Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip

Anda à procura de inspiração e de dicas para planear a sua viagem à região da Puglia, o “salto da bota” da Itália? Então veio parar ao sítio certo. Neste artigo vai encontrar um guia e roteiro para visitar a Puglia (Apúlia) com os locais imperdíveis da região, as melhores praias, as aldeias mais bonitas, sugestões de alojamentos e muitas dicas práticas, para que não perca pitada e desfrute ao máximo da sua viagem por uma das regiões mais surpreendentes da Itália.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Polignano a Mare

Atrevemo-nos a dizer que a região da Puglia é um dos destinos mais completos (e um dos segredos mais bem guardados) do sul de Itália. É certo que o seu principal cartão-de-visita são as suas maravilhosas praias banhadas pelas cristalinas águas azul-turquesa dos mares Adriático e Jónico. Contudo, Puglia está (muito) longe de se resumir aos banhos de sol e mar.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Castel del Monte

Para além das excelentes praias e vistas costeiras, na Puglia vai encontrar cidades monumentais, apaixonantes vilarejos históricos, imponentes fortalezas, bucólicas paisagens rurais e, como não podia deixar de ser, comida e vinhos divinais.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Matera

E a cereja no topo do bolo é que esta região do sul da Itália (ainda) não é um destino turístico tão massificado como o das suas vizinhas Costa Amalfitana e Ilha de Capri. Isso não só permite uma viagem mais autêntica, como se reflete na carteira, visto que os preços dos alojamentos e demais serviços turísticos são significativamente inferiores aos praticados nas regiões balneares mais badaladas do sul de Itália. É aproveitar, enquanto o mundo inteiro não descobre os encantos da Puglia!

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Baia dei Turchi

Conteúdo deste Artigo

Informações, guia e dicas de viagem para visitar a Puglia (Apúlia)

Informações práticas

  • Língua: Italiana
  • Moeda: Euro
  • Fuso Horário: GMT +1
  • Indicativo Itália: +39
  • Visto Itália: sendo um país da EU, os cidadãos portugueses podem viajar para a Itália apenas com o Cartão de Cidadão, não sendo necessário qualquer tipo de visto. Os cidadãos brasileiros terão de levar o passaporte, mas também não precisam de visto para visitar a Itália (estadias para fins turísticos até 90 dias)

Onde fica a Puglia?

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Gallipoli

A Puglia fica situada no sul de Itália, mais concretamente na península vulgarmente conhecida como o “salto da bota” (ou tacão da bota) da Itália, tendo como sua capital a cidade de Bari. Banhada pelos mares Adriático e Jónico, é a região mais oriental de Itália, fazendo fronteira com as regiões da Campânia, Molise e Basilicata.

Como chegar à Puglia? Dicas de voos

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Ostuni

O Aeroporto Internacional de Bari (BRI) é a principal porta de entrada na região da Puglia. Várias companhias aéreas garantem voos diários para Bari partindo de Portugal, mas praticamente todos implicam fazer escala. Presentemente, só a Ryanair tem voos diretos para Bari, mas somente alguns dias da semana entre junho e outubro e com partida do Porto.

Uma boa alternativa, com imensa oferta de voos low cost, é voar para Nápoles, a capital da vizinha região da Campânia, que dista de sensivelmente 250 km de Bari. É uma opção especialmente válida caso queira aliar a sua viagem à Puglia com uma visita a Nápoles, à Costa Amalfitana e à Ilha de Capri, desenhando assim um roteiro pelo sul da Itália. Se for o caso, sugerimos que leia o nosso guia e roteiro para visitar a Costa Amalfitana e Capri.

Seguro de Viagem para a Puglia

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Monopoli

Algo que consideramos muito importante numa viagem à Puglia é um bom seguro de viagem com coberturas que nos façam sentir totalmente protegidos. E no atual contexto epidemiológico, é de crucial importância que um seguro de viagem tenha cobertura COVID-19. Só assim é possível viajar com tranquilidade.

Na hora de comprar um seguro de viagem, a nossa escolha recai sempre na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em seguros de viagem, apresenta sempre o melhor rácio custo-benefício do mercado, e todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19, a preços surpreendentemente económicos.

Clique para fazer uma simulação para a sua viagem à Puglia e não se esqueça que, ao utilizar o nosso link, terá um desconto de 5% na compra seu seguro de viagem.

Transportes públicos ou alugar carro para visitar a Puglia?

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Gruta da Poesia

Somos da opinião que a melhor maneira de explorar a Puglia é fazendo uma roadtrip. Viajar na Puglia de carro não só maximiza o seu tempo, como o facto de poder parar em qualquer lugar vai-lhe permitir desfrutar de paisagens maravilhosas e praias menos turísticas. Até porque, excetuando as grandes cidades, a grande maioria dos locais de interesse da Puglia não tem boas ligações de transportes públicos (muitas das vezes não as tem sequer).

Nós alugamos o nosso carro através da AutoEurope e correu tudo cinco estrelas, como de costume. O que gostamos da AutoEurope é que permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car (e assim encontrar o melhor preço disponível) sendo ainda possível cancelar o aluguer sem qualquer custo até 48h antes da partida.

Clique para ver todas as opções de aluguer de carro na Puglia

Quando visitar a Puglia?

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Praia Lama Monachile

A Puglia é a casa de algumas das melhores praias da Itália Continental. Logo, não é de admirar que o verão seja uma excelente altura para visitar a Puglia. O clima costuma ser quente e ensolarado, e as águas do Mar Adriático e do Mar Jónico estão bem quentinhas, o que as torna ainda mais irresistíveis.

