas as ameneties essenciais. Compensa optar pela tarifa pequeno almoço incluído. Tem ainda restaurante e bar. Disponibiliza piscina exterior e salão de jogos.

Clique para ver mais opções de alojamento em Ponta Delgada

Ponta Delgada, o que visitar?

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelVisitar Ponta Delgada é ir ao encontro duma cidade multifacetada e acolhedora. A pequena vila de pescadores cresceu para se tornar numa cidade cosmopolita sem nunca abdicar da tranquilidade salutar da vida açoriana. História e modernidade, tradição e inovação andam de mãos dadas.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Câmara Municipal de Ponta Delgada

Quando for visitar Ponta Delgada, terá uma primeira sensação de cidade a preto e branco. Evidente no jogo monocromático das paredes brancas adornadas pelo basalto negro dos esbeltos conventos e igrejas, das fachadas dos edifícios históricos e da típica calçada portuguesa embelezando ruas e praças. Não se deixe enganar por esta face a duas cores, pois o caráter e espírito açoriano é bem colorido e com muitas nuances. Se quiser conhecer a cultura açoriana, visitar Ponta Delgada é um excelente ponto de partida.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Campo de São Francisco – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Facilmente conseguimos preencher um roteiro para visitar Ponta Delgada em 2 ou 3 dias. Beleza natural, paisagens únicas, variedade cultural e gastronómica são os grandes atributos de Ponta Delgada que nos deixam sempre com vontade de voltar. Ponta Delgada foi o primeiro destino das nossas duas viagens aos Açores… Com 15 anos de intervalo. Muito mudou e melhorou na cidade e o novo passeio marítimo das Portas do Mar foi o elemento revelador. O que não mudou foi a simpatia dos miguelenses, com os quais não resistimos meter conversa para ouvir aquele sotaque cerrado de Português quase cantado.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Portas da Cidade – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Para mais, o arquipélago dos Açores é um dos melhores destinos mundiais para atividades ao ar livre e turismo de natureza. E ao visitar Ponta Delgada pode desfrutar de todos os tipos de programas de turismo de aventura, com mais ou menos adrenalina. Como verá, não falta o que ver e fazer em Ponta Delgada.

Avenida Infante Dom Henrique

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelO passeio marítimo da cidade de Ponta Delgada, a Avenida Infante Dom Henrique, ou simplesmente Avenida para os locais, facilita o acesso às atrações imperdíveis de Ponta Delgada concentradas nas suas imediações e proporciona uma visão agradável da cidade.

Agora mais do que nunca com a requalificação da frente marítima, de cara voltada ao mar, resultante do empreendimento Portas do Mar, um espaço de lazer e comércio. Há sempre gente nas esplanadas, bares e restaurantes, quer no centro comercial Solmar, quer rente ao mar na frente da marina, de dia e de noite. A movimentação da marina aumenta nas horas das saídas dos tours para atividades aquáticas, pois é aqui que estão ancorados os barcos de passeio.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Forte de São Brás, um dos monumentos que irá encontrar ao longo da marginal de Ponta Delgada

Turistas e locais, a marginal é onde todos vêm passear, ver as vistas, tomar um copo, fazer jogging, pedalar ou mergulhar na piscina oceânica. Do anfiteatro ao ar livre tem-se uma visão estupenda, da cidade e do porto. Foi a percorrer repetidamente o calçadão da marginal que mais sentimos a vibe e dinamismo da cidade.

Piscina Oceânica – Roteiro para visitar Ponta Delgada
Dica VagaMundos: Se tiver pouco tempo para visitar Ponta Delgada, a promenade da marginal é onde deve focar a sua atenção.

Observação de Baleias e Golfinhos

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Baleia a mergulhar

As atividades aquáticas são campeãs de audiência, não fossem os Açores um dos melhores santuários de biodiversidade marinha. Observar baleias em alto mar (whale watching) foi das experiências mais singulares que já vivemos. Estreámo-nos em Boston e repetimos em Ponta Delgada, um dos melhores destinos para observação de cetáceos do mundo. Principalmente se conseguir visitar Ponta Delgada entre abril e junho, a fase do ano em que maior número de cetáceos cruzam as águas açorianas nas suas rotas migratórias. O verão é a melhor altura do ano para ver golfinhos. É nesta época que mais espécies de golfinhos sulcam os mares dos Açores e os grupos tendem a ser maiores e com mais crias também.