Contudo, não há bela sem senão! É verdade que a Puglia está longe de ser tão popular internacionalmente como a Costa Amalfitana, mas é um destino muito popular entre os italianos que, literalmente, invadem as suas praias nos meses de veraneio. Posto isto, apesar dos preços dos alojamentos e restauração serem consideravelmente mais acessíveis que noutros destinos balneares do sul de Itália, durante a época alta não são propriamente económicos.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Martina Franca

Tendo tudo isto em conta, não hesitamos em afirmar que a melhor época para visitar a Puglia é nas shoulder seasons, mais concretamente nos meses de maio e junho, setembro e outubro, sendo que nestes dois últimos meses vai encontrar as águas bem mais quentinhas. O clima é, por norma, quente com dias de céu limpo, há consideravelmente menos turistas, os serviços turísticos estão abertos e os alojamentos têm melhores preços.

Para mais, e como já referimos, a Puglia não se resume às praias, tendo imensas aldeias e cidades históricas pejadas de monumentos, muitos deles listados como Património Mundial da UNESCO. Explorar esta faceta da Puglia sob o intenso calor do verão torna-se algo penoso, pelo que é mais um ponto a favor para visitar a Puglia na primavera e no outono.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Catedral de Lecce

Claro que também pode optar por visitar a Puglia nos meses de inverno para aproveitar os preços de saldo dos voos, alojamentos e alugueres de carro. Contudo, vá preparad@ para dias de chuva e frio e para encontrar a maioria dos serviços turísticos fechados e as aldeias sem vida. Se optar por visitar a Puglia nos meses de inverno, foque a sua visita nas principais cidades, como a capital, Bari, ou Lecce. Aí vai encontrar imenso património histórico para explorar e, se apanhar uns bons dias de sol, tem várias mãos cheias de praias à mão de semear para lavar as vistas.

Quantos dias são necessários para visitar a Puglia?

Para desfrutar ao máximo do roteiro para visitar a Puglia que desenhamos para si, o ideal é alocar pelo menos 7 dias à sua viagem.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Alberobello

Caso consiga acrescentar mais alguns dias, tanto melhor. Assim, terá tempo para conhecer sem pressas a maioria dos pontos de interesse da Puglia referidos no nosso roteiro, fazer uns relaxantes dias de praia ou até mesmo dar um saltinho à vizinha região da Campânia, para visitar Nápoles, Pompeia e/ou a apaixonante Costa Amalfitana.

Costa Amalfitana, um dos melhores destinos para combinar com uma viagem a Puglia

Só dispõe de 5 dias para visitar a Puglia? Não deixe de ir! Obviamente que a viagem será num passo bem mais apressado, terá de cortar um bocadinho nos banhos salgados e deixar para outra viagem alguns dos locais que destacamos no roteiro de 7 dias para visitar a Puglia. Ainda assim, acreditamos que vai regressar a casa igualmente maravilhad@ com esta região do sul de Itália. Se for esse o seu caso, espreite a nossa sugestão de roteiro para visitar a Puglia em 5 dias.

Onde ficar na Puglia? Sugestões de localidades para reservar alojamento

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Dormir num trulli é uma experiência a não perder num roteiro para visitar a Puglia

Como já referimos, os preços dos alojamentos na Puglia não são tão altos como nas vizinhas Costa Amalfitana e Ilha de Capri. Ainda assim, são superiores à média cobrada em Portugal.

Se deixar as reservas de alojamento para a última hora, arrisca-se a pagar o dobro do preço, sobretudo se estiver a planear viajar durante a época alta. Para conseguir os melhores preços recomendamos vivamente que reserve os seus alojamentos com bastante antecedência através do Booking.com, pois permite cancelar sem custos praticamente todas as reservas.

Na hora de escolher onde ficar na sua roadtrip pela Puglia, recomendamos que tenha sempre em atenção se a localidade conta com uma boa oferta de alojamentos e demais serviços dos quais vai seguramente precisar durante a viagem (restaurantes, supermercados, etc). Por norma, quanto maior a oferta, mais fácil é encontrar quartos a bons preços.

Posto isto, as localidades que sugerimos para pernoitar no nosso roteiro de 7 dias para visitar a Puglia são (pela ordem da viagem):

(Clique nos nomes das localidades para ver as melhores ofertas de alojamento e opte sempre por reservar unidades hoteleiras que permitam o cancelamento, não vá ter algum imprevisto.)

Por último, queremos salientar que, ao longo do roteiro, vamos sugerir-lhe os nossos alojamentos favoritos para cada um dos dias – testados e aprovados por nós – e adicionamos ainda algumas sugestões dos hotéis da respetiva localidade que apresentam a melhor relação qualidade/preço.

Roteiro para visitar a Puglia em 7 dias | Roadtrip com o melhor da Puglia

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Bari

O nosso roteiro para visitar a Puglia é circular, tendo início e fim na cidade de Bari. Pode fazê-lo na ordem que considere mais vantajosa, e até mesmo começar num dos pontos de interesse sugeridos que lhe seja mais conveniente e, a partir daí, desenhar o seu próprio roteiro.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Faraglioni di Sant’Andrea

É importante referir que o número de dias que sugerimos para o roteiro de 7 dias para visitar a Puglia não inclui os dias de viagem do ponto de origem para a Puglia e vice-versa. Logo, a não ser que o seu voo de ida seja matutino e o de regresso mais tardio (existem várias opções nesse sentido), terá sempre de acrescentar mais dois dias para a ida e volta desde o seu ponto de partida até à região da Puglia.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Matera

Queremos também sublinhar que o número de dias que sugerimos neste roteiro para visitar a Puglia pressupõe que a viagem seja feita com recurso a carro alugado. Caso opte por utilizar apenas transportes públicos, vai precisar de fazer alguns cortes ao nosso roteiro de 7 dias ou, em alternativa, acrescentar mais um ou dois dias à sua viagem.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Castelo Carlo V – Monopoli

Se é nosso leitor assíduo, já sabe que nos nossos roteiros o número de dias é meramente indicativo. Se abdicar de fazer algumas das atividades que sugerimos ou cortar alguns pontos de interesse, pode fazer este roteiro em menos dias. Por isso mesmo, e como já referimos atrás, desenhamos também um roteiro de 5 dias para visitar a Puglia. Pode consultá-lo imediatamente abaixo do roteiro de 7 dias.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Ostuni

Por último, apesar do nosso roteiro para visitar a Puglia arrancar em Bari, recomendamos que, por questões logísticas, reserve a visita à cidade para o último dos 7 dias do roteiro. Assim fica com a possibilidade de entregar o seu carro de aluguer um dia antes do término da sua viagem à Puglia, poupando algum dinheiro no processo, mas sobretudo livrando-se das dores de cabeça do estacionamento em Bari.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Catedral de Otranto

Claro que pode fazer ao contrário, ou seja alugar o carro após visitar Bari, mas como a capital da província não é propriamente a cidade mais turística da região, indo com tempo contado dificilmente lhe vai querer dedicar um dia inteiro de viagem. Na verdade, há até quem opte por excluir Bari do seu roteiro para visitar a Puglia, algo que nós não aconselhamos de todo, pois Bari tem um centro histórico super autêntico e com pontos de interesse que mais do que justificam a visita.

Roteiro para visitar a Puglia: Dia 1

Bari – Polignano a Mare – Monopoli – Alberobello

Polignano a Mare

Depois de apanhar o seu carro alugado, comece o seu roteiro para visitar a Puglia rumando até Polignano a Mare, a terra natal do famoso cantor Domenico Modugno (autor de Volare), que se tornou um dos maiores cartões postais da costa adriática da Puglia, muito por culpa da sua idílica localização.

Lama Monachile

É que Polignano a Mare fica empoleirada sobre falésias calcárias, onde se formaram largas dezenas de grutas, entre elas a enorme Grotta Palazzase, que alberga um hotel de luxo e um dos restaurantes mais impressionantes de toda a Itália. Mas a joia da coroa é a praia Lama Monachile, uma cénica cala de águas azul-turquesa encaixada entre duas falésias cobertas por um alvo casario que desafia a gravidade. Parece uma pintura!

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Grotta Palazzase

Para além da incontornável visita à Lama Monachile, não deixe de atravessar o Arco Marchesale, a ancestral porta de entrada de Polignano a Mare, o ponto de partida para um passeio pelo labiríntico centro histórico de Polignano a Mare. Os pontos de interesse para os quais chamamos a sua atenção são a animada Piazza Vittorio Emanuele II, onde irá encontrar a Igreja Matriz Santa Maria Assunta e o Palazzo dell’Orologio, e a Piazza Miani Perotti, onde poderá ver o antigo Palazzo del Governatore.

Dica VagaMundos: se vir que tem tempo, não deixe de fazer um passeio de barco pela costa de Polignano a Mare, para conhecer as suas maravilhosas grutas. Nós fizemos este passeio de barco de hora e meia (clique para ver) e gostamos imenso da relação qualidade preço.

Monopoli

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | RoadtripA próxima paragem do nosso roteiro para visitar a Puglia será em Monopoli, uma das nossas cidades costeiras favoritas na costa do Adriático. Monopoli é muito menos turística do que a sua célebre vizinha Polignano a Mare, mas no que a beleza e monumentalidade diz respeito não se lhe fica nada atrás. Muito pelo contrário!

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Catedral Madonna della Madia

O centro histórico de Monopoli é ainda mais apaixonante (e autêntico) do que o de Polignano a Mare. Imagine um emaranhado de ruas e ruelas empedradas, ladeadas por casas caiadas de branco, pincelada de pequenas praças, palacetes e igrejas, e fica com uma ideia do que @ espera.

Os locais que consideramos de visita obrigatória e as experiências a não perder em Monopoli são as seguintes:

  • Fazer um passeio pela marginal (lungomare) de Monopoli. Pelo caminho irá encontrar o Bastião Santa Maria, a Igreja Santa Maria della Zaffara, a Igreja Rettoria del Gesù Salvatore e o imponente Castelo Carlo V, de onde poderá desfrutar de vistas incríveis sobre a cidade velha e o mar Adriático.
  • Visitar o Porto Antigo de Monopoli, pejado de coloridos barcos de pesca.
  • Entrar no centro histórico de Monopoli pela Porta dell’antico Porto e ir tomar uma bebida ou comer um gelado numa das esplanadas da animada Piazza Giuseppe Garibaldi.
  • Visitar a maravilhosa Catedral Madonna della Madia, o ex-libris de Monopoli.
  • Deambular pelas ruelas do centro histórico, não deixando de passar pela Piazza Palmieri (onde irá encontrar o Palazzo Palmieri e a Igreja de Santa Teresa) e de visitar as igrejas Rettoria di Santa Maria Amalfitana e Rettoria Santa Maria del Suffragio.

Alberobello

Termine o primeiro dia do seu roteiro para visitar Puglia rumando até ao Vale d’Itria, mais concretamente até Alberobello, a cidade onde se encontra a maior concentração de trulli, as icónicas construções de pedra com telhados cónicos da Puglia, classificados como Património Mundial pela UNESCO.

Existem dois grandes bairros de trulli em Alberobello, nomeadamente o Rione Monti e o Rione Aia Piccola.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Rioni Monti

O Rioni Monti é o maior e mais famoso, com mais de 1000 trulli em excelente estado de conservação. Escusado será dizer que é também o bairro mais turístico sendo que a maioria dos trulli são hoje lojas de souvenirs e casas de alojamentos local. Contudo, deambular pelas suas ruelas não deixa de ser encantador. No topo do bairro irá encontrar a lindíssima Igreja de Santo António, também ela construída com a arquitetura dos trulli.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Igreja de Santo António

Para uma experiência mais autêntica sugerimos que faça também um passeio pelo vizinho bairro Rione Aia Piccola onde se concentram cerca de 500 trulli. Por ser exclusivamente residencial, permite ver os trulli com bem menos maquilhagem.

Rione Aia Piccola

Para além dos “obrigatórios” passeios pelos bairros Rione Monti e Rione Aia Piccola sugerimos que visite também o Museu Trullo Sovrano (o único trullo de dois andares de Alberobello onde poderá aprender mais sobre estas sui generis construções) e a Basílica Santi Medici Cosma e Damiano (não tem arquitetura de trulli, mas merece visita).