Golfinho

Sabia que um terço das espécies de cetáceos do Mundo passa pelos Açores? Mesmo que a sua viagem aos Açores não coincida com estas temporadas, há fortes probabilidades de conseguir observar estes senhores do mar, entre espécies residentes e migratórias que cruzam águas açorianas algures ao longo do ano.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Orca

Algumas das empresas mais seguras e éticas operam a partir da Marina de Ponta Delgada. Os passeios saem, geralmente, de manhã ou à hora de almoço e duram cerca de 3 horas (menos do que isso, é de desconfiar). Nós reservámos este passeio de catamarã (clique para ver) através do GetYourGuide e adorámos a experiência, tendo sido possível observar cachalotes e várias famílias de golfinhos. O preço é rigorosamente o mesmo que comprando no local e tem cancelamento gratuito até 24 horas de antecedência. Assim, garantimos o nosso lugar no passeio para o dia que queríamos, sem correr qualquer risco nem pagar mais por isso.

Se observar cetáceos estiver nos seus planos, recomendamos vivamente escolher os tours da manhã. Assim, fica com o resto (e melhor parte) do dia para visitar Ponta Delgada e as suas atrações imperdíveis.

Portas da Cidade

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelPonta Delgada é a porta de entrada nos Açores e para que não restem duvidas, há até um monumento que materializa a expressão. Símbolo da cidade, os três arcos encarando o mar das Portas da Cidade são o cartão-postal mais identificativo de Ponta Delgada. Patente no brasão da cidade, este monumento em alvenaria branca e pedra vulcânica negra data de 1783 e fazia parte integrante do complexo defensivo da cidade. Originalmente localizadas no antigo porto da cidade, as Portas da Cidade de Ponta Delgada foram realocadas na Praça Gonçalo Velho nos anos 40 e 50 do século passado, quando a Avenida foi construída.

Integradas numa agradável e adornada praça em calçada portuguesa, faz-lhe companhia uma estátua de homenagem a Gonçalo Velho (navegador português do século XV e 1º Capitão das ilhas de Santa Maria e São Miguel). A leste e oeste da praça erguem-se edifícios administrativos e bancários, cujas arcadas somam estética à praça, na nossa opinião. E oferecem uns belíssimos enquadramentos fotográficos.

Igreja São Sebastião

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelMesmo nas “costas” das Portas da Cidade está mais uma bela praça, o Largo da Matriz. Acabamos de lhe dar todas as pistas para depreender que a Igreja de São Sebastião é a matriz de Ponta Delgada. O atual templo religioso foi construído a partir da pedra basáltica negra que caracteriza todos os edifícios públicos dos Açores. Na origem, no longínquo ano de 1533, era uma pequena capela dedicada ao santo padroeiro da ilha, São Sebastião. De destacar o portal manuelino em pedra calcária sobressaindo na fachada barroca em pedra basáltica.

Na mesma época, foi adossada a torre do relógio e adicionada uma coleção de painéis de azulejo português ao interior, onde se destaca ainda a talha dourada e o mobiliário em madeiras exóticas vindas do Brasil. A melhor hora do dia para admirar a fachada é o entardecer, quando banhada pela luz suave do sol poente.

Louvre Michaelense, a pastelaria mais famosa de Ponta Delgada a dois passos da Igreja Matriz

O Largo da Matriz é também o ponto de confluência duma mão cheia de ruas onde se concentra o comércio local e algumas lojas icónicas que ainda preservam esse carácter autêntico e vintage de outros tempos.