Onde ficar em Alberobello? Sugestões de Alojamento

Charming Trulli

Com ótima relação qualidade/preço, o Charming Trulli disponibiliza suites e apartamentos incríveis. Só tem de escolher entre um encantador e confortável trullo tradicional, para uma experiência mais autêntica e única, ou a comodidade duma típica casa de pedra da região. Ao lado do Trullo Sovrano, e com estacionamento público gratuito nas redondezas, a localização dos apartamentos autossuficientes é perfeita para explorar Alberobello a pé.

Tipico Resort

Dispersos por trullis ou casas de pedra tradicionais bem no centro de Rione Monti, os apartamentos e quartos aclimatizados do Tipico Resort apresentam uma decoração típica de bom gosto, com casa de banho privativa. Servem um pequeno almoço simples e bom que pode pagar à parte.

Clique para ver mais opções de alojamento em Alberobello

Roteiro para visitar a Puglia: Dia 2

Alberobello – Locorotondo – Martina Franca – Ostuni – Lecce

Locorotondo

O segundo dia do nosso roteiro para visitar a Puglia será dedicado a conhecer alguns dos povoados históricos mais bonitos do Vale d’Itria. O primeiro deles será Locorotondo, um lindo vilarejo medieval muralhado plantado no topo de uma colina, cujo compacto centro histórico @ vai fazer viajar no tempo.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Torre do Relógio

Atravesse a Porta Napoli, a principal porta de acesso ao centro histórico, e perca-se pelas estreitas vielas empedradas do seu centro histórico, observando o seu típico casario alvo. Durante o seu passeio, preste especial atenção aos seguintes pontos de interesse:

  • Piazza Rodio, o coração da vila medieval
  • Igrejas de São Jorge e da Anunciação
  • Palácio Morelli e Torre do Relógio
  • Igreja Madonna del Soccorso
  • Igreja românica Madonna della Greca e Igreja de San Rocco (ficam junto à Porta Nova, mesmo ao lado do centro histórico muralhado)
  • Villa Comunale, o jardim público da vila onde poderá desfrutar de belas vistas sobre as vinhas e campos de oliveiras que rodeiam Locorotondo.

Martina Franca

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Basílica di San Martino

A próxima paragem do nosso roteiro para visitar a Puglia será em Martina Franca, a maior cidade do Valle d’Itria, famosa pelo estilo barroco da sua arquitetura, bem patente nas suas opulentas igrejas e nas fachadas e varandins dos seus palácios e palacetes.

Arco di Santo Stefano

Os locais que consideramos imperdíveis numa visita a Martina Franca são os seguintes:

  • Arco di Santo Stefano, a principal porta de entrada no centro histórico de Martina Franca.
  • Piazza Roma, onde se encontra o Palazzo Ducale.
  • Basílica di San Martino, o ex-libris da arte barroca de Martina Franca
  • Palazzo dell’Università e Torre Cívica
  • Piazza Maria Immacolata, a praça mais bonita da cidade
  • Percorrer as ruas Via Cavour e Via Principe Umberto, onde irá encontrar vários edifícios de estilo barroco, com destaque para o Palazzo Maggi, o Palazzo Motolese e a Igreja di San Domenico.

Ostuni

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | RoadtripMartina Franca visitada, continue o seu roteiro para visitar a Puglia rumando até Ostuni, a “cidade branca da Puglia”, que nos trouxe à memória os apaixonantes Pueblos Blancos da Andaluzia.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Arco Scoppa

Ostuni fica situada no topo de uma colina sobranceira a extensos campos de oliveiras que se espraiam até ao mar Adriático. Estamos desconfiados que logo que a veja ao longe, com o casario branco da sua cidadela a crescer colina acima, vai ser amor à primeira vista.

Catedral di Santa Maria dell’Assunzione

Deambular pelas labirínticas ruelas do seu centro histórico, onde se esconde um riquíssimo património histórico, é uma autêntica viagem no tempo e será seguramente um dos pontos altos do seu roteiro a visitar a Puglia.

Piazza della Libertà

Os locais que consideramos imperdíveis numa visita a Ostuni são as seguintes:

  • Piazza della Libertà, onde irá encontrar a icónica Coluna di Sant’Oronzo, a Igreja de São Francisco de Assis e o lindo Edifício da Câmara Municipal.
  • Percorrer a Via Cattedrale, a principal artéria da cidadela de Ostuni, que liga a Piazza della Libertà à Piazza Cattedrale. Pelo caminho irá encontrar um antigo mosteiro carmelita que presentemente alberga o Museu da Civilização pré-clássica da Murgia Meridional.
  • Piazza Cattedrale, a “casa” da majestosa Catedral di Santa Maria dell’Assunzione de estilo romano-gótico. A sua rosácea é uma das maiores de toda a Itália.
  • Arco Scoppa, um maravilhoso arco que liga o Palazzo Vescovile e o Palazzo del Seminario (fica mesmo em frente à Catedral)

Feche o segundo dia do seu roteiro a visitar a Puglia rumando até Lecce, a principal cidade da península salentina (o famoso tacão da bota da Itália). O mais certo é já chegar bem tarde, por isso, o melhor é reservar as visitas para o dia seguinte.

Onde ficar em Lecce? Sugestões de Alojamento

Arco Vecchio

Localizado no coração do centro histórico de Lecce, o moderno bed & breakfast Arco Vecchio tem tudo para uma estadia verdadeiramente fantástica. Mérito de uma equipa atenciosa e amável. Dos quartos privados só podemos dizer bem: confortáveis, espaçosos, aclimatizados, limpos e perfumados. O pequeno almoço buffet com produtos típicos da região de Salento é simplesmente soberbo. A relação qualidade/preço é estupenda.

Rudiae Boutique

Um bed & breakfast mais económico e funcional, mas com personalidade, é o Rudiae Boutique. Fica numa zona tranquila e muito perto do centro histórico de Lecce. Os quartos privados aclimatizados são confortáveis e de bom tamanho, com varanda e casa de banho moderna privada. O pequeno almoço é servido num café ao fundo da rua.

Clique para ver mais opções de alojamento em Lecce

Roteiro para visitar a Puglia: Dia 3

Lecce

Catedral de Lecce

O terceiro dia do nosso roteiro para visitar a Puglia será todo ele dedicado a conhecer a monumental cidade de Lecce, conhecida pelo cognome de “Florença do Sul de Itália”, devido ao seu enorme património histórico e artístico, com destaque para a sublime arquitetura barroca dos seus edifícios e para o enorme legado romano.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Porta San Biagio

Como já deve ter desconfiado, não falta o que ver e fazer na capital do barroco do sul de Itália. Os locais que consideramos de visita obrigatória e as experiências a não perder em Lecce são as seguintes:

  • Porta Rudiae, Porta Napoli e Porta San Biagio, as principais portas de entrada no centro histórico de Lecce
  • Percorrer a maravilhosa Via Giuseppe Libertini, a principal artéria pedonal da cidade, que é uma autêntica exposição a céu aberto de fachadas barrocas em “pietra leccese” (pedra branca típica desta região), com destaque para a magnífica Basílica de São João Batista e a Igreja de Santa Teresa.
  • Piazza del Duomo, onde se encontra a monumental Catedral de Lecce dedicada à Nossa Senhora da Assunção, o renascentista Palácio Episcopal e o Seminário.
  • Piazza Sant’Oronzo, o “salão de visitas” de Lecce, onde se encontra a icónica Coluna de Santo Oronzo (o padroeiro da cidade) e o Anfiteatro Romano.
  • Basílica da Santa Cruz, a joia da coroa da arquitetura barroca de Lecce
  • Teatro Romano
  • Igreja de São Mateus e Igreja de Santa Clara
  • Castelo Carlo V, uma das maiores fortalezas da Puglia
Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Piazza Sant’Oronzo
Teatro Romano

Roteiro para visitar a Puglia: Dia 4

Lecce – Gruta da Poesia – Faraglioni di Sant’Andrea – Baia dei Turchi – Otranto

Gruta da Poesia (Grotta della Poesia)

O quarto dia do nosso roteiro para visitar a Puglia vai levá-l@ a conhecer alguns dos cantinhos mais mágicos da costa adriática. O primeiro deles será a Gruta da Poesia, considerada uma das piscinas naturais mais bonitas da Itália.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | RoadtripA Gruta da Poesia é a maior das grutas cársicas do sítio arqueológico de Roca Vecchia, um dos locais proto-históricos mais importantes da Itália, tendo sido criada pela erosão dos elementos que escavaram os penhascos de calcário. O maravilhoso entorno natural aliado às encantadoras águas azul-turquesa fizeram da Gruta da Poesia uma autêntica meca para os veraneantes que visitavam a Puglia, desejosos por dar um mergulho nas suas plácidas águas, um pouco à imagem do que acontece na famosa Saint Peter’s Pool, em Malta.

Contudo, desde 2019, os banhos na Gruta da Poesia estão estritamente proibidos e o acesso à mesma é pago durante a época alta. A razão é simples. Para além da sua beleza natural, a Gruta da Poesia é um importantíssimo local arqueológico, tendo sido utilizado para rituais religiosos desde a Idade do Ferro, e as multidões de banhistas estavam a destruir os vestígios arqueológicos.

Apesar de não ser possível ir a banhos, em nossa opinião, continua a justificar-se incluir a Gruta da Poesia num roteiro para visitar a Puglia, até porque, no sítio arqueológico de Roca Vecchia poderá visitar também a Grotta della Poesia Piccola (Pequena Gruta da Poesia), a Torre Costeira di Maradico e o Santuário Madonna di Roca Vecchia.

Faraglioni di Sant’Andrea

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | RoadtripA próxima paragem do nosso roteiro para visitar a Puglia será na Torre Sant’Andrea, o melhor local para observar os Faraglioni di Sant’Andrea, uma das paisagens costeiras mais surpreendentes da costa do adriático.

Os Faraglioni di Sant’Andrea são colossais formações calcárias de mil formas e feitios esculpidas a preceito pelos elementos, sendo a mais famosa o Arco degli Innamorati, de onde os mais corajosos dão vertiginosos mergulhos no mar. Uma verdadeira obra de arte da natureza que poderá desfrutar fazendo uma pequena caminhada ao longo das falésias da Torre Sant’Andrea.

Baia dei Turchi

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | RoadtripVistas desfrutadas, continue o seu roteiro para visitar a Puglia rumando até à Baia dei Turchi (Baía dos Turcos), onde se encontram as nossas praias favoritas na península de Salento.

A Baia dei Turchi é, no fundo, uma sucessão de enseadas arenosas e rochosas, abrigadas por arribas e bordejadas por um verdejante pinhal e mata mediterrânica. Os tons azul-caribenho da água cristalina aliados ao estupendo enquadramento paisagístico vão obriga-l@o a beliscar-se para ter a certeza de que não foi teletransportad@ para outras latitudes.

Como já deve ter depreendido, a Baia dei Turchi é uma zona bastante selvagem. A maioria das praias não tem serviços de apoio e, as que têm, são muito básicos. Relativamente perto das praias irá encontrar vários parques de estacionamento pagos onde pode deixar a sua viatura. Contudo, todos implicam fazer uma pequena caminhada pelo pinhal, ou recorrer a um serviço de transfer, para chegar às praias. Escusado será dizer que quanto menos quiser andar, mais terá de desembolsar. É o preço a pagar para poder dar um mergulho no paraíso!

Dica VagaMundos: se acrescentar um dia ao seu roteiro para visitar a Puglia para desfrutar das praias da Baia dei Turchi, aproveite para dar um saltinho à vizinha Praia Alimini, outro pedacinho do céu da Costa do Adriático.