Torre Sineira e Câmara Municipal de Ponta Delgada

Praça do Município – Roteiro para visitar Ponta Delgada

A Praça do Município tem menos fama que as anteriores, mas siga a nossa sugestão: não deixe passar em branco a oportunidade de ver o conjunto arquitetónico do edifício da Câmara Municipal de Ponta Delgada e da sua Torre Sineira. Lá do alto dos seus quase 30 metros poderá desfrutar de uma vista 360° que contempla toda a beleza da cidade de Ponta Delgada. O acesso é feito por escada-caracol com 106 degraus a visita (só em dias úteis) é cronometrada e acompanhada.

Torre Sineira – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Também nos agarrou o olhar (e a lente) a estátua do Arcanjo São Miguel, de espada em riste como que derramando a sua ira. É o ponto focal dum jogo visual entre os canteiros de flores, a fonte e a calçada portuguesa. Espreite e perceberá.

Forte de São Brás

Construído na segunda metade do século XVI, o Forte de São Brás, na extremidade ocidental do Porto de Ponta Delgada, é a maior fortaleza da ilha de São Miguel. O forte alberga, ainda hoje, o Comando da Zona Militar dos Açores. No perímetro exterior das muralhas encontra um espaço cuidado, decorado por âncoras e canhões, e uma monumento de homenagem aos Combatentes da Primeira Guerra Mundial. Caso seja apreciador de história militar, pode interessar-lhe visitar o Museu Militar dos Açores (€2) no interior. É a única forma de aceder à praça de armas e ter uma vista panorâmica da cidade e do porto subindo às muralhas e aos 4 baluartes.

Apesar de ter passado por grandes mudanças em 1800, conferindo-lhe o aspeto atual característico das fortificações renascentistas, ainda é uma relíquia cativante dos dias coloniais, quando Ponta Delgada tinha que defender as frotas comerciais que estavam sob a constante ameaça de ataques dos piratas e corsários ingleses, franceses e argelinos.

Campo de São Francisco

Mesmo defronte do Forte de São Brás, encontra o Campo de São Francisco. O nome deve-se ao Convento de São Francisco, ali construído no século XVI. É a maior praça da cidade e uma das maiores dos Açores ao redor da qual foi construído um notável património arquitetónico religioso e civil.

É também a morada do Monumento aos Emigrantes, uma homenagem de todas as Câmaras Municipais da ilha de São Miguel ao povo açoriano disperso pelo mundo. A peça, fundida em bronze, é da autoria de Álvaro Raposo de França. Há mais de 300 anos que o Campo acolhe as Festas em honra do Senhor Santo Cristo dos Milagres, congregando milhares de fiéis em seu redor.

Convento e Capela de Nossa Senhora da Esperança

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelProvavelmente, o local mais visitado de Ponta Delgada, o Convento e Capela de Nossa Senhora da Esperança foi concluído em 1541 e ainda é ocupado por freiras da ordem de São Francisco .

O seu interior guarda o Tesouro do Senhor Santo Cristo dos Milagres numa capela exuberante com fabulosos painéis de azulejo português do século XVIII (da autoria do maior mestre do género, António de Oliveira Bernardes) e um altar sublime, resultante dum intrincado e riquíssimo trabalho de talha dourada.

A capela está associada ao culto do Senhor Santo Cristo dos Milagres. A imagem do Ecce Homo é reverenciada por todos os açorianos. Trazida para a ilha no século XVI, a imagem só pode ser vista em determinadas horas, quando uma freira abre os portões internos para permitir que os visitantes a vejam. Sustenha a respiração porque esta também é uma oportunidade de admirar as vestimentas intrincadamente bordadas, relicários polidos e joias cintilantes que a cercam.

Dica VagaMundos: se visitar Ponta Delgada no quinto domingo após a Páscoa, verá a imagem num andor carregada pelos fiéis numa procissão que assinala a faustosa Festa do Senhor Santo Cristo dos Milagres. Há tapetes de flores nas ruas, fachadas de igrejas iluminadas por milhares de luzes, mercados e eventos musicais no Campo e um pouco por todo o centro histórico de Ponta Delgada.

Igreja do Colégio dos Jesuítas

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelAtraídos pelo cognome “Jardim dos Namorados”, subimos para norte da cidade em busca do Jardim Antero de Quental. Logo ao lado, fomos surpreendidos pela belíssima fachada barroca da Igreja do Colégio dos Jesuítas, como é comummente designada a Igreja de Todos os Santos que remonta ao século XVII. Atualmente funciona como Núcleo de Arte Sacra do Museu Carlos Machado.

A caminho, deambulamos por ruas de arquitetura típica, cruzando praças onde a vida ainda se pauta pelo ritmo despreocupado e convivial de outrora: os ponta-delgadenses têm a admirável capacidade de não se deixarem comandar pelos ponteiros do relógio.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Palácio da Conceição – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Aproveitamos para admirar aqueles lugares que não constam das listas de “imperdíveis a visitar em Ponta Delgada.” São usualmente aqueles que nos revelam o espírito dos lugares e a qualidade de vida.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Igreja da Nossa Senhora do Carmo – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Passamos por praças airosas como o Jardim Padre Sena Freitas coroado pelo Palácio da Conceição, detivemos o olhar na Igreja da Nossa Senhora do Carmo e cruzamo-nos com interessantes murais de street art, fruto do festival Walk&Talk.

Mercado da Graça

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelOs mercados das cidades são sempre um ponto de interesse que gostamos de espreitar e quando fomos visitar Ponta Delgada, o Mercado da Graça não nos podia escapar. Apesar de atualizado e adaptado aos nossos dias, ainda é um mercado com um ambiente local e típico. Havia fila para o Rei dos Queijos, uma das lojas mais célebres de Ponta Delgada. O nome diz tudo: dificilmente vai resistir a comprar umas talhadas de queijos das ilhas.

Para chegarmos ao Mercado da Graça, passamos primeiro pelo Teatro Micaelense. Se quiser incluir uma atividade cultural no seu roteiro para visitar Ponta Delgada, vale a pena espreitar o cartaz pois é muito interessante e traz sempre uma novidade à cidade.

Igreja de São Pedro

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelEstamos a chegar ao fim deste roteiro a pé pelo centro histórico de Ponta Delgada. Do Mercado da Graça à Igreja de São Pedro são uns escassos 350 metros. É uma das mais belas igrejas dos Açores, situada no alto da pequena colina de São Pedro com vista para o mar. A data de origem é desconhecida mas sabe-se da existência de edificações anteriores que não resistiram ao tempo. O atual templo foi construído ao gosto barroco português do século XVIII, como o revelam o pórtico de entrada, as colunas, e o altar-mor de talha dourada. A igreja é de uma única nave, estando todas as suas paredes revestidas de pinturas, incluindo o teto.

Jardim António Borges

O Jardim António Borges é um belo parque público situado um pouco fora do centro de Ponta Delgada. Como um oásis urbano, é perfeito para passeios românticos ou em família, já que os lagos, miradouros, grutas artificiais e trilhos labiríntico pelo meio duma frondosa floresta de plantas exóticas são excelentes para entreter os miúdos com uma “caça ao tesouro” imaginária.

António Borges, empresário e político açoriano interessado em Botânica, importou centenas de espécies exóticas para a ilha de São Miguel, transformando hectares da sua propriedade num jardim botânico privado no século XIX. Em 1950 passou para a posse do município de Ponta Delgada, que o abriu ao público possibilitando a sua visita gratuita diariamente. É uma excelente alternativa se não quiser pagar a entrada no Jardim Botânico José do Canto.

Roteiro para visitar Ponta Delgada em 2, 3 ou 4 dias

Dependendo dos seus interesses, os lugares a visitar em Ponta Delgada acima sugeridos facilmente ocupam 2 dias relaxantes na cidade. Mas não vão chegar para partir à aventura. É que o concelho de Ponta Delgada oferece ainda uma infinidade de experiências, atividades outdoor e turismo de saúde e bem-estar que fazem qualquer viagem a São Miguel tudo, menos aborrecida. Com as sugestões que lhe apresentamos a seguir, verá que facilmente consegue desenhar um roteiro para visitar Ponta Delgada (e arredores) em 3 ou 4 dias. E o mais certo é ainda lhe vai saber a pouco!