Otranto

Catedral de Santa Maria da Anunciação

O quarto dia do nosso roteiro para visitar a Puglia termina em Otranto, uma encantadora vila costeira muralhada que tem como ex-libris a soberba Catedral de Santa Maria da Anunciação, conhecida pelo seu singular chão de mosaicos coloridos que ilustram a “Árvore da Vida”. Destaque ainda para os seus divinais frescos bizantinos e para a Capela dos Mortos, a versão italiana da Capela dos Ossos de Évora.

Para além da Catedral de Santa Maria da Anunciação, os outros locais de interesse de Otranto aos quais recomendamos visita são o Castelo Aragonês (sim, os nossos vizinhos espanhóis também andaram por estas bandas), a Porta Alfonsina (a principal porta de entrada no centro histórico de Otranto), a Piazza del Popolo (onde irá encontrar a Torre dell’Orologio), a Igreja de São Pedro e o Porto de Otranto.

Onde ficar em Otranto? Sugestões de Alojamento

Tenuta Centoporte

O Tenuta Centoporte é um resort moderno, situado apenas a 5 minutos de carro da cidade costeira de Otranto. As comodidades incluem uma piscina exterior fantástica rodeada por terraço para banhos de sol, um restaurante que serve gastronomia tradicional da região de Salento, um agradável bar e estacionamento gratuito. Os quartos são espaçosos e decorados com bom gosto, equipados com ar condicionado, mini-fridge e televisão por satélite. O pequeno almoço é soberbo.

Hotel Bellavista

Com uma localização imbatível no passeio marítimo em Otranto, o Hotel Bellavista é um boutique hotel de gerência familiar, perfeito para uma estadia confortável na popular estância balnear. Totalmente renovado, as áreas comuns são brilhantes e têm uma atmosfera acolhedora e amigável. Dispõe de quartos privados super confortáveis, harmoniosos e climatizados, alguns com varanda e vista mar.

Clique para ver mais opções de alojamento em Otranto

Roteiro para visitar a Puglia: Dia 5

Otranto – Calla Dell’Acquaviva – Gallipoli – Spiaggia di Torre Lapillo – Matera

Calla Dell’Acquaviva

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | RoadtripComece o quinto dia do seu roteiro para visitar a Puglia rumando até à Calla Dell’Acquaviva, um pequeno fiorde formado por um braço de mar espremido por entre as rochas calcárias bordadas por verdejante vegetação, criando uma linda baía de águas azul-turquesa perfeitas para nadar e praticar snorkeling.

Não vá é a contar com águas quentinhas, pois o nome Acquaviva (Água Viva) não foi dado à toa. Na baía desaguam vários ribeiros que temperam as águas quentes do Mar Adriático e garantem refrescantes mergulhos mesmo nos escaldantes meses de verão. Como a praia é praticamente toda de rocha, se quiser ir a banhos, recomendamos que leve calçado aquático (aquashoes). Assim evita escorregar e magoar os pés, tanto nos acessos à água como dentro de água.

Gallipoli

A próxima paragem do nosso roteiro para visitar a Puglia será na cidade de Gallipoli, cujo centro histórico muralhado fica idilicamente situado numa pequena ilha do Mar Jónico, unida ao continente por uma ponte de pedra construída no século XVI.

Praia da Purità

Gallipoli foi fundada pelos gregos e a herança helénica continua bem presente nas labirínticas ruelas do centro histórico, onde dá gosto deambular sem pressas. Os locais que consideramos imperdíveis numa visita a Gallipoli são os seguintes:

  • Catedral de Sant’Agata
  • Castelo Angioino
  • Igreja de São Francisco de Assis
  • Igreja Santa Maria della Purità
  • Praia da Purità (uma pequena praia de areia no centro histórico de Gallipoli)
  • Fonte Grega e Santuário di Santa Maria del Canneto (fora do recinto muralhado)
  • Baía Verde (um enorme areal às portas de Gallipoli pejado de sedutoras praias – fica a referência para o caso de querer fazer uns dias de praia na sua viagem à Puglia)

Spiaggia di Torre Lapillo (Porto Cesareo)

Gallipoli visitada, continue o seu roteiro para visitar a Puglia rumando até à região de Porto Cesareo mais concretamente à Spiaggia di Torre Lapillo, uma das praias mais badaladas da costa do Mar Jónico.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Spiaggia di Torre Lapillo

E a fama tem toda a razão de ser. Imagine uma praia de areia fina que ladeia uma enorme baía de águas rasas azul-turquesa (ao estilo caribenho) munida com excelentes infraestruturas de apoio e fica com uma ideia do que o espera em Torre Lapillo. Avisamos de antemão que, se a visitar no verão, vai ser muito difícil arredar pé.

Porto Selvaggio

Depois dos mergulhos salgados, feche dia rumando até à ancestral cidade de Matera. É certo que já não fica em Puglia, mas sim na província vizinha de Basilicata, mas como fica mesmo na fronteira seria quase um pecado não a incluir no seu roteiro para visitar a Puglia. Estamos seguros de que, quando lhe botar o olho em cima, vai logo perceber porquê. O mais certo é já chegar bem tarde a Matera, por isso, o melhor é reservar as visitas para o dia seguinte.

Matera
Dica VagaMundos: se quiser acrescentar uns dias de praia ao seu roteiro para visitar a Puglia, a região de Porto Cesareo é uma das melhores apostas. Tem uma enorme oferta de alojamentos e restauração e um número incrível de praias paradisíacas por quilómetro quadrado. Para além das badaladas praias da Baía de Lapillo, destacamos a Spiaggia di Torre Chianca (também ela munida de boas infraestruturas de apoio) e as praias selvagens de Frascone e de Porto Selvaggio, ambas perfeitas para um mergulho rodeado de natureza.

Onde ficar em Matera? Sugestões de Alojamento

5 Elementi Sassi Matera

Com as principais atrações acessíveis a pé, a guesthouse 5 Elementi Sassi Matera é uma excelente opção de alojamento no centro de Matera. A experiência nos quartos-caverna desta unidade, duplos e familiares, é memorável e única. Conforto, acolhimento, ambiente e limpeza levam nota máxima. Se ainda está hesitante em reservar aqui o quarto, a simpatia e receção calorosa do staff, o pequeno almoço soberbo e as vistas do terraço para a cidade ajudam na decisão.