Praias de Ponta Delgada

Se for visitar Ponta Delgada no verão, vai querer conhecer as suas agradáveis praias. Para além de banhos de mar temperado, aproveita para desfrutar do cenário singular destas praias de areia preta.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelA nossa melhor sugestão para uma tarde bem preenchida é rumar a leste e percorrer a linha costeira entre Ponta Delgada e a Praia do Pópulo, atualmente unidas pela cénica Avenida do Mar. Consoante a sua disponibilidade de tempo, a pé, de bicicleta ou de carro são 5 km de agradável passeio à beira do mar e, pelo caminho, tem mais de uma mão cheia de pontos de interesse.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Miradouro do Ilhéu Rosto de Cão – Roteiro para visitar Ponta Delgada

O primeiro ponto de paragem é o Miradouro do Ilhéu de Rosto de Cão (escadas e passadiço de acesso recentemente melhorados) de onde se obtém uma vista privilegiada para o litoral, entre a cidade de Ponta Delgada e o vizinho município de Lagoa, e para o ilhéu homónimo. Na melhor das hipóteses, só lhe verá o dorso. É que o “rosto do cão” só é visível do mar, ponto donde a forma do ilhéu se assemelha a um cão deitado mirando o oceano.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Praia de São Roque – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Segue-se a Praia de São Roque. Pequena, abrigada e com a Igreja de São Roque dramaticamente empoleirada no topo dum rochedo de pedra vulcânica na arriba leste. Não há lente de câmara fotográfica que resista a este cenário.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Praia da Milícias – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Um pouco mais à frente irá encontrar a fantástica Praia das Milícias, uma das mais afamadas praias de São Miguel. O seu extenso e cénico areal de cor escura (escusado será dizer que é de origem vulcânica) convida não só a um prazenteiro passeio à beira mar, como também ao primeiro mergulho do seu roteiro para visitar Ponta Delgada.

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
Esculturas do escultor nipónico Minoru Nizuma – Roteiro para visitar Ponta Delgada

Imediatamente a leste da Praia das Milícias vai encontrar as ruínas do Forte de São Caetano, que outrora protegia a costa micaelense do ataque dos piratas e corsários. É certo que as ruínas encontram-se em péssimo estado, mas tem umas vistas sobre a vizinha Praia do Pópulo e o cabo da Ponta dos Caetanos simplesmente apaixonante. E, em jeito de bónus, pode ainda admirar as instagramáveis esculturas do escultor nipónico Minoru Nizuma dedicadas ao vulcanismo, à sismicidade e ao basalto, que ficam mesmo à frente da fortaleza.

Praia do Pópulo – Roteiro para visitar Ponta Delgada

A Praia do Pópulo é ótima para fechar o seu períplo pelas praias de Ponta Delgada, uma das favoritas dos ponta-delgadenses. Outra linda praia de areal negro, recortada por pequenas dunas verdejantes. Se resistiu ao mergulho na Praia das Milícias, tem aqui outra excelente oportunidade para ir banhos.

Plantação de Ananases Augusto Arruda

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelPara fechar qualquer um dos seus dias de roteiro a visitar Ponta Delgada que lhe seja mais conveniente, sugerimos uma visita à Plantação de Ananases Augusto Arruda, uma das mais afamadas da Ilha de São Miguel. Está aberta até às 20h e as visitas são gratuitas. Sabia que o ananás é uma flor? Descubra todas as fases do crescimento do ananás que leva até 2 anos até atingir a cor laranja que atesta que está pronto para ir à mesa. O Ananás dos Açores (DOP) é famoso pelo aroma e doçura mais intensos, apesar da pequena dimensão. No final, conheça as múltiplas aplicações do ananás em produtos exclusivos da plantação e vendidos na loja.