Palazzo Degli Abati

Não faltam hotéis repletos de charme em Matera, mas poucos são tão agradáveis ​​quanto o soberbo Palazzo Degli Abati. O palazzo do século XVIII acolhe um moderno hotel de 4 estrelas que dispõe de suites em estilo clássico, dignas da nobreza, de tetos altos artisticamente decorados com afrescos e apliques de gesso decorativo, e de suites-caverna, com mobiliário moderno e minimalista. O design de interiores é genial. Localização central, pequeno almoço soberbo, e vistas estupendas do rooftop, tem tudo para uma estadia perfeita.

Clique para ver mais opções de alojamento em Matera

Roteiro para visitar a Puglia: Dia 6

Matera

O sexto dia do nosso roteiro para visitar a Puglia será todo ele dedicado a explorar Matera, uma das cidades mais antigas e singulares da Europa, cujas origens remontam à era paleolítica, classificada como Património Mundial da UNESCO desde 1993 e nomeada Capital Europeia da Cultura em 2019.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Sasso Barisano

O seu centro histórico, conhecido pelo nome de Sassi di Matera (Pedras de Matera em italiano), está literalmente escavado nas rochas de colossais desfiladeiros, formando um autêntico labirinto de estreitas e empinadas ruelas que serpenteiam por entre uma infinidade de casas e igrejas cravadas ou encavalitadas nas rochas.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Sasso Caveoso

Um cenário que tem tanto de surreal como de deslumbrante, e que nos trouxe à memória as casas trogloditas e as igrejas bizantinas da Capadócia, também elas cravadas nos rochedos. Não é à toa que Matera tem sido consecutivamente escolhida como cenário de filmes, entre eles a famosa Paixão de Cristo de Mel Gibson (sim, Matera faz de Jerusalém) e o 007: Sem Tempo para Morrer (No Time to Die) com Daniel Craig na pele do espião mais famoso do mundo.

Catedral de Matera

Matera encontra-se dividida entre a parte alta Il Piano e La Civita, onde se encontra o Castelo e a Catedral, e o labiríntico centro histórico, que por sua vez se divide em dois bairros: o sasso Caveoso (o bairro mais antigo de Matera onde foram escavadas as primeiras casas-caverna de Matera e onde irá encontrar as igrejas rupestres) e o sasso Barisano (onde, para além das casas típicas, já irá encontrar alguns palacetes barrocos). Deambular por ambos os bairros do Sassi di Matera é simplesmente mágico!

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Igreja de San Pietro Caveoso

Agora que já sabe o que @ espera, listamos abaixo os locais que consideramos de visita obrigatória e as experiências a não perder em Matera:

  • Visitar a Catedral de Matera, que fica localizada na Piazza Duomo, precisamente no topo da colina que separa os dois bairros do Sassi di Matera. Para além da beleza do templo da Piazza Duomo, poderá desfrutar de uma linda vista panorâmica sobre o sasso
  • Cisterna Palombaro Lungo, uma colossal cisterna escavada nas rochas debaixo da Piazza Vittorio Veneto. Relativamente perto da piazza poderá visitar também a Igreja Românica de São João Batista.
  • Desfrutar das fantásticas vistas sobre o Sassi di Matera do Miradouro Luigi Guerrichio (localizado na Piazza Vittorio Veneto), e do Miradouro da Piazzetta Pascoli. O primeiro é perfeito para observar o sasso Barisano e o segundo, o sasso Caveoso.
  • Igrejas rupestres de Madonna de Idris e de Santa Lucia alle Malve (estão ambas localizadas no sasso Caveoso) e Igreja de San Pietro Caveoso.
  • Miradouro Murgia Timone: fica localizado do outro lado do desfiladeiro e brinda o visitante com a melhor vista panorâmica sobre Matera. Pode ser acedido por carro ou fazendo uma rasgadinha caminhada desde o centro histórico, atravessando o desfiladeiro por uma cénica ponte suspensa, a que chamam Ponte Tibetano della Gravina – são aproximadamente 5 km ida e volta.
  • Casa Noha, uma casa-museu onde poderá conhecer toda a história da cidade de Matera.
  • Castelo Tramontano
Dica VagaMundos: é perfeitamente seguro percorrer as labirínticas ruelas do Sassi di Matera por conta própria (perder-se momentaneamente faz parte da experiência), mas, para ter a certeza que não perde pitada dos encantos de Matera, pode sempre fazer uma visita guiada. Se for a sua preferência, sugerimos que espreite este tour guiado pelo coração do centro histórico de Matera. Apresenta uma excelente relação qualidade/preço e pode ser cancelado até 24 horas de antecedência com reembolso integral.

Roteiro para visitar a Puglia: Dia 7

Matera – Castel del Monte – Bari

Castel del Monte

A primeira paragem do último dia do nosso roteiro para visitar a Puglia será no Castel del Monte, a fortaleza mais impressionante da Puglia, classificada como Património Mundial da UNESCO.

Este misterioso castelo em formato octogonal foi construído pelo imperador Frederico II do Sacro Império Romano-Germânico, no século XIII, e é considerado uma peça ímpar da arquitetura militar medieval. Para além da sua singular estrutura octogonal, com oito imponentes torres de mais de 25 metros de altura, o Castel del Monte combina, com mestria, elementos de vários estilos arquitetónicos, por exemplo, da Antiguidade Clássica, do Médio Oriente e do gótico cisterciense do norte da Europa.

Para preservar o monumento, foi estabelecido um limite de visitas diárias por isso, se quiser visitar o interior do castelo, recomendamos vivamente que compre o seu bilhete online com o máximo de antecedência possível.

Bari

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | RoadtripO nosso roteiro para visitar a Puglia termina com uma visita a Bari, a capital da província. Como já mencionamos, há muitos viajantes que se limitam a ir à capital da Puglia pelo benefício de ter aeroporto, excluindo Bari do seu roteiro para visitar a Puglia. Algo que em nossa opinião é um erro!