Lagoa das Sete Cidades

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelA espetacular caldeira vulcânica (cratera) da Lagoa das Sete Cidades é um dos locais mais emblemáticos e uma das grandes maravilhas naturais do arquipélago dos Açores. Vencedora das 7 Maravilhas Naturais de Portugal, a lagoa que nasceu na gigantesca cratera do Vulcão das Sete Cidades encontra-se dividida em duas, a Lagoa Azul e a Lagoa Verde. Fonte de lendas, é caracterizada por um romantismo apaixonante.

Acessível de veículo, é duma beleza absolutamente fascinante. Bastava a Lagoa das Setes Cidades para justificar pegar num carro e partir à descoberta, mas a ponta noroeste de São Miguel tem muito mais para oferecer. Ora veja as nossas sugestões:

  • Suba ao Miradouro da Vista do Rei, o mais famoso cartão postal da Lagoa das Sete Cidades, e aos miradouros do Cerrado das Freiras e da Lagoa de Santiago.
  • Atravesse a pé a Ponte das Sete Cidades e visite a instagramável Igreja de São Nicolau.
  • Aventure-se num passeio de kayak nas plácidas águas da Lagoa Azul, ou a pé pelas margens revestidas de frondosa vegetação da Lagoa Verde.
  • Desfrute das vistas do Miradouro do Pico do Carvão, e conheça a Lagoa do Carvão e do Aqueduto do Carvão.
  • Explore a floresta mágica da Serra da Devassa e os tesouros escondidos das Lagoas das Empadadas, da Lagoa Rasa e do Miradouro do Pico do Paul.
  • Rume ao Parque Florestal da Mata do Canário para conhecer a bela Lagoa do Canário e o fabuloso Miradouro da Grota do Inferno.

Mosteiros e Ponta da Ferraria

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São MiguelA costa oeste de São Miguel tem praias e piscinas naturais simplesmente irresistíveis. Como principais pontos de interesse as referências são a colorida vila piscatória de Mosteiros e a fajã lávica da Ponta da Ferraria, famosa pelas suas piscinas de águas termais. Não se esqueça do fato de banho nem do seu calçado de caminhadas, pois temos algumas sugestões de pequenos trilhos imperdíveis.

  • Visite o pitoresco porto de pesca de Mosteiros e a sua bonita Igreja Matriz.
  • Vá a banhos de mar na cénica Praia de Mosteiros ou nas Piscinas Naturais dos Caneiros.
  • Mire os Ilhéus dos Mosteiros da Ponta do Castelo.
  • Desfrute das vistas do Miradouro da Ponta do Escalvado e do Miradouro da Ilha Sabrina.
  • Caminhe sobre a rocha vulcânica da Ponta da Ferraria enquanto espera pela transição das marés para mergulhar nas “águas termais temperadas” da Piscina Natural da Ponta da Ferraria.

Restaurantes onde comer em Ponta Delgada

Visitar Ponta Delgada: roteiro de 2, 3 e 4 dias na capital de São Miguel
O famoso (e delicioso) bife da Associação

Ir aos Açores sem comer um bife, é pior que ir a Roma sem ver o Papa. O bife é uma religião com tanto devoto que as igrejas ficam à pinha quando chega a hora da missa. Metáforas à parte, o bife é uma instituição nos Açores e em São Miguel dá pelo nome de Bife à Regional ou Bife Micaelense.

Lapas Grelhadas

Depois de comermos (e lambermos os dedos!) o queijo fresco com pimenta da terra, as lapas grelhadas, os chicharros fritos, o polvo à micaelense, a morcela com ananás e o bife à regional, custou-nos engolir a afirmação “Ponta Delgada não tem pratos típicos.” Mas tem duas mãos cheias de restaurantes que oferecem o melhor da gastronomia da ilha de São Miguel.