Basílica de São Nicolau

É certo que Bari não tem a monumentalidade de Lecce, nem o encanto dos vilarejos do Vale d’Itria. Em contrapartida, é uma das cidades com mais alma da Puglia, com as ruas a fervilhar de vida, deliciosa street food, e um cento histórico interessante com monumentos que mais do que justificam a visita. É a Puglia sem maquilhagem e nós, confessamos, gostamos dela assim.

Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Ruela da Bari Vecchia

Visto que terá pouco mais de uma tarde para conhecer Bari, recomendamos que foque a sua visita no centro histórico, conhecido como Bari Vecchia. Os locais que consideramos de visita obrigatória e as experiências a não perder são as seguintes:

  • Piazza del Ferrarese, o principal ponto de acesso à Bari Vecchia, onde irá encontrar excelentes restaurantes com aprazíveis esplanadas.
  • Piazza Mercantile, o centro político e comercial da era medieval, onde irá encontrar o Palazzo del Sedile e a Coluna Infame (ou da Justiça) onde outrora eram amarrados aqueles que não pagavam as suas dívidas.
  • Visitar a Catedral de São Sabino e a Basílica de São Nicolau, os principais templos religiosos de Bari.
  • Visitar o imponente Castelo Svevo e o Fortim de Santo António.
  • Fazer um passeio ao longo da Lungomare Araldo di Crollalanza, a animada marginal de Bari.
  • Strada Arco Basso, onde irá encontrar várias senhoras a preparar e vender as afamadas orecchiette, a pasta fresca típica da Puglia com formato de orelha.
  • Provar um sgagliozze (polenta frita), a rainha da street food de Bari.
Roteiro Puglia: o que visitar em 5 e 7 dias | Roadtrip
Catedral de São Sabino

 

Onde ficar em Bari? Sugestões de Alojamento

Hotel Imago

Encontrar o Hotel Imago foi um daqueles acasos felizes. Gostamos de hotéis que tragam ideias frescas ao setor e este design hotel é um caso de sucesso em Bari. Os quartos privados, em estilo minimalista, brilham de limpos, são amplos, aclimatizados e habitados pelo sossego. Todos com chaleira elétrica e mini-fridge. O pequeno almoço é um pequeno banquete de delícias. E faltam palavras para elogiar a equipa: cordial, gentil, prestável, disponível.

Hotel Boston

Bem central e próximo das atrações de Bari, o Hotel Boston é um “velho” conhecido dos hóspedes e ficou estupendo agora que levou um revamp total, nas áreas comuns e nos quartos privados single, duplos e suites, acolhedores e aclimatizados. Além do conforto e modernidade, o que mais se destaca nos quartos é a harmonia das cores, a luz natural e o ambiente clean-fresh.

Clique para ver mais opções de alojamento em Bari

Mapa do Roteiro de 7 dias (1 semana) para visitar a Puglia


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa com os principais pontos de interesse a incluir num roteiro para visitar a Puglia em 7 dias (1 semana).

Roteiro de 5 dias para visitar a Puglia

Só tem 5 dias para visitar a Puglia? Naturalmente que a viagem será feita num passo um pouco mais apressado, terá de cortar nos mergulhos salgados e abdicar de visitar alguns dos pontos de interesse da Puglia que referimos no nosso roteiro de 7 dias para visitar a Puglia.

Ainda assim, o itinerário que desenhamos, vai permitir-lhe visitar os principais cartões-postais da Puglia e estamos convictos de que vai regressar a casa completamente rendid@ aos encantos da Puglia. Claro que pode sempre optar por condensar o roteiro de 7 dias em 5 dias, mas vai passar demasiado tempo a correr de um lado para o outro e pouco tempo nos locais de interesse.

Abaixo encontra a nossa sugestão de roteiro para 5 dias na Puglia, podendo ler a respetiva descrição dos locais de interesse no roteiro de 7 dias para visitar a Puglia.

Dia 1

Bari – Polignano a Mare – Monopoli – Alberobello

Clique para ver as melhores opções de alojamento em Alberobello

Dia 2

Locorotondo – Ostuni – Lecce

Clique para ver as melhores opções de alojamento em Lecce

Dia 3

Lecce – Gruta da Poesia – Otranto – Matera

Clique para ver as melhores opções de alojamento em Matera

Dia 4

Matera

Clique para ver as melhores opções de alojamento em Matera

Dia 5

Matera – Castel del Monte – Bari

Clique para ver as melhores opções de alojamento em Bari

Mapa do Roteiro de 5 dias para visitar a Puglia


Clique no canto superior direito para aumentar o mapa com os principais pontos de interesse a incluir num roteiro para visitar a Puglia em 5 dias.

Outros artigos da Itália

Prepare a sua próxima Viagem

Reserve o seu alojamento através do Booking.com. É onde encontramos sempre as melhores promoções e permite cancelar a reserva sem custos.

No GetYourGuide e na Civitatis encontra sempre as melhores atividades e tours locais e pode ainda reservar o seu transfer do aeroporto e saltar as filas comprando antecipadamente as entradas para os principais monumentos.

Jogue pelo seguro e faça um seguro de viagem na IATI Seguros. É uma agência 100% especializada em viagens e apresenta o melhor rácio custo-benefício do mercado, sendo que todos os seus seguros contam com excelentes coberturas COVID-19. Se utilizar o nosso link terá um desconto de 5% por ser nosso leitor.

Se precisa de alugar um carro para a sua próxima viagem recomendamos que utilize a AutoEurope. Permite comparar os preços de dezenas de empresas de rent-a-car e é possível cancelar o aluguer sem custos até 48h antes da partida.

Esta página contem links afiliados. Só recomendamos marcas que utilizamos e confiamos a 100%. Se efectuar as suas reservas através desses links recebemos uma pequena comissão. Dessa forma está a ajudar o VagaMundos a manter-se vivo. E o melhor de tudo é que você não paga mais por isso. Muito Obrigado!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.