Tasca Mané Cigano: é mesmo uma tasca: ambiente, decoração e clientela. Mas limpinha. O pessoal mete a quinta e toca a rodar as únicas 5 mesas da exígua sala à hora de almoço. Quem vem tarde, tem que esperar. Mas todos sabem ao que vêm. Nós fomos aos Chicharros (jaquinzinhos fritos) com pasta de feijão branco assado no forno, inhame, batata, pimenta da terra, um pires com limão galego e cebola curtida, o pickle caseiro. Vendem que nem pãezinhos quentes. Não sobrou um carapauzinho para contar a história e já não houve espaço no estômago para doces. Há ainda a carne guisada do Mané Cigano, polvo, feijão assado com carnes de porco, arroz malandrinho e peixe frito.

Restaurante Alcides: um dos restaurantes mais antigos de Ponta Delgada que tem fama de servir o melhor bife do centro histórico (onde a concorrência é mais que muita) e fomos confirmar. Longe de os provarmos todos, o Bife à Alcides, com o seu molho guloso, muito alho e pimenta da terra, converteu-nos em fiéis sem margem para dúvidas. Se não quiser perder o seu lugar à mesa, reserve com antecedência.

A Tasca: as filas à porta denunciam logo que este é o mais popular restaurante de Ponta Delgada. Muitos vão pelos petiscos (como as deliciosas e míticas lapas que recompensaram a espera na fila) ou pelo suculento bife de atum, pela bifana de atum ou pelo polvo à tasqueiro. De manhã à noite, não há parança. Escusa de telefonar para reservar. Todos têm de esperar pela sua vez, seja Pedro ou seja Paulo.

Bar da Caloura: as pessoas queixam-se do serviço lento e dos acompanhamentos básicos, mas a verdade é que as pessoas continuam a fazer fila à porta pelo peixe grelhado. Esqueça a reserva. Se houver fila, é chegar, escrever o nome e número de comensais no quadro de ardósia e esperar que chamem. Esqueça menus fixos. Todos os dias o cardápio varia e depende do peixe que vem à rede na faina do dia, garantidamente fresco. Esse é o argumento de peso do Bar da Caloura. E na cozinha há alguém com arte e engenho para grelhar cada um dos peixes que habitam o mar açoriano.

Restaurante Associação Agrícola de São Miguel: não é em Ponta Delgada, mas o Restaurante da Associação fica entre Rabo de Peixe e Ribeira Grande, a menos de 20 minutos de carro. E cada gota de combustível é bem empregue. O mítico Bife à Associação é uma das noves variações de bifes que vêm em todos os formatos e feitios, com três cortes à escolha, lombo (top!), vazia (de primeira!) ou pojadouro. Com conta, peso e medida. Bem, a conta vem no fim e pela qualidade do bife a peso, o preço até é leve para a medida. Reserve com muita antecedência, ou arrisca-se a ver navios. O bife da Associação é uma instituição e as filas à porta do restaurante, inevitáveis. Já vimos romarias com menos afluência.

Tours, excursões e atividades a partir de Ponta Delgada (São Miguel, Açores) 

Lagoa do Fogo

A partir de Ponta Delgada, há possibilidade de visitar lugares imperdíveis na ilha de São Miguel. Falamos, por exemplo, da Lagoa das Sete Cidades e da Lagoa do Fogo, ambas a cerca de 25 km da cidade, ou as Furnas a 40km. Se não pretende alugar carro em São Miguel, recomendamos vivamente que recorra a um tour local.

Vista aérea das Fumarolas da Lagoa das Furnas

Abaixo colocamos os nossos tours e atividades favoritas com saída de Ponta Delgada, que se apresentam como excelentes opções para quem está sem carro alugado e quer acrescentar mais um dia ou dois ao seu roteiro para visitar Ponta Delgada. Clique nos respetivos links para consultar os programas.

Tours de 1 dia a partir de Ponta Delgada

Dica VagaMundos: na escolha dos tours, e porque os imprevistos acontecem, evite sempre reservar tours que não permitam cancelamento gratuito. Dê prioridade às excursões e atividades que tenham boas reviews e permitam cancelar sem custos com (pelo menos) 48h de antecedência.

Mapa do roteiro para visitar Ponta Delgada


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa do roteiro para visitar Ponta Delgada.

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.